Os reais efeitos do álcool em nosso corpo

 

Se você é uma daquelas pessoas que não abrem mão da bebida alcoólica da balada do final de semana. Este artigo vai ser bem esclarecedor para quem tem curiosidade sobre o que acontece com o nosso corpo quando ingerimos álcool e como isso pode atrapalhar os seus objetivos com a musculação

1 – Diminuição do Testosterona e o aumento do Cortisol

Um estudo feito em 8 voluntários, homens saudáveis, provou que depois de consumir álcool, houve uma queda significante no testosterona e um aumento no cortisol(basicamente o hormônio que destroi tecido muscular), e o organismo desses voluntários ficaram neste estado por mais de 24 horas.

ghpro Os reais efeitos do álcool em nosso corpo

Então se você deseja realmente manter um ganho expressivo de massa muscular, vai ter que pegar leve na ingestão de álcool, quanto mais os níveis de testosterona estiverem altos e o de cortil baixos, além dos ganhos serem mais fáceis a perder o que já ganhou também será, o que você não vai conseguir, se embriagando todo final de semana.

2 – Diminuição na absorção de vitaminas e minerais

Quando você consome uma quantidade elevada de álcool, isso faz com que o seu fígado fique ocupado a todo tempo convertendo o álcool em acetato e qualquer vitamina ou mineral que passar pelo fígado vai ser eliminado pelo processo de desintoxicação.

O álcool interefere no metabolismo da maioria das vitaminas, e com a absorção de vários nutrientes. Estimula a excreção de cálcio e magnésio pela urina.(Você vai urinar estes importantes nutrientes). E como se não fosse suficiente a comida no estômago ainda irá competir com o álcool pela absorção na corrente sanguínea.

ghmax Os reais efeitos do álcool em nosso corpo

Para quem treina com pesos, sabe que a necessidade de uma alimentação balanceada é importante e bebendo não é o caminho para se conseguir isso.

3 – Diminui a síntese proteica

Ou seja, o crescimento muscular vai diminuir mais de 20%, pois a capacidade do corpo de sintetizar a proteína vai estar prejudicada com a ingestão do álcool.

4 – Desidratação

Um efeito colateral comum da bebida alcoólica é o efeito diurético, principalmente a cerveja. Você vai sentir vontade de ir no banheiro toda hora, saiba que você está urinando os líquidos do seu corpo e não uma urina normal. E você deve saber que o nosso corpo(principalmente os músculos) são constituidos por de 70% somente água.

zmatforce Os reais efeitos do álcool em nosso corpo

5 – Sono

O alcoolismo pode gerar desordem no sono e todo marombeiro sabe que o descanso é fundamental, sem as horas necessárias de sono com qualidade o corpo não se recupera adequadamente e não libera hormônio do crescimento.

6 – Conclusão

Desconsiderando a capacidade genética de cada um de ganhar massa muscular(uns tem mais ganhos do que outros), todos sabem que não é uma tarefa fácil. Pelo menos para aqueles que tem um treino árduo, intenso e uma dieta rigorosíssima.

Se não é uma tarefa fácil, não seria fundamental fazer com que todos os fatores estejam ao seu lado para o ganho de massa muscular ? Se você não consegue ter um treino intenso, manter uma dieta rigorosa, não se dê ao luxo de consumir bebida alcoólica, mas se consumir fique ciente do atraso que você estará dando ao seu crescimento.

Referências:

1. Heikkonen, E., Ylikahri, R., Roine, R., Valimaki, M., Harkonen, M., & Salaspuro, M. (1996). The combined effect of alcohol and physical exercise on serum testosterone, luteinizing hormone, and cortisol in males. Alcoholism, Clinical and Experimental Research, 20, 711-716

2. Kvist, H., Hallgren, P., Jonsson, L., Pettersson, P., Sjoberg, C., Sjostrom, L., & Bjorntorp, P. (1993). Distribution of adipose tissue and muscle mass in alcoholic men. Metabolism, 42, 569-573

3. Raben A, Agerholm-Larsen L, Flint A, Holst JJ, Astrup A. (2003). Meals with similar energy densities but rich in protein, fat, carbohydrate, or alcohol have different effects on energy expenditure and substrate metabolism but not on appetite and energy intake. American Journal of Clinical Nutrition, 77, 91-100

4. Siler, S.Q., Neese, R.A., & Hellerstein, M.K. (1999). De novo lipogenesis, lipid kinetics, and whole-body lipid balances in humans after acute alcohol consumption. American Journal of Clinical Nutrition, 70, 928-936

5. Tremblay, A., & St-Pierre, S. (1996). The hyperphagic effect of a high-fat diet and alcohol intake persists after control for energy density. American Journal of Clinical Nutrition, 63, 479-482

6. Valimaki, M.J., Harkonen, M., Eriksson, C.J., & Ylikahri, R.H. (1984). Sex hormones and adrenocortical steroids in men acutely intoxicated with ethanol. Alcohol, 1, 89-93

7. Flechtner-Mors, M., Biesalski, H.K., Jenkinson, C.P., Adler, G., & Ditschuneit, H.H. (2004). Effects of moderate consumption of white wine on weight loss in overweight and obese subjects. International Journal of Obesity and Related Metabolic Disorders, 28, 1420-1426

8. Buemann, B., Toubro, S., & Astrup, A. (2002). The effect of wine or beer versus a carbonated soft drink, served at a meal, on ad libitum energy intake. International Journal of Obesity and Related Metabolic Disorders, 26, 1367-1372

9. Lang CH, Frost RA, Kumar V, Wu D, Vary TC. (2000). Inhibition of muscle protein synthesis by alcohol is associated with modulation of eIF2B and eIF4E, 3, 322-31

10. Alcohol Alert, National Institute on Alcohol Abuse and Alcoholism, No. 41 July. 1988

11. Shirreffs, Susan M., and Ronald J Maughan. 91997). Restoration of fluid balance after exercise-induced dehydration: effects of alcohol consumption, Journal of Applied Physiology, Vol. 83, No. 4, pp. 1152-1158

12. “Alcohol, chemistry and you,” Kennesaw State University, chemcases.com, Aug. 2002

13. Dept. of Health and Human Services, Report to Congress, 1990

14. “Why alcohol calories are more important than you think,” Christian Finn, TheFactsAboutFitness.com

Redação Hipertrofia.org

Os artigos enviados pela redação foram escritos pelos mais diversos profissionais da área e entusiastas, sempre baseados em estudos científicos recentes em conjunto de evidências empíricas.

Outros artigos interessantes...

Clique aqui!

14 Respostas

  1. alex disse:

    sou viciado em alcool sou magro e malho toda a semana.final de semana saio e bebo todas.segunda feira estou como antes.estou afim de tomar um durateston!oque acham???

    • antonio marcos disse:

      Vai diminuindo o álcool porra! Não precisa parar de uma vez, mas tenta ir diminuindo ao invés de bombardear mais ainda seu corpo…

    • Moises disse:

      Se você é viciado em alcool primeiro voce deve procurar ajuda nos varios grupos de Alcolatra Anonimos.. vlw

  2. ricardo disse:

    A VENDA DE BEBIDAS ALCOOLICA PRECISA SER PROIBIDA APOS 02HRS DA MANHA EM TODOS OS LOCAIS EM TERRITORIO BRASILEIRO.

    O poder devastador do álcool
    É um absurdo como a sociedade ainda não acordou para o poder devastador do álcool. Nosso réu nesta matéria influencia negativamente a economia global. Uma pessoa que bebeu durante toda a noite, no outro dia não consegue trabalhar em sua plenitude. Ele prejudica os negócios, a equipe, a empresa.
    Não pretendendo de forma alguma mudar a cultura mundial, neste caso a brasileira, ate porque se falarmos de mundo, existem vários países que já acordaram para este mal e proibiram a venda de bebidas alcoólicas,
    Vamos fazer uma reflexão. O que leis mais severas sobre a venda de bebidas alcoólicas poderiam prejudicar a sociedade e a economia em si.
    No meu modo de ver, prejudicaria alguns setores da economia sim, tais como casas noturnas, bares que varam a madrugada, lojas de conveniência 24hrs entre outros locais.
    O que proponho com este texto, é que acordemos para a realidade. A Califórnia, local onde eu já residi tem uma lei inteligentíssima, e diga-se de passagem obvia.
    É proibido a venda de bebidas alcoólicas após 02hrs da madrugada. Vejamos que coisa maravilhosa para o mundo econômico.
    As pessoas irão dormir mais cedo, se embriagar menos, conseqüentemente irão produzir mais no trabalho. O valor econômico perdido com essa idéia, será inteiramente compensado em outros setores, pessoas irão produzir mais, gastarão seu dinheiro de outras maneiras, empresas serão catapultadas ao sucesso que muitas vezes fraqueja por conta de folias desvairadas.
    Os setores prejudicados com essas medidas, podem ser beneficiados de outra maneira pelo governo, com baixa de impostos, e também se adequando a nova regra, pois as pessoas continuaram a sair, beber e aprontar de suas loucuras.
    Agora, chegaremos ao ponto que pretendia ao escrever esta matéria. O ganho econômico com a nova medida, não é nada perto do ganho humanitário. Meu senhor, você tem idéia do que o álcool transforma na vida das pessoas. Quantos acidentes de transito podem ser evitados com esta nova medida, brigas, mortes, agressão a mulheres.
    O álcool é a droga mais nociva ao ser humano, ela so não é proibida ate hoje por motivos culturais, e pq todos nos precisamos de uma válvula de escape a realidade do nosso universo.
    Não proponho aqui, o fim da venda de bebidas alcoólicas, porem proponho sim, que medidas mais rígidas sejam adotadas sobre o capeta engarrafado.
    A proibição da venda de bebidas alcoólicas em jogos de futebol, as novas regras que vinculam bebidas e direção, conhecida publicamente como lei seca, foram medidas maravilhosas para a sociedade.
    O que uma pessoa bebendo em local publico após 02hrs da manha vai fazer de favorável?
    Acordemos para a realidade, o álcool esta fudendo muita coisa. Proibir a venda de bebidas alocoolicas após 02 hrs da madrugada é a medida mais obvia que já deveria ter sido adotada a décadas.
    Sendo assim, me despeço de vocês sem muito dizer, porem inflamando uma reflexão notória em todos os leitores.

    • Jason Tricolor disse:

      Excelente comentário !! disse tudo !

    • joao arthur disse:

      Boa tarde Ricardo,

      Não concordo com nada dessa babozeira de cancelar o álcool a partir das 2:00 da manhã.

      Concordo com o suporte do governo em projetos sociais de reeducação de crianças e jovens, ensinando o que muitas vezes o berço não pôde ou não pode devido à outras circunstâncias (falta do próprio berço e cultura principalmente).

      Forçar uma pessoa a quebrar uma rotina e modo de vida a que já está habituado com certeza é uma tarefa mais complicada ao meu modo de ver.

      Outro ponto são as mídias sociais e televisão, criando todo um conceito e formando a cabeça de muitas pessoas desinformadas do que é bom ou ruim, certo ou errado.

      Isto posto, em resposta ao seu ponto de a pessoa prejudicar a empresa que trabalha e piorar a economia com o efeito do álcool, cortar o mesmo as 02:00 horas não iria melhorar significativamente o rendimento da pessoa na empresa.

      Vai do ser humano utilizar de sua ética e responsabilidade racional para saber o que pode fazer ou não, pois somos livres para tomar essas escolhas.

      Sei que mudar um conceito, ou melhor, prática, é um trabalho árduo e de longo prazo, e que depende de um esforço bilateral (governo e sociedade).

      Cortar o mal pela raíz, penso que seria o melhor modo.

      É claro que opinião é opiniao, portanto a minha vale zero para terceiros.

      Obrigado.

  3. gostei muito co que vc falou sobre o alcool

  4. "É incrível como as pessoas são alienadas hoje em dia, caem em falácias lógicas e pseudo pesquisas de empresas como a skol entre outras, que influenciam pessoas idiotas a beberem porque se não são pessoas estupidas, essas mesmas pessoas são capazes até de comprar um carro bem caro só porque se não vão ter carros pelados, então se você malha mas não consegue criar bastante músculos…surpresa!!! é culpa da bebida alcoólica!!"

  5. 5 dias se puxando para jogar tudo fora em 1 ou 2? Não vou!5 dias se puxando para jogar tudo fora em 1 ou 2? Não vou!

  6. 5 dias se puxando para jogar tudo fora em 1 ou 2? Não vou!5 dias se puxando para jogar tudo fora em 1 ou 2? Não vou!

  7. Homem primata , capitalismo selvagem

  8. Bah fazia 6meses que nao bebia enchi a cara e olha onde vim para de tanta preocupação kkkk …

  9. DOMINGOS BATISTA DOS REIS disse:

    GOSTARIA QUE ALQUEM PUDESSE ME DIZER ALGUMA COISA SOBRE A GLICEMIA E O ÁLCOOL. SERÁ QUE O ÁLCOOL PODE DESRREGULAR O PÂNCREAS VINDO A ALTERAR OS NÍVEIS DE GLICOSE NO SANGUE.
    ALGUÉM JÁ LEU SOBRE ISSO?

  1. 01/09/2010

    […] Então para atletas amadores ou não de musculação é importante parar de consumir o álcool, caso deseje saber mais sobre esse assunto leia “Os reais feitos do álcool em nosso corpo“. […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>