Falsos magros deveriam fazer cutting ou bulking primeiro?

Por Equipe Hipertrofia

Textos escritos pela redação do Hipertrofia.org são escritos e revisados por profissionais de várias áreas que circundam o universo da musculação para que você tenha acesso às melhores informações, com respaldo científico e empírico.

No geral, ser falso magro é uma situação onde o peso na balança pode ser relativamente baixo, mas ao medir o percentual de gordura, a situação muda (às vezes drasticamente).

E à primeira vista, nem bulking nem cutting parecem muito atraentes.

Se você está lendo isso, é bem provável que pensou ou viveu a terrível experiência de tentar “bulkar” e só engordar ou tentar perder peso e acabar ficando ainda mais magro.

Para ser justo, quando você faz bulking sendo falso magro, provavelmente está construindo algum músculo. Você só não está percebendo porque está escondido pela gordura e quando você faz cutting, provavelmente não está perdendo tanto músculo.

Mas seus músculos não estão tão cheios de glicogênio e você não tem tanta energia para treinar. Mesmo que tudo esteja indo bem, tudo conspira para fazer você pensar que está menor e mais fraco.

Qualquer uma das abordagens pode ajudar, desde que você a faça corretamente, mas não é isso que você busca aqui, você quer uma resposta direta.

Nesse caso, na grande maioria das vezes, os resultados serão mais rápidos (mesmo que não pareça) se você fizer um cutting primeiro.

O que é ser falso magro (de verdade)

Falsos magros costumam ter um peso relativamente normal na balança, mas na verdade estão carregando uma alta porcentagem de gordura com pouca massa muscular.

A menor quantidade de massa muscular faz com que o peso na balança continue baixo (mesmo com gordura) e com roupa o falso magro passaria facilmente como uma pessoa magra de verdade.

Porém, no fim do dia, o termo já explica o problema: um falso magro não é… magro.

Publicidade

Porque um falso magro deveria fazer cutting primeiro

Se você tem áreas problemáticas no corpo onde há acúmulo de gordura e/ou flacidez, a última coisa que você deveria fazer é um bulking, que exigirá comer um excesso de calorias.

Fazer bulking sendo um falso magro quase sempre fará com que o acúmulo de gordura continue onde está ou piore.

Sim, perder gordura enquanto ganha massa muscular no bulking é possível em algumas situações pontuais, mas na grande maioria das vezes isso só piora o problema.

A razão pela qual você deve fazer cutting primeiro é porque você precisa ajustar a dieta o mais rápido possível ao construir hábitos alimentares melhores.

Existem inúmeras variáveis que podem favorecer o problema, mas quase sempre chegamos a simples conclusão: um falso magro passa a maior parte da vida se alimentando errado e não se exercitando o suficiente, o que, lentamente, gera perda de massa muscular e acúmulo de gordura.

Enquanto a individualidade (sua genética) tem um papel aqui, isso não anula a fisiologia humana: se você não usa seus músculos, você os perde; se você come mais do que seu corpo precisa, você acumula gordura. Simples assim.

E eu sei que isso pode parecer algo muito difícil de engolir, mas continue lendo e entenderá porque o cutting é o seu melhor amigo.

Benefícios do cutting sendo um falso magro

1 – Você ainda ganhará alguma massa muscular

Não é possível fazer um cutting correto sem também ingerir uma boa quantidade de proteína e outros nutrientes importantes para a hipertrofia muscular.

Quando unimos isso ao treino regular, a maioria das pessoas, mesmo em cutting, vão acabar ganhando alguma massa muscular.

Ou seja, você conseguirá progresso em duas frentes importantes para melhorar o corpo.

Publicidade

2 – Os resultados, no longo prazo, serão mais rápidos

Acúmulo de gordura é o sinal mais óbvio de que seu corpo não está sensível à ação da insulina.

De forma simplista, a insulina é um hormônio transportador de nutrientes para dentro das células (incluindo as células dos seus músculos).

Se os seus músculos não estão sensíveis à insulina, isso significa que só há outro lugar para os nutriente serem transportados, para suas reservas de gordura (as coisas são muito mais complexas, mas deu pra entender a mensagem).

Quando fazemos um cutting primeiro, deixamos nosso corpo mais sensível à insulina e quando chegar a hora de fazer um bulking, seu corpo conseguirá usar os nutrientes para construir massa muscular de uma forma muito mais efetiva.

Ou seja, fazer um cutting primeiro pode não ser o que você gostaria, mas será o que vai “catapultar” seus resultados no futuro.

3 – Limpar a sua dieta

Há uma margem de erro muito maior na dieta quando fazemos um bulking, o que passa uma imagem errada de que podemos comer o que quisermos.

Na verdade, muitas pessoas ainda pensam que fazer bulking significa simplesmente comer tudo o que vê pela frente.

Bulking nada mais é do que subir a ingestão de calorias, mantendo a qualidade geral da dieta.

Em todo caso, ao fazer um cutting efetivo você terá que, inevitavelmente, aprender a comer melhor, incluir alimentos mais saudáveis e criar uma base mais sólida para quando iniciar o bulking.

Conclusão

Na grande maioria dos casos, um falso magro deve fazer cutting primeiro, para criar o alicerce apropriado para construir massa muscular e perder gordura no longo prazo.

Publicidade

Este texto ajudou você ?

Ainda está com dúvidas sobre alguma questão? Visite nosso fórum de discussões e compartilhe suas dúvidas com mais de 270 mil pessoas cadastradas.