Home / Dicas Rápidas / Mais 10 maneiras para aumentar a testosterona naturalmente

Mais 10 maneiras para aumentar a testosterona naturalmente

Clique aqui

Hoje em dia, a testosterona é um hormônio em extinção. Consumo excessivo de porcarias, bebidas alcoólicas, falta de descanso, atividades estressantes e outras coisas que destroem a produção natural de testosterona, estão se tornando cada vez mais inerentes à nossa sociedade. E isto não afeta apenas a sua saúde e qualidade de vida, mas os seus resultados dentro da academia também.

Neste texto veremos mais 10 maneiras rápidas para aumentar a testosterona.

aumentar testosterona1) Perca gordura. Seja por um excesso já existente ou adquirida em uma dieta para ganhar massa muscular, células de gordura possuem a capacidade de liberar uma enzima chamada aromatase capaz de converter a testosterona em estrógeno, e quanto mais gordura você possuir maior é a possibilidade de você estar “perdendo” testosterona.

2) Comece a fazer escolhas melhores na cozinha. A maioria dos alimentos feitos pelo homem – leia-se processados – possuem inúmeras substâncias (açúcares, gorduras trans, corantes, preservantes, hormônios, etc…) capazes de afetar a produção de testosterona. Com um pouco de criatividade é possível substituir qualquer tipo de guloseima ou fastfood por opções mais saudáveis e que contém nutrientes que auxiliam a hipertrofia.

Clique aqui

3) Beba menos álcool. O álcool é um inimigo conhecido da testosterona, e o seu consumo tem uma relação direta com o declínio da mesma. Se você não consegue ou não quer eliminar o uso do álcool, esta é uma opção sua e 100% pessoal, contudo a diminuição do consumo com certeza amplificaria seus resultados dentro da academia e em outras áreas da vida.

4) Se você é adepto dos aeróbicos, opte pelos de alta intensidade (Exemplo: HIIT). Aeróbicos de baixa intensidade e longa duração estão ligados à níveis altos e crônicos de cortisol que além de interferir diretamente no ganho de massa muscular podem diminuir os níveis de testosterona.

5) Diminua os níveis de estresse. Falar é mais fácil do que fazer, contudo procurar evitar situações desnecessariamente estressantes pode gerar um efeito positivo na produção de testosterona.

6) Evite açúcar. Ao contrário do que muitas pessoas acreditam, a eliminação do açúcar da dieta não causa hipoglicemia ou qualquer problema do tipo e de quebra terá um efeito positivo na produção de testosterona.

7) Não evite gorduras. Gorduras saturadas e até colesterol (vindos de fontes saudáveis) possuem um papel importante na metabolização de hormônios anabólicos.

8) Abrace os exercícios compostos. Dica batida, mas ainda precise ser enfatizada. O uso de exercícios compostos (que usam mais de um grupo muscular/articular para ser executados) geram maior estresse metabólico que de quebra geram mais testosterona e hormônio do crescimento.

9) Evite soja. Entre os vários estudos que detonam ou endeusam a soja, existem alimentos muito melhores e que não colocam a sua testosterona em risco.

10) Cuidado com os estimulantes. Excesso de estimulantes (geralmente provindos de pré-treinos) e por tempos estendidos podem gerar uma produção significativamente maior de cortisol que de quebra afetará seus níveis de testosterona.

Visite também nosso artigo mais recente e atualizado sobre como aumentar testosterona naturalmente <- clique.

Acompanhe as novidades do Hipertrofia.org direto da sua rede social favorita. Siga-nos:

Sobre Redação Hipertrofia.org

O maior site sobre musculação em língua portuguesa da internet. Desde 2007 trazendo o melhor conteúdo sobre musculação, sempre baseado nos últimos estudos científicos, autores renomados e experiência prática.
Clique aqui para saber mais

18 comentários

  1. Ótimo artigo!!! Sempre bom vir artigos sobre como aumentar a testosterona naturalmente….

    Vou listar aqui o que mais me chamou a atenção…

    1) Perca gordura… Essa realmente é nova pra mim… Por isso que os magrelos tem fama de …. rsrsrs

    3) Álcool. Isso eu já provei por mim mesmo… Álcool abaixa a testosterona realmente. Álcool e musculação pelo menos pra mim não combinam, não dá certo. E álcool é ruím no geral né… Pra começar destrói famílias, a pessoa…

    4) Aeróbicos. Também acho que eles dão uma diminuída…

    5) Estresse. Realmente quando a gente tem estresse a testosterona vai lá pra baixo. Zera mesmo…

    7) Gorduras com bom-senso auxiliam.. Isso aprendi por exemplo, aqui no site hipertrofia…pra mim só faziam mal…

    8) Evite Soja. Tô evitando realmente, pois tanto aqui no hipertrofia quanto em outro site de musculação já falaram mal da soja…

    valeu… e o artigo é muito bom pois é aumentar *naturalmente*… absss…

  2. esse sobre a soja, ja foi desmentido.Ela pelo contrario ajuda no processo de fabricação de testo no organismo.

    • Tbm acredito q nao haja grande impacto da soja sobre hormonios nao. O que li foi q um estudo relacionou o consumo de soja com a diminuiçao da testosterona, porem foi o unico estudo e foi feito num individuo q era vegetariano há mais de 5 anos e consumia altas qntidades de soja. Outros estudos em pessoas normais e saudaveis nana mio demonstraram nenhuma mudança nos niveis de testo. Minha opiniao pessoal é que, só pq na soja existem essas substancias quimicamentes parecidas com o estrogenio, inventaram q elas desempenham a mesma funçao e chamaram de “fitoestrogenio” pra vender pro publico feminino blablabla… Dai agora a industria da carne\leite está ameaçada pela da soja. Imagine se nao houvesse toda esa desconfiança do publico masculino em relaçao a soja, iriamos comprar muito mais pelo fato de ser mais barata, fazendo com que whey e outros perdessem grande espaço no mercado

      • Vinícius Moraes

        Não ha porque o mercado da soja brigar com o do leite e da carne, pois pra produzir estes precisam de uma quantidade superior do grão, se não me engane, por volta de 3g de proteina de soja pra produzir 1g de proteina animal.
        Quanto ao efeito ha controversias(alem de estudos tem fisicuturista veganos que usam da proteina ISOLADA de soja), o site na duvida prefere evitar.

  3. Essa da soja pra mim é novidade, mas pelo pouco visto, há controvérsias.

    Alguém pode auxiliar postando aqui alguns estudos de fontes diversas?

  4. Belo post!!!

  5. Realmente, tomem muito cuidado com a soja. Não falo por achismo, mas porque já consumi muita soja e estudei muito sobre esse assunto, e hoje excluí esse alimento da minha dieta totalmente. Além disso, as pesquisas sobre soja são em sua maioria financiadas pela bilionária indústria da própria soja.

    Se pararmos para observar, descobriremos que asiáticos que são os consumidores clássicos da soja NÃO utilizam produtos provenientes do seu cozimento (como leite de soja, extrato em pó, grãos inteiros cozidos e proteína texturizada) porque o cozimento não torna a soja biodisponível. Ao invés disso, eles utilizam a fermentação lenta para produzir produtos como shoyu e missô, e consomem apenas poucos gramas como condimento. O popular tofu também é consumido em quantidades mínimas.

    Some todos esses fatores à multitude de açúcares, adoçantes artificiais, conservantes e realçadores de sabor. Isso fará a soja parecer bem menos atraente.

  6. Bom post. Nada de muito novo mas sempre bom falar. Afinal sempre tem gente iniciando no esporte. Quanto a soja tenho a mesma opinião quantobao tribullus, pode ser que sim ou não. Pra mim funciona tribulus. E soja prefiro evitar.

  7. Isso da soja não é absoluto, devido a minha intolerância a lactose eu tomo leite de soja todo dia, e as vezes como biscoitos de soja, pois também tenho alergia ao gluten (muita sorte né hahaha). Mesmo assim, meu nível de testorena é bem maior do que o normal, logo não é algo absoluto.
    Pode ser que tenha alguma influência na testosterona (existem diversos artigos defendendo ambos os lados), mas ao meu ver é desprezível e deixar de tomar qualquer coisa de soja por causa disso é um exagero.

  8. O uso da soja é umaboa fonte de proteina vegetal alem de ser um carreador de gordura auxiliando ometabolismo destas nao deve ser evitada por quem quer hipertrofia leiam artigos com fundamentos e nao o que falam por ai .
    O exercicio aeróbio é de fundamental importancia a saude cardio vasvular e gera um aumento das camaras cardíacad de dentro para fora e xtremamente benefico ao coraçao e ao organismo . A hipertrofia por aumentar a massa muscular corpórea cria uma resistencia periferica grande aumentando a pressao arteria e criando uma hipertrfia muscular cardíaca concentrica ou seja diminui o volume ejetado de sangue mais aumenta a foça com que é bombeado crisndo uma hipertrofia ruim ao coraçao e ao organismo é um crime retirar o exercicio aerobio da rotina mesmo que isso diminua o hormonio testoterona que alias nunca li nada a respeito disto.

  9. Soja é um péssimo alimento , pesquisem dr lair ribeiro ou ivandélio sanctus.

  10. Pra quem defede a soja eu ví os resultados na prática. Uma pessoa próxima fez um exame de testo e estava baixa. PAROU de tomar o leite de soja que estava acostumado a tomar todo dia e em 30 dias refez o exame. A testo dobrou e voltou ao nível normal. Isso pra mim é a maior prova. SOJA, TÔ FORA!

  11. Sobre a soja concordo plenamente,por ser vegano,utilizei a soja por mais de vinte anos! Sempre fui um defensor ferrenho da soja,mas por mais que eu treina-se e usa-se suplementação,meus ganhos deixavam a desejar! Vários amigos meus nutricionistas,nutrologos,medicos,me diziam que soja não era para homem,porque aumentava a produção de estrogenio hormonio feminino! Protelei por um tempo e resolvi parar,cara meus ganhos na academia foram enorme,mesmo estando mais velho e treinando menos,dormindo pouco alimentação insuficiente !

  12. Estrogênio presente no leite de vaca, algum estudo ou artigo sobre o assunto?

  13. Boa Tarde, Galera !

    Tenho 43 anos e estou fora de forma e possível na minha idade ainda ganhar massa muscular ?

    Deis de já agradeço e conto com a ajuda de vocês !!

  14. boa tarde gostaria de um treino
    porqiue nao sei como treina
    tenho tempo para treina so 3 vezes na semanda quais os treino devo focar
    alguem tem uma tabelinha de treino para os 3 dias na semana

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentários agressivos, ofensivos, com propagandas ou que não adicionam algo a discussão, não serão aprovados.