Clique aqui

A ioimbina é uma substância eficiente para queimar gordura e é uma das poucas ferramentas que realmente queimam gordura localizada em locais “problemáticos” como abdômen. Porém é preciso não só saber como tomar, mas aprender a administrar os efeitos colaterais.

Para que serve a iombina

A iombina é uma substância que acelera a queima de gordura, especialmente gordura localizada, além de servir como um estimulante e supressor de apetite.

Além disso, a ioimbina serve como um afrodisíaco natural e é útil para facilitar a ereção.

Os seus efeitos foram muito bem registrados na literatura, o que mostra que esta substância realmente cumpre o que promete.

Efeitos na queima de gordura

A ioimbina funciona estimulando o sistema simpático nervoso, ativando a reação de “fuga ou luta” do corpo.

Isto faz com que alguns compostos químicos do nosso organismo, chamados catecolaminas, sejam liberados na corrente sanguínea, aumentando a temperatura corporal e pressão sanguínea.

Estas catecolaminas podem se ligar às células de gordura através de receptores adrenérgicos, favorecendo a queima de gordura (ou não, e você já vai entender o porquê).

Vários estudos (1,2) mostram que a suplementação com ioimbina realmente acelera a queima de gordura.

Ela funciona como um estimulante suave e ajuda na supressão do apetite (3), mas seus benefícios não terminam aqui.

Agora pouco falamos que as células de gorduras têm receptores para as catecolaminas que são liberadas em maior quantidade quando usamos ioimbina, não é mesmo ?

Bem, existem dois tipos de receptores:

  • Receptores alfa;
  • Receptores beta.

Sem aborrecer você com detalhes científicos, o que você precisa saber é que estes dois receptores operam de maneira diferente.

Quando as catecolaminas se ligam aos receptores beta, as células de gorduras são usadas como energia (e ocorre queima de gordura).

Quando as catecolaminas se ligam aos receptores alfa, as células de gordura NÃO são usadas como energia (e não ocorre queima de gordura).

É por isso que é difícil perder gordura em certas áreas do corpo que contém muitos receptores alfa, como abdômen e quadril.

As catecolaminas que deveriam estar sendo ligadas nos receptores beta (que geram queima de gordura), estão sendo roubadas, em parte, pelos receptores alfa (que não geram queima de gordura).

É aqui que a mágica da ioimbina acontece.

As moléculas dela tem uma grande afinidade pelos receptores alfa (4), isto significa que a ioimbina se liga mais aos receptores alfa do que beta.

Como isso vai ajudar você ?

Quando a ioimbina se liga ao receptor alfa, ela “bloqueia” ele e agora a catecolamina está livre para se ligar apenas a receptores beta e aumentar a queima de gordura.

Em outras palavras, a ioimbina ocupa os receptores que não geram queima de gordura, enquanto deixa livre os que geram para que as catecolaminas possam se ligar a eles.

Lembre-se também que os receptores alfa ficam nas regiões mais chatas para perder gordura (como o abdômen), logo a queima poderá ser maior nestes locais quando usamos ioimbina.

Melhor ainda é que estudos (5) sugerem que a ioimbina reduz gordura corporal, enquanto mantém a massa muscular, o que é ótimo para composição corporal.

Disfunção erétil

A iombina também é muito conhecida por funcionar como um afrodisíaco e auxiliar pessoas com disfunção erétil.

Mas muitos ficam em dúvida se ela realmente ajuda nesta área.

Uma revisão de sete estudos controlados mostram que a ioimbina realmente auxilia na disfunção erétil (6).

Em um dos estudos, a ioimbina foi testada em 82 homens com problemas de ereção (7).

Após um mês de tratamento, 34% dos homens que usaram ioimbina para tratar disfunção erétil relataram que os sintomas melhoraram, enquanto 20% relataram que o problema foi completamente curado.

Como tomar

Com o objetivo de acelerar a queima de gordura, a recomendação mais comum é tomar 0,2mg de ioimbina por quilo de peso corporal com o estômago vazio.

Isto significa que uma pessoa com 80kg pode tomar 16mg de cloridrato de ioimbina.

Contudo não é recomendado começar a tomar ioimbina usando sua dose máxima.

Para evitar efeitos colaterais (mais sobre isso a frente), você deve começar com até três vezes menos da sua dosagem e então aumentar gradualmente.

Por exemplo: você tem 80kg e sua dose máxima é de 16mg.

Então comece com cerca de 5mg e conforme seu corpo for respondendo [aos efeitos colaterais], aumente a dose.

Uma forma de amplificar os efeitos da ioimbina é utilizá-la em conjunto de aeróbicos em jejum.

Por exemplo: com o estômago 100% vazio (em jejum), tome ioimbina e depois de 40 a 60 minutos faça aeróbicos em jejum.

Lembre-se que aeróbicos em jejum devem ser feitos em baixa intensidade.

Primeiro porque você pode perder massa muscular, segundo que a ioimbina pode aumentar a pressão sanguínea e fazer um HIIT não é a melhor ideia.

Você também pode usar cafeína em conjunto para potencializar o efeito de ambos os compostos.

Mas sempre utilizando a menor dose possível e aumentando gradativamente.

Outra coisa extremamente importante é que níveis elevados de insulina podem anular completamente os benefícios da ioimbina.

Isto significa basicamente que ingerir muitos carboidratos, açúcares ou outros alimentos que provoquem a insulina, vai bloquear a ação do suplemento.

Por conta disso, a melhor maneira de tomar ioimbina é com o estômago totalmente vazio, algo que funciona muito bem em conjunto de jejum intermitente ou antes do seu aeróbico em jejum.

Nestas duas situações seu corpo estará com os níveis de insulina muito baixos, o que vai maximizar o efeito da ioimbina.

Sem contar que durante o jejum outros hormônios queimadores de gordura, como o GH, estão altos, o que ajuda ainda mais na queima de gordura.

Onde comprar ioimbina

Existem duas formas de ioimbina disponíveis para compra:

  • Extrato de casca de ioimbina. É o pó concentrado da casca da árvore de iombina. Contém uma porção menor do composto por quantidade do pó.
  • Iombina HCL ou cloridrato de iombina. É a própria molécula de ioimbina que foi extraída de uma fonte natural e combinada com ácido clorídrico, é essa que devemos procurar.

O cloridrato de ioimbina pode ser encontrado em qualquer farmácia, pelo nome comercial Yomax.

Contudo uma forma muito mais econômica e simples, é comprar ioimbina em farmácias de manipulação.

A Oficial Farma, por exemplo, vende iombina por cerca de R$25 (sim, é realmente barato).

Se for comparada com outros suplementos que prometem resultados parecidos, a Ioimbina manipulada tem um preço custo-benefício infinitamente superior.

 

Efeitos colaterais

Uso de ioimbina pode gerar os seguintes efeitos colaterais:

  • Ansiedade;
  • Tontura;
  • Irritabilidade;
  • Insônia;
  • Tremores;
  • Aumento da pressão sanguínea;
  • Náusea;
  • Vômitos.

Entenda.

Como a ioimbina altera a sua resposta em situações de “luta ou fuga”, o que gera liberação de adrenalina, ela pode gerar todos os efeitos colaterais de estimulantes, como aumentar usa impulsividade, ansiedade e até irritabilidade.

Através dos mesmos mecanismos, a ioimbina também pode aumentar a pressão sanguínea.

Portanto deve ser evitada por pessoas muito acima do peso e/ou com problemas cardíacos e de pressão arterial.

Ela não deve ser usada em conjunto de outras drogas que afetam os receptores beta-adrenérgicos, como efedrina (franol) e clembuterol.

Pessoas saudáveis poderão usar ioimbina sem maiores problemas.

Efeitos colaterais poderão ocorrer da mesma forma, mas poderão ser controlados facilmente com a diminuição da dosagem.

Por isso é essencial que você comece a tomar ioimbina usando a menor dose possível.

Assim você tem a chance de testar como seu corpo está respondendo a ela.

Interação com outros remédios

Ioimbina pode interferir com medicamentos para ansiedade, síndrome do pânico, depressão e coisas do tipo.

Tome muito cuidado se você usa qualquer medicamento de uso contínuo desta categoria.

Relato de uso

Se você chegou até aqui, é porque já deve estar animado com a ideia de usar ioimbina, mas é necessário realizar uma checagem de realidade.

Eu usei ioimbina por dois meses e posso dar um relato pessoal de uso que talvez não agrade pessoas que geram grandes expectativas.

Entenda.

Ioimbina é um composto natural e não vai gerar resultados milagrosos, principalmente da noite para o dia.

Dieta e treino continuarão sendo os principais responsáveis na mudança do seu físico.

A ioimbina vai apenas acelerar os seus esforços.

Se a sua intenção com ioimbina for usá-la para compensar uma dieta ruim e falta de exercícios, é muito possível que você não veja qualquer diferença com ela.

Por outro lado, se você já treina pesado e faz dieta hipocalórica (principalmente jejum intermitente), a ioimbina vai acelerar ainda mais os resultados.

Cafeína é um composto que também aumenta a liberação de catecolaminas, logo tem uma ação sinergista com a ioimbina e pode potencializar os resultados.

Apenas lembre-se que ioimbina é um estimulante leve e combinar com outros estimulantes (como a cafeína) potencializará tanto os benefícios como os efeitos colaterais de ambos.

Palavras finais

Ioimbina é um dos poucos suplementos para queima de gordura que realmente cumprem o que prometem (com as exceções já mencionadas).

Estudos mostram que ela pode acelerar o seu metabolismo, melhorar a performance no treino e ainda dar uma pequena mãozinha na queima de gordura localizada (por conta dos receptores alfa nestes locais).

Ioimbina vai funcionar ainda mais se você treinar pesado, fazer dieta e usar suplementos como cafeína.

Claro, ela não vai transformar o seu físico sozinha e fazer você ficar com 6% de gordura corporal, mas definitivamente vai ajudar você chegar lá mais rápido.

Ioimbina funciona melhor quando combinada com exercícios, já que isto aumenta a liberação de catecolaminas.

Em outras palavras, não espere muito da ioimbina se a sua intenção é usá-la para ficar sentado o dia todo no sofá vendo NetFlix.

Referências

  1. http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/17214405
  2. http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/12323115
  3. http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/6145164
  4. http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/10611634
  5. http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/17214405
  6. https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/9649257
  7. https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/2657105

Este texto ajudou você ?

7 Comentários

  1. uma dúvida, não consigo fazer AEJ todos os dias por conta de já acordar as 5:00 para ir ao trabalho, seria viável tomar ioimbina depois do treino com pesos imediatamente antes de começar o aeróbico pós-treino ? visto que me alimentos com carbo e proteina 1:30h antes de ir pra academia, isso ainda sim anularia o efeito visto que consumi carboidratos em um período relativamente curto de distância ?

    • Redação Hipertrofia.org Responda

      O corpo pode demorar até 5 horas para digerir uma refeição sólida, portanto eu creio que o tempo ainda é muito pouco para fazer bom uso da ioimbina.

  2. Eu devo tomar os três comprimidos de ioimbina, que é o indicado pro meu peso em jejum, ou tomo um em jejum, depois de 4 a 6 horas tomo outro e depois de mais 4 a 6 tomo o último?

  3. Gostaria de saber se posso dividir a dose de ioimbina ou se não traria efeito nenhum? Por exemplo: vou tomar a dose de 20 mg de ioimbina. Tomaria 5 mg em jejum ao acordar as 7:00 da manhã, vou para o serviço. Saio as 13:00, tomo outro dose de ioimbina de 15mg as 13:30 e as 14:00 vou fazer meu aeróbico, ainda estaria em jejum, termino as 14:30 e as 16:30 eu iria fazer minha primeira refeição do dia que já seria o almoço. Isso daria certo? Outra questão, durante as 07:00 e as 16:30 eu consumiria apenas água e talvez café com adoçante. Retiro o adoçando do café ou pode tranquilamente? Valeria assim? Obrigado.

Escreva um comentário