Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Pesquisar na Comunidade

Mostrando resultados para as tags ''cetotifeno''.

  • Pesquisar por Tags

    Digite tags separadas por vírgulas
  • Pesquisar por Autor

Tipo de Conteúdo


Fóruns

  • Principais discussões
    • Venda de Suplementos
    • Dieta e suplementação
    • Treinamento
    • Esteroides Anabolizantes e outros ergogênicos
    • Musculação em geral
    • Terapia de reposição hormonal (TRT E TRH)
    • Diário de Treino
    • Saúde e bem estar
    • Fisiculturismo
    • Sala de avaliação / Antes e depois
    • Academia em Casa
    • Área Feminina
    • Off-Topic
    • Entrevistas
  • Assuntos gerais
  • Fisiculturismo
  • Multimídia
  • Fórum
    • Funcionamento do fórum
    • Lixeira

Encontrar resultados em...

Encontrar resultados que contenham...


Data de Criação

  • Início

    FIM


Data de Atualização

  • Início

    FIM


Filtrar pelo número de...

Data de Registro

  • Início

    FIM


Grupo


AIM


MSN


Website URL


ICQ


Yahoo


Jabber


Skype


Localização


Peso


Altura


Idade

Encontrado 6 registros

  1. Boa tarde galera, td certo? Gostaria de saber se estou indo pelo caminho certo. BF Atual: 31% Peso antes: 110 Peso atual: 92 Deficit Calórico desde Outubro de 2018 Treino de 5 a 6 dias por semana intercalando com cardio. Estou querendo utilizar 30 dias ON com o cetotifeno e slow-k ( Preciso utilizar todos os dias o cetotifeno?) dias 1 até 8 (1ml) dias 9 até 13 (2ml) dias 14 até 18 (3ml) dias 19 até 23 (4ml) dias 24 até dia 30 (6ml) Logo apos estou pensando em utilizar 10 dias de cafeina 420mg + Lcarlitina Será que vou utilizar atoa a cafeina? estará saturado o beta2? ou ela tbm em outros receptores? Obrigado.
  2. Olá Pessoal, Começo hoje um relato sobre meu cutting utilizando nos 15 primeiros dias Cetotifeno + Aerolin. e Seguir nos próximos 15 dias usando Efedrina e Cafeina e assim revesando. Não tenho um BF% fixo como meta porém vou tentar diminuir o máximo possível pra um possível Ciclo de Bulking limpo em Janeiro , fica a ressalva que usarei um comprimido de Yomax em Jejum pelas manhãs. Já treino a um bom tempo porém venho de 2 contusões sérias ( rompimento de tendão de aquiles e ligamento cruzado) aonde perdi muita massa muscular e desanimei muito da academia.. vendo treinando desde março porém com a dieta toda desapropriada e pretendo dar um UP com esse cutting. Bom vamos lá. Idade: 27 anos Altura: 1,85m Peso: 95kg (Início do Cutting) BF: 23% (Início do Cutting) Tempo de Treino: 6 anos entre indas e vindas. MEDIDAS - spoiler: TAXA MÉDIA BASAL E CALORIAS DIÁRIAS NECESSARIAS - Spoiler: PROTOCOLO DO CICLO - spoiler: bom minha dieta é dividida em 6 refeições porém joguei no aplicativo só pra caucular os Macros, vou dividir em Desejum - Carne Moída, Brócolis Café da manhã - Leite ou Iogurte com Aveia Almoço - Lanche da Tarde Amendoim e Ricota Pré-Treino Batata Doce Frango Pós Treino liquido Leite+whey + Malto Janta - Ceia - Syntha 6 + Leite Suplementou utilizados: Vitamina C BCAA Glutamina Whey Protein ZMA Creatina Multivitamínico TREINO - spoiler: FOTOS - spoiler: bom vamos lá.. pretendo relatar todos os dias no final do dia entre 20 e 21 horas. Opiniões, críticas e sugestões são sempre bem vindas! Acompanhem a!! Abraços!
  3. Olá, gostaria de saber qual a melhor forma de usar o cetotifeno com clembuterol. Como: 1 - quantidade de cetotifeno por dia 2 - quando começar a usar o cetotifeno (vi que tem gente q recomenda desde o primeiro dia e outros no dia 10, 15) 3 - ate quanto tempo da pra continuar o ciclo do clembuterol (20, 25, 30 sei la) 4 - continua a usar no tempo off do clembuterol? 5 - tempo de off do clembuterol Bom.. Eh isso
  4. Achei interessante será que cetotifeno que muitos utilizam pode causar ginecomastia? Você teve ginecomastia quando era adolescente e utilizava anti alérgicos? antialérgico [inibidor dos receptores H1 da histamina; anti-histamínico]. Ginecomastia induzida por anti-histamínicos no tratamento da urticária crônica RESUMO Os anti-histamínicos são drogas muito usadas na prática do dermatologista, sendo a primeira escolha no tratamento da urticária crônica. Os efeitos colaterais mais comuns são os relacionados ao sistema nervoso central. A ginecomastia é decorrente de várias causas, entre elas a indução por drogas. Apresenta-se caso de ginecomastia induzida por anti-histamínico H1,em paciente em tratamento de urticária crônica. A investigação laboratorial e radiológica descartou outras causas para a ginecomastia, que involuiu com a retirada da medicação. Objetiva-se discutir os efeitos colaterais dos anti-histamínicos e apresentar caso de ginecomastia induzida por drogas. INTRODUÇÃO Define-se urticária crônica pela presença de urticas de tamanhos e formatos diversos, com duração inferior a 24 horas, diárias ou quase diárias, por período superior a seis semanas. A urticária crônica pode ser de causa física, alérgica, pseudo-alérgica, infecciosa ou relacionada a drogas, sendo denominada idiopática se nenhuma dessas causas for identificada. Cerca de um terço dos pacientes com urticária crônica idiopática apresenta auto-anticorpos liberadores de histamina contra o receptor de alta afinidade de IgE (FceRI) ou diretamente contra a IgE, o que indica um subgrupo de etiologia auto-imune.1 A histamina é o principal mediador da urticária, e a ativação do receptor H1 causa o prurido e o edema cutâneo característicos, enquanto os receptores H2 têm papel menor na formação das urticas. Assim, os antagonistas de receptores H1, chamados anti-histamínicos, são a medicação de primeira escolha para o tratamento da urticária crônica, com eficácia e segurança indiscutíveis.2 Pela semelhança com a molécula de histamina, os anti-histamínicos competem e bloqueiam os receptores H1. São rapidamente absorvidos no trato gastrointestinal e atingem picos de concentração plasmática em duas ou três horas, com tempo médio de ação de quatro a seis horas. São classificados em anti-histamínicos de primeira ou segunda geração segundo sua capacidade de atravessar a barreira hematoencefálica. Os de primeira geração, chamados sedantes (hidroxizine, dexclorfeniramina, cipro-heptadina), apresentam efeitos colaterais como sedação, tontura, tinitus, incoordenação motora, diplopia e visão turva. Essas reações adversas desaparecem com a descontinuação do tratamento, porém tolerância à medicação é usual, não sendo necessária a suspensão da droga4. Sintomas de excitação do sistema nervoso central, como euforia, nervosismo, insônia e tremores, são incomuns, sendo mais descritos em crianças. Boca seca, retenção urinária, disúria e tosse são efeitos decorrentes de sua ação anticolinérgica. O uso dos anti-histamínicos de primeira geração tem sido limitado por seus efeitos colaterais, e sua indicação como monoterapia tende a ser evitada. Atualmente a segunda geração de anti-histamínicos H1, chamados não sedantes (cetirizina, loratadina, desloratadina, fexofenadina, rupatadina, ebastina), é o tratamento preferencial para a urticária. Apresentam como principal vantagem baixa sedação nas doses recomendadas, além de mínimos efeitos anticolinérgicos. Os esquemas de tratamento são variados, e recomenda- se iniciar o tratamento com anti-histamínicos H1 não sedantes ou minimamente sedantes.5 A adição de anti-histamínico H1 sedante pode ser benéfica em pacientes ansiosos ou para os quais a sedação noturna é desejada. É prática comum o uso de altas doses de anti-histamínicos H1 sedantes e não sedantes, acima das recomendadas pelos fabricantes, em pacientes gravemente afetados, visando a benefício adicional com o bloqueio total dos receptores H1.6 A adição de um antagonista de receptor H2 (ranitidina, cimetidina) ao tratamento pode ser útil para maximizar os efeitos antihistamínicos. 7 É preferível o uso da ranitidina à cimetidina, visto que a última apresenta em usos prolongados e em altas doses efeitos colaterais antiandrogênicos. Ao estimular a produção de prolactina e inibir o citocromo P450, a cimetidina promove o aumento da concentração plásmatica do estradiol em homens, levando à perda da libido, impotência sexual e ginecomastia. 8 A ginecomastia é o aumento benigno da mama masculina pela proliferação do tecido glandular. Freqüentemente o aumento é assimétrico ou unilateral e deve ser distinguido daquele decorrente da obesidade (pseudoginecomastia) e de tumores mamários (carcinoma, <1% na população masculina). As causas são múltiplas, incluindo idiopática (25%), de caráter benigno, como as decorrentes da puberdade (25%) e senilidade, ou secundárias a doenças renais (1%), hepáticas (8%) e endócrinas (11%) como hiperprolactinemia, hipertireoidismo, hipogonadismo e síndrome de Klinenfelter. A ginecomastia pode ser o primeiro sinal de neoplasias extramamárias (3%) como tumores testiculares, adrenais, o carcinoma broncogênico e hepatocelular. 9 Causa freqüente é a ginecomastia induzida por drogas (10-20%), que involui após a retirada da droga. Podem-se citar: hormônios andrógenos e esteróides anabólicos, gonadotrofina coriônica, estrógenos; antiandrogênicos como ciproterona e flutamida; antibióticos, antifúngicos e antiparasitários como isoniazida, cetoconazol e metronidazol; antiulcerosos como cimetidina, omeprazol e ranitidina; agentes quimioterápicos como ciclofosfamida; drogas de ação cardiovascular como amiodarona, captopril, digitoxinas, enalapril, metil-dopa, nifedipina, reserpina, verapamil; drogas psicoativas como diazepam, haloperidol, fenotiazinas, antidepressivos tricíclicos; drogas de abuso como anfetaminas, heroína, maconha; drogas anti-histamínicas como hidroxizine, cetirizina e loratadina e outras como penicilamina, fenitoína e antiretrovirais. RELATO DO CASO Paciente do sexo masculino, 32 anos, procurou o Serviço de Dermatologia do Hospital São Paulo com história de lesões pruriginosas pelo corpo há um ano, com duração de cerca de 24 horas. Apresentava ao exame dermatológico placas e pápulas eritêmato-edematosas de formatos diversos com distribuição difusa na face, no tórax e nos membros (Figura 1). Negava quaisquer fatores desencadeantes. Foi feita hipótese diagnóstica de urticária crônica idiopática, cuja biópsia de pele foi compatível (urticária eosinofílica). Foi prescrito hidroxizine 50mg/dia e fexofenadina 180mg/dia por três meses, sem controle do quadro de forma satisfatória. Assim, optou-se pelo aumento gradativo da dose do hidroxizine de 50mg para 75mg e, então, para 100mg/dia, além da troca da fexofenadina pela desloratadina 5mg/dia. Cerca de três meses após a troca, observou-se aumento do volume mamário bilateral, assintomático (Figura 2 A e . Foi suspenso o uso do hidroxizine e da desloratadina com substituição por cipro-heptadina 4mg/dia. Em três semanas não se observou involução da ginecomastia nem melhora do quadro urticariforme, assim, substituiu-se a cipro-heptadina pelo maleato de dexclorfeniramina 8mg/dia. O paciente foi encaminhado ao setor de mastologia e realizou mamografia, que indicou a presença de tecido fibroglandular na região retroareolar bilateral, compatível com ginecomastia (Figura 3). Exames gerais como hemograma, perfil hepático e renal, dosagens hormonais de prolactina, progesterona, estradiol, testosterona livre e total e perfil tireoideano apresentavam-se normais. Radiografia de crânio mostrou sela túrcica normal, descartando etiologia tumoral e endócrina. Assim, a equipe de mastologia considerou o diagnóstico de ginecomastia induzida por drogas o mais provável. A involução do volume mamário ocorreu cerca de nove meses após a descontinuação do hidroxizine e da desloratadina, em uso do maleato de dexclorfeniramina. Esse, pelo insucesso no controle das lesões cutâneas, foi substituído pela fexofenadina 180mg/dia, droga que o paciente já havia utilizado sem apresentar qualquer efeito colateral, porém sem melhor resultado. Introduziu-se corticoterapia oral (30mg/dia), porém a regressão da dose levou à recrudescência das lesões. Outros tratamentos, como metotrexate 15mg/semana por seis meses e dapsona 100mg/dia por cinco meses, tampouco promoveram controle da urticária. DISCUSSÃO Na literatura médica, existem relatos de caso de ginecomastia induzida por inúmeras drogas, entre elas a cimetidina, o hidroxizine10, a cetirizina11 e a loratadina. No caso relatado não foram encontradas outras causas para a ginecomastia, que regrediu nove meses após a retirada da desloratadina, do hidroxizine e da cipro-heptadina. Durante o uso do hidroxizine associado à fexofenadina não ocorreu aumento do volume mamário; esse se desenvolveu três meses após a associação da desloratadina ao hidroxizine. A involução da ginecomastia deu-se em vigência do uso do maleato de dexclorfeniramina, e o posterior uso da fexofenadina, em monoterapia, não desencadeou crescimento mamário. A ginecomastia surgiu durante a associação do hidroxizine com a desloratadina. Não é possível distinguir qual droga especificamente ocasionou a ginecomastia, uma vez que nenhuma dessas teve seu uso experimentado isoladamente antes ou após a regressão da ginecomastia. Pode-se questionar se o sinergismo entre essas drogas e o uso de doses acima das preconizadas, no caso do hidroxizine, foram os responsáveis pela ginecomastia. O hidroxizine é anti-histamínico muito utilizado na prática dos autores no ambulatório de urticária do Hospital São Paulo. É freqüentemente prescrito em doses acima das preconizadas pelos fabricantes ou associado a outras drogas anti-histamínicas não sedantes, e, até então, nenhum caso de ginecomastia, associado a seu uso, havia sido observado. Na literatura encontraram-se artigos que apenas citam esse efeito adverso e que não fornecem mais detalhes sobre a citação.12 A desloratadina é um novo anti-histamínico de segunda geração, sendo o metabólito ativo primário da loratadina. Estudos recentes têm demonstrado que a desloratadina é cerca de 10 a 20 vezes mais potente na ligação com o receptor H1 que a loratadina in vitro, com maior potência anti-histamínica e bom perfil de segurança.13 Não há relatos de ginecomastia descritos com seu uso. O paciente relatado apresenta quadro de urticária crônica idiopática, de provável etiologia autoimune, com difícil controle e sem resposta aos antihistamínicos H1, assim como ao metotrexate e dapsona. O uso de corticosteróide oral propicia o melhor resultado, porém o paciente já apresenta efeitos colaterais do uso crônico. Objetivou-se discutir os efeitos colaterais dos anti-histamínicos e apresentar um efeito adverso pouco descrito, a ginecomastia secundária ao seu uso. E ainda frisar a dificuldade no manejo terapêutico de um quadro de urticária crônica com o uso restrito desse grupo de drogas. Fonte: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0365-05962007000300007&lang=pt
  5. Eae meus queridos! Mudança de planos, acrescentei outras paradas então Irei iniciar o ciclo dia 25/02 só, mas já estou postando agora toda estrutura pois quero sanar TODAS as dúvidas que ainda existe, além de saber a opinião de vocês e receber dicas se tem algo a melhorar, críticas são bem vindas tbm! Segue meus dados: * Idade: 18 * Altura: 1,85 * Peso: 87kg * Bf: em torno de 15% * Histórico de ciclos: 1 de m-drol, sendo 2-2-2 / 1 de halovar, sendo 2-2-2-2 * Objetivo: Massa magra de qualidade e diminuir o percentual de gordura * Tempo de treino: 3 anos, sendo que o último 1 ano e meio foram levados bem a sério As medidas só terei em mãos na terça-feira dia 19/02, aí posto aqui juntamente com fotos. Estrutura do ciclo: 1-2: 30mg TSD de Dianabol / 3-4: 40mg TSD Dianabol (Devido a quantidade de compr. que tenho, adaptei dessa forma) 1-8: 500mg de durateston (250mg terça/250mg quinta) 5-10: 60mg de Stano Oral TSD divido 20mg a cada 8h 1-20 dias: Salbutamol, irei toma-lo de 3 em 3 horas, sendo 2/2/2/2/2; 2/2/2/2/2; 4/2/2/2/2; 4/2/2/2/2; 4/4/2/2/2; 4/4/2/2/2; 4/4/4/2/2; 4/4/4/2/2; 4/4/4/4/2; 4/4/4/4/2; 4/4/4/4/4; 4/4/4/4/4; 6/4/4/4/4; 6/6/4/4/4; 6/6/4/4/4; 6/6/6/4/4; 6/6/6/6/4; 6/6/6/6/6; 8/6/6/6/6; 8/8/8/8/8, a principio esta montado assim, mas depende de como o organismo irá reagir para ir alterando a dosagem. A última dosagem já esta acima do indicado, mas cheguei a essa quantidade por ver muitos relatos com essa dosagem sem haverem problemas. Junto com o Aerolin irei tomar todos os dias a noite 1mg de Cetotifeno enquanto estiver usando-o. Quanto ao stano oral só decidi pelo oral pois terei que me auto-aplicar, mas como não tenho experiência nenhuma com isso uma droga injetável para começar já esta de bom tamanho. TPC: Iniciada 15 dias após a última aplicação de Dura com 20mg de Tamoxifeno durante 28 dias + 200mg de silimarina. Se caso sentir sensibilidadee devido a Diana estou em mãos com o dostinex, aí entro com meio comprimido por semana, mas somente se sentir sensibilidade. Estou estudando a possibilidade de colocar um IA no ciclo (Anastrozol), pois já tenho um principio de gineco apesar de que vou operar neste ano, mas não só por isso, mas sim para ter ganhos com maior qualidade e sem tanta retenção. Segue dieta: 6:30: 4cáp. Bcaa + 1g de vitamina C + Aerolin + 2cáp. stano + 1cáp de Omega3 7:00: 4col. De albumina + 1 banana + 60g de aveia + 1scoop e meio de protein bolic + 300ml de leite desnatado (Batido) 9:30: Aerolin 10:00: 100g de frango grelhado 12:30: Aerolin 13:00: 4col. De arroz branco ou 5col. De macarrão + 6 ovos cozidos (3 c/ gema e 3 s/ gema) + 100g de carne + 70g de brócolis + 1cáp. de Omega3 + 2cáp. de optimen 14:30: 2cáp. de stano 15:30: 1 maça + 100g de frango + 30g de aveia + 1 scoop e meio de protein bolic (batido) + Aerolin 18:30 (pré-treino): 150g de batata doce + 70g de frango + 4cáp. de bcaa + Aerolin + 4cáp. de dilatex Pós treino: 2scoop de whey protein + 10g de dextrose+ 25g de waxy maize + 20g de castanha do para + 1g de Vitamina C + 4cáp. de bcaa 40min pós treino: 10 ovos s/ gema + 90g de frango + 70g de brocolis + 1cáp. de Omega3 + 2cáp. de optimen 22:30: 2cáp. de stano 00:00: 2 scoop de caseína ou 3col. albumina + 1mg de Cetotifeno Poderá ter algumas alterações devido aos horários da faculdade, mas aí com o tempo vo alterando. Ainda tenho um pouco de caseína, então a principio irei termina-la, quando terminar continuarei com a albumina antes de dormir. Treino: Treino A- Peito e Tríceps Voador 3x8 (Pré-exaustão) Supino reto 3x Falha Supino inclinado / Cross-over 3x8 (Bi-set) Pulley 3x8 Drop set Banco Livre 3x Falha Francês 3x8 drop set Treino B- Costas, Ombro e Trapézio Pulley frente Intercalando c/ Pulley costas 3x8 Remada média aberta 3x8 Drop set Crucifixo invertido 3x8 Levantamento terra 3x8 Drop set Arnold 3x8 Elevacao Frontal c/ Isometria 3x8 Elevacao lateral 3x8 drop-set Encolhimento Halter / Encolhimento Barra 3x20 (Bi-set) Treino C- Biceps(Tri-set), Ante-braço e Perna Rosca Direta 3x8 Rosca com Halteres bco 45º 3x8 Rosca martelo 3x8 Mesa 3x12 Adutora 3x12 Abdutora 3x12 Leg press 3x12 Panturrilha (sentado) 3x12 Agachamento stiff 3x12 Rosca Punho / Rosca Invertida (Bi-set) A minha prioridade é o Bíceps e Peito, o bíceps coloquei junto com perna e ante-braço, para tentar isola-lo, sempre fiz junto com costas, então dessa vez mudei para ver se melhora os resultados. O peito eu pego BEM pesado, porém não consigo obter definição, então dessa vez coloquei um Bi-série, que não fazia antes, coloquei o reto até a falha que antes só fazia 3x8 e coloquei o voador de pré-exaustão .. Esse tempo livre que tenho até iniciar o ciclo estarei usando um termogênico (SuperHD) que ainda tenho um pouco aqui para até lá tentar dar uma reduzida no bf,e já irei iniciar essa dieta juntamente com ele. Irei toma-lo durante 20 dias que é a quantidade de caps que tenho aqui, ou seja, irei iniciar o ciclo ainda tomando ele, após terminar o uso do termo irei iniciar o salbutamol e farei mais 20 dias on. As dúvida vem exatamente aqui: O Cetotifeno já deve ser utilizado junto ao termo até o fim o salbutamol ou uso ele apenas durante os 20 dias do salbutamol? Tenho algum horário certo para tomar o cetotifeno ou da forma que coloquei ele esta bom? É necessário tomar o salbutamol em jejum? Basicamente é isso, espero que possam avaliar tudo, dieta, treino, estrutura do ciclo, enfim, e darem dicas para que eu melhore isso ainda mais, pois estou postando exatamente por saber que tem pessoas com mais conhecimento que eu aqui e podem me ajudar. Abs e obrigado
  6. - Idade : 18 anos - Altura:1,75cm - Peso:79~80kg - Medidas: sem forçar 34,5 forçando 36,5 - Percentual de gordura(BF): entre 14% e 16% - Tempo de treino: de verdade 1 ano (parei em dezembro e janeiro) - Objetivo: Perder gordura e se possível ganhar um pouco de massa pra quem sabe chegar nos 36 37 sem forçar - Estrutura do ciclo: 1-3 ON e 5-7 ON Clembuterol com cetotifeno desde o primeiro dia 1-6 100mg dsdn Stanozolol injetavel 6-8 80mg tsd Oxandrolona Faria AEJ 3x ou 5x por semana, e se precisar aerobicos pós treino também, e a dieta seria cetogênica com 200 ou 500kcal excedente. Gasto com esse ciclo : R$510,00. Mas peguei o stano (RWR) de graça com um amigo, ou seja, isso ja tira R$300,00, no total (sem contar com tpc), vai dar uns R$210,00. e sem contar tb com slow k e cetotifeno. O que acham manolos, sei que ta cedo pra ciclar mas quero muito isso, e acho que uma tpc bem feita com tamox + tribulus + crea + pré treino eu ficaria bem. Já tive ciclei 2 vezes clemb, mas não fiz aerobiso e nao usei cetotifeno, e com isso, ele não fez nada em mim.
×
×
  • Criar Novo...