Milho é bom para quem faz musculação? (Sim, entenda)

Por Equipe Hipertrofia

Textos escritos pela redação do Hipertrofia.org são escritos e revisados por profissionais de várias áreas que circundam o universo da musculação para que você tenha acesso às melhores informações, com respaldo científico e empírico.

Milho é uma fonte de carboidratos, porém é uma opção evitada por quem treina, pois foge da “normalidade” da maioria das dietas.

Então, milho é bom para quem faz musculação? Sim, o milho é uma excelente fonte de carboidratos e calorias saudáveis ​​– dois ingredientes chave que apoiam o crescimento muscular. O amido é facilmente digerível, ideal para o pré e pós-treino.

Milho em uma dieta para quem faz musculação

Quando se trata de musculação e ganho muscular, é fundamental incorporar todos os macronutrientes (proteínas, gorduras, carboidratos).

E, de acordo com a Academia de Nutrição e Dietética dos EUA, homens e mulheres que fazem musculação, com o objetivo de ganhar massa muscular, precisam de pelo menos metade de suas calorias provenientes de carboidratos. Todos os dias.

Veja também -> Quantos carboidratos ingerir por dia para hipertrofia

Esta energia extra na forma de carboidratos ajuda a promover um ambiente mais anabólico para construir massa muscular.

O milho contém uma quantidade muito interessante de calorias e carboidratos para quem faz musculação. De acordo com o Departamento de Agricultura dos EUA (USDA), uma xícara de milho fresco contém cerca de 125 calorias e 30 gramas de carboidratos.

Comer milho é bom para quem faz musculação?

Além disso, comer milho tem vários benefícios para quem faz musculação:

  • O milho é rico em fibras, vitaminas e minerais.
  • É um alimento de fácil digestão e absorção. O milho é relativamente pobre em proteínas e gorduras, o que facilita a digestão.
  • É considerado um carboidrato saudável. O milho contém uma boa quantidade de fibras, evitando picos de insulina desnecessários.
  • É bastante portátil. É muito fácil levar o milho para onde você quiser, se você precisa fazer refeições fora de casa.

Milho em cutting ou bulking (para ganhar massa muscular ou perder gordura)?

Você pode usar o milho tanto em dietas para bulking como cutting. O fator mais importante será sua necessidade de macronutrientes e calorias diárias.

Por exemplo: se você precisa comer X gramas de carboidratos por dia para ganhar massa ou perder gordura, não fará muita diferença se você optar por milho ou outro carboidrato saudável.

Publicidade

Veja também -> 11 fontes de carboidratos para quem faz musculação

Posso usar pipoca como forma de milho?

O milho pipoca traz todos os benefícios do milho comum que conhecemos.

Porém, se você deve usar ou não, vai depender da forma de preparo.

Se você faz pipoca com alguma forma de gordura (manteiga, por exemplo), terá uma refeição rica em carboidratos, gorduras e pobre em proteína, podendo fornecer uma grande quantidade de calorias, o que pode extrapolar suas necessidades.

Porém, quando feito apenas com água e sal, ele se torna um bom aperitivo, principalmente para quem busca perda de gordura, pois o conteúdo em fibra da pipoca ajuda a saciar a fome.

Nem todo milho é igual

Agora que respondemos à pergunta principal – milho é bom para quem faz musculação – vamos mergulhar em que tipo de milho você deve comprar para uma saúde ideal.

De forma simples e direta, quanto menos processado melhor.

Procure alimentos que estejam mais próximos de como são encontrados na natureza.

Isso significa encher seu prato com os alimentos que você poderia colher e colocá-lo no seu prato, sem ter que fazer mais etapas para prepará-lo.

Por exemplo: pão de milho pode ser um alimento bom e se encaixar na sua dieta, mas os benefícios diretos do milho já se perderam.

Publicidade

Mas, eu sei, nem sempre é possível comprar um alimento em sua forma mais pura.

Portanto, compre milho nesta ordem: fresco, congelado, enlatado.

Poucas pessoas se atentam ao fato de que alimentos enlatados, na verdade, costumam ser os mais processados.

Porém, no caso do milho, às vezes pode ser sua única opção. Neste caso, verifique a ficha nutricional e fuja de milhos com adição de açúcar (sim, eles fazem isso!).

Conclusão

O milho é um excelente complemento para uma dieta para hipertrofia ou perda de gordura.

Contém carboidratos de fácil digestão, que são ótimos para pré ou pós-treino. Considerando a portabilidade, é ótimo para viagens.

O milho é rico em amido, mas também contém uma boa quantidade de fibra que ajuda a reduzir os picos de açúcar no sangue. Como fisiculturista, o maior teor de carboidratos pode ser uma vantagem real, ajudando a construir músculos e fornecer energia rápida.

Sempre que possível, procure versões integrais e não processadas de alimentos, que trarão todos os benefícios naturais do alimento.

Este texto ajudou você ?

Ainda está com dúvidas sobre alguma questão? Visite nosso fórum de discussões e compartilhe suas dúvidas com mais de 270 mil pessoas cadastradas.