Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

A força é mais devida à musculatura, não às adaptações neurais


Torf

Posts Recomendados

Quando perguntamos sobre a relação entre o crescimento muscular e os ganhos de força, estamos perguntando: “até que ponto os ganhos de força são influenciados por adaptações ‘neurais’ e até que ponto os ganhos de força são influenciados por adaptações estruturais (ou seja, hipertróficas)?” No entanto, na maioria das vezes, quando os pesquisadores investigam essa questão, a força é quantificada, o tamanho do músculo é quantificado e as adaptações neurais são meramente supostas para “preencher a lacuna”.

 

Com isso em mente, o estudo atualmente revisado preenche uma grande lacuna em nossa compreensão deste tópico. Os pesquisadores recrutaram 16 homens treinados (média de 5,9 anos de experiência em treinamento de resistência) e 14 homens não treinados. A força de flexão isométrica máxima do cotovelo dos sujeitos, a área anatômica da seção transversal do bíceps e o comportamento da unidade motora durante as contrações isométricas submáximas foram avaliados.

 

Os resultados do estudo foram diretos: os levantadores treinados eram consideravelmente mais fortes do que os não treinados (64,8% maior força isométrica máxima de flexão do cotovelo) e consideravelmente mais musculosos do que os não treinados (71,9% maior área anatômica da seção transversal do bíceps). No entanto, o comportamento da unidade motora foi semelhante entre os grupos.

 

A última frase do resumo resume bem essas descobertas: “A maior capacidade absoluta de geração de força de [indivíduos treinados em força] para a mesma entrada neural, demonstra que fatores morfológicos, em vez de neurais, são o mecanismo predominante para sua geração de força aprimorada durante esforços submáximos”.

 

Com isso em mente, pode-se ficar mais convencido de que, para pessoas saudáveis sem problemas neurológicos, o tamanho do músculo é realmente o principal determinante da força contrátil do músculo, com todos os outros fatores desempenhando papéis muito menores. Quando você remove qualquer técnica ou componente baseado em habilidade da equação, os fatores “neurais” não parecem importar muito: músculos maiores são músculos mais fortes.

 

Referência:

 

Casolo A, Del Vecchio A, Balshaw TG, Maeo S, Lanza MB, Felici F, Folland JP, Farina D. Behavior of motor units during submaximal isometric contractions in chronically strength-trained individuals. J Appl Physiol (1985). 2021 Nov 1;131(5):1584-1598. doi: 10.1152/japplphysiol.00192.2021. Epub 2021 Oct 7. PMID: 34617822.

 

jappl-00192-2021r01.png

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Torf mudou o título para A força é mais devida à musculatura, não às adaptações neurais

Publicidade

Desde que li esse estudo acima tento confirmar a hipótese exposta da falta de estudos sobre adaptacäo neural e parece que é isso mesmo. Näo há muita coisa. Mas pra quem se interessar, há um estudo relativamente interessante, The knowns and unknowns of neural adaptations to resistance training.

 

Škarabot, J., Brownstein, C.G., Casolo, A. et al. The knowns and unknowns of neural adaptations to resistance training. Eur J Appl Physiol 121, 675–685 (2021). https://doi.org/10.1007/s00421-020-04567-3

 

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

É estranho. Contrariando a pesquisa, eu acho que força advém mais de adaptação neural e também uma "skill" sua. Igual tu no futebol, se treinar mais frequentemente, vai ficar melhor naquilo. A força eu vejo do mesmo jeito, se tu agacha 3x na semana, vai agachar melhor e com mais carga que quem só agacha uma.

 

E ah, falando nisso. Acho engraçado como os gringos são bitolados com isso de carga. Tinha um garoto supinando com 35 kg cada halter, e eu falei que era impressionante, pois mesmo maior que ele, eu só supinava com 22. Aí comentaram lá "então tem grandes chances de você não ser maior que ele" e ainda saí como mentiroso kkkkkkk 

 

Esse é o shape dele que supina com 35 kg cada halter: https://imgur.com/a/Ybw7VqA

 

Não tô desmerecendo, mas isso só prova que carga não é tudo. Um maluco trembolonizado da minha que até compete, eu vi fazendo esses dias com 35 kg "só". 

 

Ou seja, pra esse mlk ter um shape e peitoral decente, seguindo a lógica deles, ele terá de supinar com 50 cada halter kkkk coisa de loco. 

 

De qualquer forma, acho mesmo intrigante como um mlk desses aguenta tanto, eu já morro pegando um halter mais pesado e sou bem maior q ele.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Em 19/03/2022 em 05:02, Zyzzfodase disse:

É estranho. Contrariando a pesquisa, eu acho que força advém mais de adaptação neural e também uma "skill" sua. Igual tu no futebol, se treinar mais frequentemente, vai ficar melhor naquilo. A força eu vejo do mesmo jeito, se tu agacha 3x na semana, vai agachar melhor e com mais carga que quem só agacha uma.

 

Adaptação neural que ele menciona é a capacidade de enviar um comando mais intenso do cérebro para o músculo e esse limite a gente atinge bem rápido. 

 

O resto da força é músculo, musculos mais densos e mais eficientes.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Em 19/03/2022 em 05:02, Zyzzfodase disse:

É estranho. Contrariando a pesquisa, eu acho que força advém mais de adaptação neural e também uma "skill" sua. Igual tu no futebol, se treinar mais frequentemente, vai ficar melhor naquilo. A força eu vejo do mesmo jeito, se tu agacha 3x na semana, vai agachar melhor e com mais carga que quem só agacha uma.

 

E ah, falando nisso. Acho engraçado como os gringos são bitolados com isso de carga. Tinha um garoto supinando com 35 kg cada halter, e eu falei que era impressionante, pois mesmo maior que ele, eu só supinava com 22. Aí comentaram lá "então tem grandes chances de você não ser maior que ele" e ainda saí como mentiroso kkkkkkk 

 

Esse é o shape dele que supina com 35 kg cada halter: https://imgur.com/a/Ybw7VqA

 

Não tô desmerecendo, mas isso só prova que carga não é tudo. Um maluco trembolonizado da minha que até compete, eu vi fazendo esses dias com 35 kg "só". 

 

Ou seja, pra esse mlk ter um shape e peitoral decente, seguindo a lógica deles, ele terá de supinar com 50 cada halter kkkk coisa de loco. 

 

De qualquer forma, acho mesmo intrigante como um mlk desses aguenta tanto, eu já morro pegando um halter mais pesado e sou bem maior q ele.

 

Em 19/03/2022 em 07:44, Zanne disse:

 

Adaptação neural que ele menciona é a capacidade de enviar um comando mais intenso do cérebro para o músculo e esse limite a gente atinge bem rápido. 

 

O resto da força é músculo, musculos mais densos e mais eficientes.

Complementando o que o Zanne colocou.

Tu não podes extrapolar o achado do estudo para tarefas complexas. Como tu mesmo comentaste, quanto mais proficiente se torna em um movimento, mais força consegue expressar, sem necessariamente uma maior hipertrofia, e isso se da por adaptações neurais (em grande parte).

 

"Mas pera, não acabamos de ver que o impulso nervoso não muda entre treinados e não treinados?"

 

De fato não muda e isolando uma ação concêntrica, quem tem a maior hipertrofia em uma contração isométrica vai ser o mais forte, SEMPRE. Todavia, em uma ação que dependa de:

- estabilizadores;

- neutralizadores;

- inibição de antagonistas;

- utilização ou não de força potencial elástica;

- e por ai vai.

As adaptações neurais é que ditam o quão eficiente vai ser o teu movimento, e nesse caso, nem sempre mais hipertrofia vai significar maior expressão de força no ato motor específico.

 

Hipertrofia = capacidade funcional do músculo.

Eficiência mecânica (que pode ser dita como neural) = capacidade de utilização desse potencial.

Editado por debew
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Em 19/03/2022 em 03:33, Torf disse:

Desde que li esse estudo acima tento confirmar a hipótese exposta da falta de estudos sobre adaptacäo neural e parece que é isso mesmo. Näo há muita coisa. Mas pra quem se interessar, há um estudo relativamente interessante, The knowns and unknowns of neural adaptations to resistance training.

 

Škarabot, J., Brownstein, C.G., Casolo, A. et al. The knowns and unknowns of neural adaptations to resistance training. Eur J Appl Physiol 121, 675–685 (2021). https://doi.org/10.1007/s00421-020-04567-3

 

 

 

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 2 semanas depois...

Se isso fosse verdade não teriam atletas levantando 4x o peso do próprio corpo com shape de grilo. 

 

Compare um powerlifter de categorias baixas e um bodybuilder e isso cai por terra. O bodybuilder tem mais musculatura mas é mais fraco.

 

Não percam o contato com a realidade!

Editado por RegParkizinho
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
  • Quem Está Navegando   0 membros estão online

    • Nenhum usuário registrado visualizando esta página.
×
×
  • Criar Novo...