Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Clique aqui

Pesquisar na Comunidade

Mostrando resultados para as tags ''leucina''.



Mais opções de pesquisa

  • Pesquisar por Tags

    Digite tags separadas por vírgulas
  • Pesquisar por Autor

Tipo de Conteúdo


Fóruns

  • Hipertrofia
    • Venda de Suplementos
    • Nutrição e Suplementação
    • Treinamento
    • Esteróides Anabolizantes
    • Geral
    • Diário de Treino
    • Saúde e Qualidade de Vida
    • Academia em Casa
    • Área Feminina
    • Assuntos Acadêmicos
    • Entrevistas
    • Arquivo
  • Assuntos gerais
    • Off-Topic
    • Mixed Martial Arts
    • Fisiculturismo, Powerlifting e Outros
  • Fisiculturismo
  • Multimídia
    • Vídeos de Fisiculturismo e Strongman
    • Fotos Fisiculturismo
    • Fotos de Usuários
  • Fórum
    • Críticas, Sugestões e Suporte ao Fórum
    • Lixeira
  • Off-Topic

Encontrar resultados em...

Encontrar resultados que contenham...


Data de Criação

  • Início

    FIM


Data de Atualização

  • Início

    FIM


Filtrar pelo número de...

Data de Registro

  • Início

    FIM


Grupo


AIM


MSN


Website URL


ICQ


Yahoo


Jabber


Skype


Localização


Peso


Altura


Idade

Conteúdo continua após a publicidade.

Encontrado 5 registros

  1. Boa Tarde Monstros Primeiramente faz séculos que não venho aqui comentar nada sobre meu processo no mundo da maromba. E hoje vim aqui pra relatar pra vocês o meu protocolo de OFF, o famoso feijão com arroz dos ciclos hahahaha. Primeiramente, vim aqui postar e informar pra vocês que nesse tempo sumido, em 2013 virei atleta " fisiculturista " onde fui campeão 2 vezes consecutivas em 2013 " Categoria 75kg " e 2014 " Categoria 75kg " pela IFBB Pernambuco e em 2015, 3 vezes consecutivas, 2 delas na categoria de 80kg e 1 na categoria de 75kg onde fui campeão overal pela IFBB Natal . Esse ano não pude competir infelizmente, por problemas financeiros, mas se Deus quiser estarei competindo ano que vem, provavelmente em março, buscando classificatória para o Arnold Classic Voltando ao asssunto, e então o caso é esse eu ja tinha começado esse OFF mas com produtos de outra marca, e iniciei o protocolo com 85kg, onde o protocolo tinha objetivo de durar 10 a 12 semanas, mas nesse tempo apenas ganhei 3kg. Sei que tem algo de errado, com a dieta não é pois quem me acompanha desde esse começo de jornada é o DUDU HALUCH então confio de olhos fechados nele, e tambem já fiz muitos OFFs onde vi ganhos mais rápidos com outras drogas e com doses menores. Então eu creio que era o produto que eu utilizei, por que quando você já é acostumado com produtos, você percebe algo de estranho no que você está utilizando. Objetivo do OFF Como estou atualmente pesando 88kg pretendo chegar na casa dos 95kg ou 100kg se conseguir, mas quero chegar com a melhor qualidade possível comparando com o peso final, para poder descer para 80kg que será meu peso de competição, por que eu penso da seguinte maneira, no ultimo champs eu estava com 85kg onde em perdi 10.4kg e subi na categoria de 75kg onde meu objetivo era tentar subir no classico para ver a proporção e quantidade de massa muscular, mas não consegui bater o peso ideal que era 73kg, então penso o seguinte, se eu consegui abaixar ainda mais o peso da minha categoria atual e ainda consegui subir aparentemente maior do que quando subi com 80kg, eu tenho mais massa muscular para construir e poder subir com 80kg bastante seco e grande, então o objetivo é esse, construir mais massa muscular e subir com 80kg com a melhor qualidade possivel, nas fotos que postarei vocês vão ver a evolução qualidade e definição do shape. Então vamos ao que importa: Altura: 171 cm Peso atual: 88kg Idade: 25 anos O protocolo atual é esse: 1G de sustan por semana 600mg de nandrolona por semana Carboidratos em média: 1287,8Kcal Proteinas em média : 940,08Kcal Gorduras em média : 478,53 Kcal Como falei la em cima não tenho fotos de poses atuais para comparação mas tenho essas que ja ajudam bastante. Ultimo champ campeão da categoria 75kg e Overal http://ap.imagensbrasil.org/image/p4QWvA Foto de evolução do Shape. http://ap.imagensbrasil.org/image/p4QRjW Foto do shape na ultima preparação onde não pude competir http://ap.imagensbrasil.org/image/p4Qo4H
  2. Oi! Eu tenho 16 anos e sou bemm magra , eu decidi começar a malhar esse ano por incentivo do meu namorado que também está no começo ... O problema é: não faço ideia de como tomar,que horas tomar, e porque tomar. Meu namorado disse p no começo eu tomar só whey isolado+ oxyelite pro. Mas esse oxyelite não é p emagrecer? e EU QUERO ENGORDAAAR; Ele tb disse p não tomar o dextrose que não adianta de nada. Eu fiz um cardápio p mim com base em outros cardapios de mulheres que são magras e querem ganhar massa. Vejam: 1ª Refeição (6:00 hrs) 1 capsula em jejum de oxyelite whey isolado 1 tablete de MULTIVITAMÍNICO 3 fatias de pão integral light 6 claras de ovos mexidos 250 ml de Iogurte desnatado 2ª Refeição (9:00 horas) 350ml de suco de laranja sem açúcar 1 fruta 1 sardinha enlatada 3ª Refeição – (12:30 hrs) 1 concha de feijão 200g de Arroz integral Salada a vontade 150g de peito de frango 4ª Refeição (15:00 hrs) 2 fatias de pão integral light 100g de peito de peru 2 fatias de queijo branco light 5ª Refeição (17:00 hrs) 2 filés de peito de frango salada e legumes Antes do treino (30 minutos antes) 3 cápsulas de BCAA Pós-treino 1 dose de suplemento dextrose+creatina+leucina. 1 dose de suplementos com whey protein isolada 1 dose de glutamina 3 tabletes de BCAA Oxyelite Pro 6ª Refeição – Antes de dormir 1 dose de glutamina No que vcs podem me ajudar? Dizendo o que acharam do cardápio, tirar a minda dúvida em relação, por exemplo, pós treino: tem bastante suplemento, eu posso misturar todos e beber de uma vez?? , e lembrando que tb aceito dicas e o meu principal objeitovo é ficar definida,com pernas grossas e bumbum durino. Beijos, obrigada
  3. E aí galera, beleza? Esse é meu segundo tópico no fórum então espero a ajuda de todos aí ;D Ontem comprei um BCAA (Informações nutricionais no final do tópico) e preciso adentrá-lo na minha dieta. Sei que muitos questionam o efeito do BCAA, mas agora já comprei e pretendo usá-lo contra o efeito catabólico e a fadiga muscular, já que estou numa fase de "cutting", meu treino é um tipo de "circuito" sem descanso e depois do treino ainda faço o HIIT com corda ou na bike mesmo. (Caso não saiba o que é HIIT clique Além do BCAA, ganhei em um evento um multi-vitamínico da SunDown, operdiçá-lo, é importado e custa relativamente caro aqui kkkk Aqui vai a dieta + suplementação: Suplementos usados: Whey Protein Isolado Sylvester USA BCAA Ultra Concentrado (1500mg por tablete) NeoNutri Dextrose Atlhetica Multi-vitamínico SunVite Advanced Formula, da Sundown 06:00 - Café da Manhã - 400ml de leite desnatado - ½ Mamão - 3 colheres de sopa de Linhaça 09:40 - Lanche da Manhã - 2 Fatias de pão integral - 3 Fatias de peito de peru 13:00 - Almoço - 7 Colheres de sopa de arroz - 2 Conchas de feijão - 200g de filé de frango - Salada à vontade 14:20 TREINO - (Não sei quanto tempo antes do treino tomar) 2 Cápsulas de BCAA NeoNutri Ultra Concentrado (1500mg por tablete) - 30g de Whey Protein Sylvester USA Isolado + 40g Dextrose da Atlhetica logo após o treino - (Não sei quanto tempo depois do treino tomar) 2 Cápsulas de BCAA NeoNutri Ultra Concentrado (1500mg por tablete) 15:50 - Lanche da Tarde - 400ml de Leite desnatado ou 2 Iogurtes light (Corpus/Molico) - 2 Fatias de pão integral - 3 Fatias de peito de peru 19:00 – Jantar - 200g de filé de frango - 1 colher de sopa de azeite - Salada à vontade 21:00 – Ceia - Gelatina Diet ou 6 claras de ovo Espero que possam ajudar! Quem quiser opinar na dieta também fique a vontade, mas lembre-se que estou em fase de perda de BF. Grande abraço a todos Informações Nutricionais do BCAA Porção: 4g (2 cápsulas) Quantidade % IDR * por porção do BCAA Valor energético 12 Kcal 1% Proteínas 3 g 4% L-leucina 1500 mg 100% L-isoleucina 750 mg 70% L-valina 750 mg 70% * Valores Diários de referência com base em uma dieta de 2.000Kcal ou 8.400Kj. Seus valores diários podem ser maiores ou menores dependendo de suas necessidades energéticas.
  4. Objetivo: Cutting e manutenção de MM. Li que L-leucina isolada: "Ajuda a evitar consideravelmente o catabolismo muscular" "promove anabolismo muscular e aumento do nível de aminoácidos no sangue" "torna uma refeição proteica até 65% mais anabólica" "Ajuda na recuperação muscular ao longo do dia e do descanso" "Leucina só tem efeito anabólico se for 5g e se for consumida c/ carboidratos" " 15 minutos antes de uma refeição com bastante proteína e com algum carbo, ou seja, antes almoço, antes jantar, antes ceia" mas também li que: "Não devemos comer carbo a noite em cutting" Então? Os dois pensamentos fazem sentido para mim. Coloco pelo menos uma fatia de pão integral junto com o jantar basicamente proteico? ou não melhor não? Dados e minha dieta completa em: http://www.hipertrofia.org/forum/topic/100036-avaliem-minha-dieta-cutting-em-ex-obeso/
  5. MECANISMOS DE AÇÃO DA SUPLEMENTAÇÃO DE LEUCINA Atualmente, a suplementação de leucina deixou de ser considerada apenas uma estratégia de oferta de aminoácidos essenciais ramificados. Tal designação deve-se aos potentes efeitos fisiofarmacológicos que a suplementação isolada de leucina é capaz de exercer sobre sistemas de síntese e degradação proteica muscular. A este exemplo, os trabalhos pioneiros de Anthony et al. (2000a) e Crozier et al. (2005) demonstraram que a suplementação de leucina, administrada através de gavagem em ratos no estado de jejum (pós-absortivo), é capaz de estimular marcadamente a síntese proteica na musculatura esquelética. Digno de nota constitui-se o fato de que o aumento da síntese proteica nestes animais é dependente do aumento na taxa de tradução de RNAs mensageiros (RNAm), sendo delicadamente controlada pela via mTOR (mammalian target of rapamycin) (ANTHONY et al., 2000b). Ainda é desconhecido o mecanismo pelo qual a suplementação de leucina é capaz de estimular a proteína cinase mTOR. Entretanto, especula-se a possível existência de receptores de membrana sensíveis à estimulação induzida por aminoácidos essenciais, entre eles a leucina. Adicionalmente, também é desconhecida a origem do sinal que desencadeia a ativação da mTOR induzida pela leucina. Porém, evidências recentes apontam que a suplementação com aminoácidos pode (SMITH et al., 2005) ou não (LONG et al., 2005) estimular a ligação da proteína Rheb (Ras homolog enriched in brain) complexada a GTP (guanosina trifosfato) com a proteína mTOR, o que permitiria a propagação na sinalização dos aminoácidos. Uma vez induzida pela leucina, a ativação da mTOR culmina com o aumento agudo da síntese proteica. O incremento da síntese proteica pode ocorrer através de mecanismos distintos, todos dirigidos no sentido de aumentar a tradução de RNAm codificando proteínas. Uma forma clássica de regulação da síntese proteica ocorre através do aumento na transcrição de genes codificando proteínas, o qual acarreta no aumento da oferta de RNAm para a maquinaria ribossômica, envolvida na tradução de proteínas. Surpreendentemente, a suplementação de leucina não parece aumentar a síntese proteica através dos mecanismos supracitados (genômicos) (PROUD, 2007). De fato, o aumento na síntese proteica induzido pela suplementação de leucina parece ser modulado principalmente através de mecanismos pós traducionais (não genômicos), através do aumento na taxa de tradução de RNAm já existentes, processo que recebe o nome de eficiência traducional. Para que tal efeito seja bem sucedido, uma etapa crucial de regulação é a aumentada taxa de ligação do fator de iniciação eucariótico (eIF) 4E à região 7metilguanosina do RNAm, o que permite que outros fatores de iniciação eucarióticos (eIF4G e eIF4A) formem o complexo eIF4F. Este complexo desempenha a tarefa de desnovelar estruturas secundárias na região não traduzida do RNAm, bem como permitem o acoplamento do RNAm ao ribossomo (KIMBALL & JEFFERSON, 2006). Dentre as proteínas que controlam a disponibilidade do eIF4E em ligar-se ao RNAm, cita-se a família de proteínas ligantes do fator de iniciação eucariótico 4E, cujo membro mais bem estudado é a 4EBP-1. Digno de nota, constitui-se o fato de que a suplementação de leucina é capaz de induzir uma robusta resposta de fosforilação da proteína 4EBP-1, a qual em seu estado fosforilado é capaz de desacoplar-se do eIF4E. Uma vez livre, eIF4E é capaz de reacoplar-se ao eIF4G e eIF4A (complexo eIF4F), permitindo associação ao RNAm e aumento na taxa de tradução dos mesmos (KIMBALL & JEFFERSON, 2006). Um outro mecanismo de ação no aumento da síntese proteica induzida pela leucina é a fosforilação da proteína cinase de 70kDa S6K1, também conhecida como p70S6K. A fosforilação desta cinase é capaz de induzir fosforilação de importantes substratos, como a proteína ribossômica S6, o fator de iniciação eucariótico 4B (eIF4B), e a proteína cinase envolvida no processo de alongamento do processo de tradução, (do Inglês eukaryotic elongation factor kinase 2 ou eEF2k), consequentemente afetando ambos, a iniciação e o alongamento de outras classes de RNAm (KIMBALL & JEFFERSON, 2006). Estes mecanismos de ação constituem peças chave no aumento da síntese protéica induzida por aminoácidos. Em relação à inibição da proteólise muscular, os mecanismos são muito mais obscuros (ZANCHI et al., 2008). Entretanto, diversos estudos têm apontado que a suplementação de leucina é capaz de inibir tanto a proteólise dependente de ATP como a proteólise lisossomal (COMBARET et al., 2005; MORDIER et al., 2000). Ainda mais, a suplementação de leucina parece ser capaz de exercer também ações genômicas, sendo capaz de diminuir a ativação de programas gênicos, induzidos em condições atróficas (BUSQUETS et al., 2000; HERNINGTYAS et al., 2008; SUGAWARA et al., 2008). Desta forma, a suplementação de leucina parece atuar tanto na ativação de mecanismos sintéticos quanto na inibição de mecanismos proteolíticos, sendo uma potencial estratégia antiatrófica. Pra quem quiser o texto completo, referencias.... http://www.4shared.c...0Mackenzie.html
×
×
  • Criar Novo...