5 benefícios do agachamento na queima de gordura

Por Equipe Hipertrofia

Textos escritos pela redação do Hipertrofia.org são escritos e revisados por profissionais de várias áreas que circundam o universo da musculação para que você tenha acesso às melhores informações, com respaldo científico e empírico.

Quando você pensa em exercícios para queimar gordura, o agachamento livre dificilmente é a primeira coisa que vem à mente. Seu instinto dirá que você precisará criar raízes na esteira e fazer apenas aeróbicos. Mas e se eu lhe dizer que agachar pode trazer mais resultados?

Os 5 benefícios do agachamento na queima de gordura são:

  • Você vai construir mais músculos.
  • Agachar pode queimar mais calorias do que a esteira por minuto
  • Melhor composição corporal (mais massa muscular e menos gordura)
  • O agachamento desencadeia uma resposta metabólica e hormonal que facilita a queima de gordura
  • Melhora geral no condicionamento físico

Se você ainda não está convencido de que fazer agachamento para queimar gordura é efetivo, continue lendo.

1 – Você vai construir mais músculos (e automaticamente queimar gordura).

O agachamento permitirá que você construa mais músculos em geral.

Quando você constrói massa muscular, “automaticamente” é capaz de queimar mais calorias em repouso em comparação com a gordura.

De acordo com o Dr. Christopher Wharton, professor de nutrição da Universidade Estadual do Arizona, 4,5kg de músculo queimam 50 calorias em um dia em repouso, enquanto 4,5kg de gordura queimam 20 calorias.

Portanto, a construção muscular deve ser uma parte importante da sua estratégia de perda de peso.

No agachamento os seus quadríceps são a principal força motriz do levantamento.

Mas você também está usando seus isquiotibiais, glúteos e panturrilhas para se abaixar e depois se levantar de volta à posição inicial.

Além disso, vários músculos da parte superior do corpo são usados ​​para estabilizar o tronco, incluindo os abdominais, o meio das costas, os dorsais e a parte superior das costas.

Publicidade

Então, em vez de focar em cada um desses grupos musculares separadamente, o agachamento pode ser um exercício muito mais eficaz para construir força e massa muscular de forma geral.

2. O agachamento pode queimar mais calorias do que a esteira, por minuto

Agachar pode queimar mais calorias do que se você passasse uma hora em uma esteira.

De acordo com um estudo sobre os efeitos de queima de calorias em uma variedade de exercícios, os pesquisadores descobriram que o agachamento queimava em média de 35 calorias por minuto, o mais eficiente entre todos os exercícios testados.

Eles compararam o agachamento com exercícios como leg press, extensora, supino, elevação lateral, rosca direta e tríceps corda, e descobriram que o treinamento da parte inferior do corpo teve um custo de energia maior do que o treinamento da parte superior do corpo, sendo o agachamento o mais eficaz.

Para comparação, correr na esteira pode queimar entre 5 a 9 calorias em um minuto, dependendo da sua velocidade e nível de inclinação.

A ciência por trás da perda de peso com agachamentos é simples: à medida que você adiciona peso ao agachamento, a intensidade do movimento aumenta, causando uma aceleração no seu metabolismo à medida que seu corpo precisa manipular mais as calorias para reparar os músculos que você usou e ainda gerar energia.

Dica: você pode queimar de 3 a 6 vezes mais calorias em um minuto de agachamento em comparação com um minuto de aeróbico na esteira.

3. Melhor composição corporal

Composição corporal refere-se a como sua massa corporal é composta.

Por exemplo, duas pessoas podem pesar 80kg, mas uma delas tem 30% de gordura corporal enquanto a outra tem 15%.

Se ambas têm o mesmo peso na balança, mas uma tem mais gordura é porque a outra possui mais massa muscular e estará com uma composição corporal melhor.

Publicidade

Um estudo sobre composição corporal fez com que os envolvidos realizaram um treino com agachamento por 8 semanas, todos os envolvidos finalizaram o estudo com uma diminuição próxima de 4% no percentual de gordura enquanto ganharam massa e força muscular.

Basicamente, fazendo agachamento é possível ganhar massa muscular e ainda promover perda de gordura, favorecendo a proporção entre gordura e massa muscular que você tem no corpo.

4. O agachamento desencadeia uma resposta metabólica e hormonal propícia à queima de gordura

O agachamento acelera o metabolismo por um longo período de tempo, além de estimular a produção de hormônios naturais que contribuem para a queima de gordura.

Seu metabolismo, de forma simplista, é o processo no qual seu corpo converte os alimentos que você come em energia utilizável.

Mas como agachar pode acelerar o metabolismo?

O fato de um movimento exigir tanto trabalho para mover o peso significa que seu corpo está consumindo uma tremenda quantidade de energia, o que força a taxa metabólica do seu corpo a aumentar.

Esse aumento da taxa metabólica continua na sua recuperação pós-treino, pois seu corpo usa essa energia para reparar os músculos trabalhados.

Além da resposta metabólica que seu corpo recebe do agachamento, você também terá um efeito nos seus hormônios.

Seu corpo requer certos hormônios, como testosterona e hormônio do crescimento, para construir músculos e perder gordura.

Em um estudo publicado no Journal of Strength and Conditioning, foi demonstrado que os participantes obtiveram um aumento de 16% na testosterona imediatamente após o agachamento em comparação com aqueles que usaram o leg press.

Publicidade

Esses hormônios ajudarão você a construir músculos, o que permitirá que você levante mais peso e, consequentemente, queime mais calorias no processo.

5. Seu condicionamento geral melhorará

Melhorar o condicionamento significa aumentar sua capacidade de fazer ‘mais trabalho’ no mesmo ou em menos tempo.

Ao fazer várias séries de agachamento, você definitivamente se verá respirando pesado à medida que seu corpo bombeia oxigênio para os músculos. Esta é essencialmente uma atividade cardiovascular que utiliza o treinamento com pesos.

E isso não acaba imediatamente após fazer agachamento. Exercícios pesados poderão gerar um “débito” de oxigênio; você continuará consumindo mais oxigênio, mesmo em repouso.

O oxigênio que você está tentando devolver (por conta do “débito”) ao seu sistema depois de concluir o exercício é chamado de consumo de oxigênio pós-exercício (EPOC) e manterá seu metabolismo acelerado por um bom tempo após treinar.

Tudo isso gera um estímulo para seu corpo se adaptar e fazê-lo ficar mais eficiente em produzir energia, o que resulta em um corpo mais condicionado para realizar exercícios.

Pensamentos finais

O agachamento é um exercício eficaz para construir músculos, força e condicionamento.

Ao agachar, você aumenta a taxa metabólica do corpo e é capaz de queimar mais calorias por um longo período de tempo em comparação com outras atividades cardiovasculares.

Ver bibliografia usada
  • Endocrine response to high intensity barbell squats performed with constant movement tempo and variable training volume. Randomized Controlled Trial Neuro Endocrinol Lett. 2018 Oct;39(4):342-348.
  • Energy cost of isolated resistance exercises across low- to high-intensities. PLoS One. 2017; 12(7): e0181311. Jul 24. doi: 10.1371/journal.pone.0181311

Este texto ajudou você ?

Ainda está com dúvidas sobre alguma questão? Visite nosso fórum de discussões e compartilhe suas dúvidas com mais de 270 mil pessoas cadastradas.