Phil Heath: história, altura, peso, treino, dieta e mais

Phil Heath é um dos fisiculturistas mais conhecidos de todos os tempos. Empatado com Arnold Schwarzenegger, Phil Heath também venceu o Mr. Olympia por 7 vezes e não há dúvida de que ele marcou seu nome para sempre na história do fisiculturismo. Mesmo aposentado, Heath ainda mantém um físico digno do palco e que poucos conseguem superar.

Perfil

  • Data de nascimento: 18 de dezembro de 1979 (44 anos na data desta postagem)
  • Altura: 175 cm
  • Peso de competição: 109 kg
  • Peso fora de competição: 120 kg
  • Era: 2000-2010
  • País: Estados Unidos
  • Número de Mr. Olympia ganhos: 7 (de 2011 a 2017)

Phil Heath na academia

Medidas do Phil Heath

  • Braços: 58 cm
  • Peito: 137 cm
  • Cintura: 73cm
  • Pernas: 81 cm
  • Panturrilhas: 50 cm

Início

Phil Heath é um dos maiores fisiculturistas de todos os tempos. Conhecido também como “The Gift” (no sentido “daquele que carrega o dom”), ele ganhou 7 títulos do Mr. Olympia em sua carreira.

Veja também: Kevin Levrone – perfil completo: altura, treino, dieta e mais

No entanto, as coisas nem sempre foram fáceis para Heath, já que ele teve que suportar uma infância difícil. Essa experiência resultou em uma inegável vontade de sucesso, que ele usou em sua carreira.

Phil Heath nasceu em 1979, na cidade de Seattle, Washington. Seus pais estavam constantemente trabalhando para sustentar a família, então muitas vezes Heath ficava sozinho. Por isso, ele foi forçado a aprender desde cedo a cuidar de si mesmo. Ele rapidamente aprendeu a cozinhar sua própria comida, enquanto mantinha seu treinamento para o basquete. Este trabalho duro é o que o preparou para uma vida de sucesso.

Phil Heath em uma partida de basquete.
Phil Heath em uma partida de basquete já demonstrando sua boa genética para ganhar massa muscular.

Foi o interesse no basquete que primeiro o introduziu à musculação. Heath treinava na academia de sua escola para aumentar sua altura de salto e passou a gostar do treino e das pessoas que envolviam esse ambiente. Mais tarde, ele desistiu do basquete, mas não da musculação.

Enquanto se concentrava mais no treino com pesos, Phil Heath trabalhava em vários empregos. Ele usava seu limitado tempo livre para aprender o máximo que podia sobre fisiculturismo, lendo pilhas de revistas.

Foi a partir disso que Heath aprendeu sobre nutrição e técnicas de treinamento. Ele aplicou esse conhecimento para ganhar uma grande quantidade de massa, em um curto espaço de tempo, o que lhe deu a inspiração para seguir o fisiculturismo.

Início no fisiculturismo

Phil Heath em sua primeira competição de fisiculturismo.
Phil Heath em sua primeira competição de fisiculturismo.

Phil Heath participou de sua primeira competição de fisiculturismo em 2003, aos 24 anos. Ele ganhou o campeonato The Rocky Mountain Northern Physique Committee com 87kg, ganhando o apelido de “The Gift”. Isso impulsionou a confiança de Heath, e ele tentou repetir seu sucesso uma segunda vez no mesmo evento. No entanto, ele não teve sucesso nesta tentativa, ficando em segundo lugar.

Nesse momento, Heath estava procurando mais vitórias e queria superar a sensação de ficar em segundo lugar. Após reavaliar sua estratégia e evoluir mais, ele participou do NPC Colorado State Show. Aqui, ele conquistou o título de Mr. Colorado e, consequentemente, obteve patrocínios. Essa vitória o levou a focar em obter seu cartão profissional (pro card).

Publicidade

Carreira “pro” no Fisiculturismo

Em 2005, Heath estava pesando cerca de 100kg e decidiu competir pelo seu cartão profissional IFBB (IFBB Pro Card). Ele entrou no NPC USA Championships, onde teve sucesso. Neste ponto, Phil começou a competir em nível profissional, começando pelo Colorado Pro, onde novamente conquistou o primeiro lugar.

Phil Heath na competição que lhe deu seu pro card na IFBB.
Phil Heath na competição que lhe garantiu seu pro card na IFBB.

Subsequentemente, Heath ganhou confiança para tentar sua sorte no Arnold Classic. Embora não tenha vencido, ele conseguiu um respeitável 5º lugar. Isso demonstrou à comunidade de fisiculturismo que havia um novo talento na área, e eles precisavam lembrar o nome, Phil Heath.

Heath então se recuperou dessa má colocação ao vencer a competição IFBB Iron Man. Após essa vitória, ele tentou novamente o Arnold Classic. Nessa tentativa, Heath conquistou o 2º lugar, o que demonstrou uma incrível evolução.

Percurso para o Olympia

Em 2008, após sua aparição no Arnold Classic, Phil Heath voltou toda sua atenção para o Mr. Olympia. Ele não teve um sucesso de início, embora tenha se saído extremamente bem. Sua primeira participação resultou em um surpreendente 3º lugar. No entanto, no ano seguinte, Heath caiu para o 5º lugar.

Phil em sua primeira participação no Mr Olympia, em 2008.
Phil em sua primeira participação no Mr Olympia, em 2008.

Porém, foi em 2010, quando Phil competiu brevemente no Arnold Classic, ganhando novamente o 2º lugar. No entanto, foi de volta ao Mr. Olympia, onde ele ficou em 2º lugar. Foi nesse ponto que Phil Heath começou seu reinado na competição Olympia.

Aos 32 anos, em 2011, Phil Heath ganhou seu primeiro campeonato Mr. Olympia. Esse seria o primeiro de uma sequência de sete anos defendendo seu título de Mr. Olympia. Entre manter seu título de 2011-2017, Heath também venceu o Sheru Classic em 2011 e 2012. Além disso, ele ganhou o Arnold Classic Europe em 2013.

Infelizmente, essa incrível sequência terminou em 2018, onde Phil Heath perdeu seu título de Mr. Olympia em uma surpreendente derrota. Ele ficou em segundo lugar na competição, perdendo para Shawn Rhoden. Essa foi a última grande aparição de Heath no fisiculturismo até a data deste texto. No entanto, ele mantém um estilo de vida incrivelmente ativo e poderá competir automaticamente em futuros Olympias, então há esperança de que ele retorne.

Todos os campeonatos e colocações

2003

  • 2003 Northern Colorado State, Novato – Meio-Pesado 1º e geral
  • 2003 NPC Colorado State – Meio-Pesado 1º

2004

  • 2004 NPC Colorado State, Pesado – 1º e Geral

2005

  • 2005 NPC Junior Nationals, Pesado – 1º e Geral
  • 2005 NPC USA Championships, Pesado – 1º e Geral

2006

  • 2006 Colorado Pro Championships – 1º
  • 2006 New York Pro Championship – 1º

2007

  • 2007 Arnold Classic – 5º

2008

  • 2008 IFBB Iron Man – 1º
  • 2008 Arnold Classic – 2º
  • 2008 Mr. Olympia – 3º

2009

  • 2009 Mr. Olympia – 5º

2010

  • 2010 Arnold Classic – 2º
  • 2010 Mr. Olympia – 2º

2011

  • 2011 Mr. Olympia – 1º
  • 2011 Sheru Classic – 1º

2012

  • 2012 Mr. Olympia – 1º
  • 2012 Sheru Classic – 1º

2013

  • 2013 Mr. Olympia – 1º
  • 2013 Arnold Classic Europe – 1º

2014

  • 2014 Mr. Olympia – 1º

2015

  • 2015 Mr. Olympia – 1º

2016

  • 2016 Mr. Olympia – 1º

2017

  • 2017 Mr. Olympia – 1º

2018

  • 2018 Mr. Olympia – 2º

2020

  • 2020 Mr. Olympia – 3º

Treino de Phil Heath

O treino de Phil Heath é extremamente volumoso, com um número elevado de exercícios e séries. Heath também gosta de explorar um número variado de repetições que pode ir até 20 em alguns exercícios.

É sempre bom lembrar que este treino é uma “foto” de uma momento na carreira do atleta, o que significa que Phil Heath pode não ter treinado dessa forma a maior parte do tempo. Além disso, jamais copie treinos de atletas profissionais sem nenhum contexto ou você pode acabar machucado.

Dia Um (Pernas)

  • Mesa flexora – 4 séries – 8-10 repetições
  • Stiff – 4 séries – 8-10 repetições
  • Cadeira flexora – 6 séries – 10-12 repetições
  • Elevação de panturrilha em pé – 4 séries – 15-20 repetições
  • Elevação de panturrilha no leg press – 4 séries – 20 repetições
  • Elevação de panturrilha sentado – 6 séries – 15 repetições
  • Cadeira extensora – 4 séries – 10-12 repetições
  • Agachamento frontal – 4 séries – 10-12 repetições
  • Leg press– 3 séries – 12 repetições
  • Agachamento hack – 6 séries – 8 repetições

Dia Dois (Peito e Tríceps)

  • Supino inclinado com halteres – 4 séries – 10-12 repetições
  • Voador inclinado com halteres – 4 séries – 10-12 repetições
  • Supino reto na máquina articulada – 3 séries – 10-12 repetições
  • Voador – 6 séries – 10-12 repetições
  • Tríceps corda – 3 séries – 10-12 repetições
  • Paralelas para tríceps – 3 séries – 10-12 repetições
  • Supino fechado – 3 séries – 10-12 repetições
  • Rosca testa – 6 séries – 10-12 repetições

Dia Três (Dia de Descanso)

Dia Quatro (Costas e Bíceps)

  • Barra-fixa com pegada afastada – 3 séries – 10-12 repetições
  • Barra-fixa com pegada próxima – 3 séries – 10-12 repetições
  • Remada cavalinho – 4 séries – 12 repetições
  • Remada curvada – 4 séries – 12 repetições
  • Remada serrote (unilateral) – 3 séries – 12 repetições
  • Pulldown com corda – 6 séries – 10-12 repetições
  • Rosca direta com barra W – 3 séries – 12 repetições
  • Rosca martelo – 3 séries – 12 repetições
  • Rosca concentrada – 3 séries – 12 repetições
  • Rosca scott na máquina – 6 séries – 8-10 repetições

Dia Cinco (Ombros e Trapézios)

  • Desenvolvimento no smith – 4 séries – 10-12 repetições
  • Elevação frontal com halteres – 4 séries – 10-12 repetições
  • Remada alta – 4 séries – 10-12 repetições
  • Elevação lateral com halteres – 6 séries – 10-12 repetições
  • Encolhimento com halteres – 4 séries – 12 repetições
  • Encolhimento com barra – 4 séries – 12 repetições

Phil Heath – Dieta e Nutrição

Phil Heath normalmente consome oito refeições por dia, para fornecer a energia e as calorias necessárias para conseguir treinar com o seu volume insano de trabalho e ainda conseguir ganhar massa muscular. A seguir, veremos a base da dieta de Phil Heath.

Publicidade

Primeira Refeição

  • 340 gramas de frango
  • 1 xícara (aprox. 240 ml) de claras de ovos
  • 1 xícara (aprox. 240 ml) de creme de arroz

Segunda Refeição

  • 340 gramas de carne moída 94%
  • 2 xícaras (aprox. 480 ml) de arroz branco

Terceira Refeição

  • 340 gramas de filé mignon
  • 227 gramas de massa integral

Quarta Refeição (Treino)

  • Suplemento pré-treino
  • Shake de proteína pós-treino

Quinta Refeição

  • 170-227 gramas de filé mignon
  • 283 gramas de batata branca

Sexta Refeição

  • 340 gramas de frango
  • 1 xícara (aprox. 240 ml) de espinafre

Sétima Refeição

  • 340 gramas de carne moída 94%
  • 1 xícara (aprox. 240 ml) de brócolis

Oitava Refeição

  • 2 colheres de sopa de manteiga de amêndoa
  • Isolado de proteína de soro de leite

Conclusão

Phil Heath é uma figura inspiradora, e certamente entrará para a história como um dos maiores nomes do esporte, devido aos seus impressionantes títulos e seus 6 a 7 anos de reinado no topo.

Sendo um representante atento e dedicado do esporte, Phil Heath inspirou muitos a começarem a treinar. Ele é um exemplo do fato de que quanto mais duro você trabalha, mais você conquista.

O que podemos aprender com Phil é a vontade de tentar, vezes e vezes novamente, até alcançarmos nosso objetivo inicial. Também não devemos ter medo de voltar ao quadro negro para dar outra chance a algo. Essas características são o que fazem um verdadeiro campeão.

Este texto ajudou você ?

Ainda está com dúvidas sobre alguma questão? Visite nosso fórum de discussões e compartilhe suas dúvidas com mais de 270 mil pessoas cadastradas.

×