Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Eleições na França


NewbieTrack

Eleições na França  

5 votos

  1. 1. Em quem você votaria caso morasse na França?

    • Marine Le Pen
    • Emmanuel Macron
    • Jean-Luc Mélanchon
      0
    • François Fillon
    • Benoît Hamon
      0
    • Nulo ou sem opinião


Posts Recomendados

Amanhã ocorrerá o primeiro turno das eleições Francesas, é necessário que o candidato tenha pelo menos 50% dos votos para ser eleito, caso contrário haverá um segundo turno entre os dois mais bem votados. 

 

Achei um resumo no site da grobo, lembrando que a Sra Le Pen é favorável a legalização do aborto até o 3º mês, então não sei porque diabos colocaram-na como extrema direita, mas enfim conheça os principais candidatos e suas propostas:

 

 

Marine Le Pen, da Frente Nacional 

 

 

  • Suprimir o 'direito de solo' para aquisição da nacionalidade francesa. Diferentemente do 'direito de sangue', o direito de solo é o princípio pelo qual uma nacionalidade pode ser reconhecida a um indivíduo de acordo com seu lugar de nascimento
  • Proibir o uso de símbolos religiosos em todos os espaços públicos e incluir o veto na legislação trabalhista.
  • Reimplantar a idade mínima para aposentadoria para 60 anos em vez dos 62 atuais.
  • Inscrever na Constituição a "prioridade nacional", com criação de impostos sobre novas contratações de trabalhadores estrangeiros
  • Reduzir drasticamente a imigração legal de cerca de 200 mil pessoas por ano, atualmente, para apenas 10 mil
  • Retirar a nacionalidade francesa de pessoas com dupla nacionalidade investigadas por ligações com o islamismo radical
  • Reduzir o número de parlamentares, atualmente de 577 deputados e 348 senadores, para 300 e 200, respectivamente
  • Criar uma taxa adicional de 3% sobre importações de países que praticam concorrência desleal, o chamado "protecionismo inteligente"

 

 

Emmanuel Macron, do Em movimento! 

 

 

  • Exigir 'ficha limpa' de candidatos e proibir que parlamentares contratem familiares
  • Suprimir 120 mil vagas de servidores
  • Restabelecer o serviço militar obrigatório
  • Reduzir a proporção dos gastos públicos em relação ao PIB, com corte de 60 bilhões de euros (R$ 202 bilhões) durante os cinco anos de mandato
  • Implementar um plano de investimento de 50 bilhões de euros (R$ 169 bilhões), incluindo incentivos à formação profissional e à transição energética
  • Aumentar as pensões mínimas de aposentadoria em 100 euros (R$ 350,00) por mês.
  • Criar 15 mil vagas de prisão e contratar 10 mil policiais civis e militares
  • Criar mecanismo de controle de investimentos estrangeiros em setores industriais estratégicos
  • Lutar contra a otimização fiscal de grandes grupos de internet

 

 

 

Jean-Luc Mélenchon, da França Insubmissa

 

 

  • Aumentar o salário mínimo em 16% para 1,3 mil euros líquidos (R$ 4,4 mil)
  • Implementar novas faixas do Imposto de Renda e criar alíquota de 90% para ganhos acima de 34 mil mensais (R$ 115 mil)
  • Reimplantar idade mínima para aposentadoria para 60 anos em vez dos 62 atuais.
  • Reunir uma Assembleia Constituinte para escrever, sob o controle dos cidadãos, uma nova Constituição.
  • Contratar pelo menos 60 mil professores, além de policiais e funcionários do serviço hospitalar.
  • Tirar a França da OTAN (Aliança do Tratado do Atlântico Norte), da OMC (Organização Mundial do Comércio), do FMI (Fundo Monetário Internacional) e do Banco Mundial.
  • Tornar inelegível para sempre políticos condenados por corrupção e permitir, por plebiscito, a revogação de mandatos políticos, inclusive do presidente
  • Investir 100 bilhões de euros (R$ 350 bilhões) em projetos de moradia, ecológicos e serviços públicos.

 

 

François Fillon, de Os Republicanos 

 

 

  • Demitir 500 mil servidores
  • Acabar com a atual jornada de trabalho de 35 horas semanais, permitindo que cada empresa decida por meio de convenções coletivas. Em média, os franceses já trabalham 39 horas, mas isso é compensado com o pagamento de horas extras ou dias de folga
  • Inscrever na Constituição o princípio de cotas de imigração e reforçar o direito do solo, impondo uma série de condições, como escolarização e ausência de condenação penal
  • Aumentar a idade mínima de aposentadoria para 65 anos em vez dos 62 atuais
  • Suprimir os regimes especiais de aposentadoria
  • Reduzir os gastos públicos em 100 bilhões de euros (R$ 350 bilhões) no período de 5 anos
  • Acabar com o Imposto de Solidariedade Sobre a Fortuna (ISF), cobrado de quem possui patrimônio superior a 1,3 milhão de euros (R$ 4,4 milhões). O ISF gera receitas de mais de 5 bilhões de euros (R$ 17 bilhões)

 

 

Benoît Hamon, do Partido Socialista

 

 

  • Criar a chamada Renda Universal de Existência para pessoas (de jovens a aposentados) que ganham pouco menos de dois salários mínimos por mês (2,2 mil euros ou R$ 7,4 mil), com um complemento de renda de algumas centenas de euros
  • Investir 3% do PIB em pesquisas e desenvolvimento e 2% do PIB na Defesa.
  • Dar prioridade ao "made in France"
  • Criar uma taxa suplementar sobre os lucros de multinacionais
  • Aumentar a pensão mínima de aposentadoria em 10%
  • Autorizar a eutanásia
  • Legalizar o consumo da maconha para maiores de idade
  • Contratar 40 mil professores
  • Manter a cobertura de saúde de imigrantes ilegais e em situação precária, que representa gastos de cerca de 800 milhões de euros (R$ 2,7 bilhões) por ano
  • Reforçar o controle de gastos de parlamentares
  • Realizar plebiscito sobre o direito de votos dos estrangeiros (atualmente, apenas europeus podem votar em eleições municipais e europeias na França)

http://g1.globo.com/mundo/eleicoes-na-franca/2017/noticia/de-demissao-de-servidores-a-reducao-da-idade-minima-para-aposentadoria-conheca-as-propostas-dos-principais-candidatos-a-presidencia-da-franca.ghtml

 

 

Se puder, disserte sobre as ideias do candidato no qual você gostaria que se elegesse. 

Editado por NewbieTrack
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Publicidade

O curioso é que a candidata de direita é extremamente favorável à intervencäo do Estado na vida das pessoas e no mercado de trabalho. Quer, por exemplo, impor uma taxa para a empresa contratar um extrangeiro. Ou seja, você näo vai ter o direito de escolher quem você quer para trabalhar na sua empresa. Quando o Estado se mete tanto assim na vida das pessoas a gente já sabe o que acontece...

 

6zU5RdhWDFQJtaVrYnwTK4g4.jpeg

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

2 horas atrás, Torf disse:

O curioso é que a candidata de direita é extremamente favorável à intervencäo do Estado na vida das pessoas e no mercado de trabalho. Quer, por exemplo, impor uma taxa para a empresa contratar um extrangeiro. Ou seja, você näo vai ter o direito de escolher quem você quer para trabalhar na sua empresa. Quando o Estado se mete tanto assim na vida das pessoas a gente já sabe o que acontece...

 

6zU5RdhWDFQJtaVrYnwTK4g4.jpeg

Tu já deverias saber que essa determinação bilateral de direita e esquerda não funciona.

 

O mais correto é o Diagrama de Nolan

 

images?q=tbn:ANd9GcQhrPFaK4dY6pupi_cbq7r

 

A Le Pen tá mais pra estatista do que de direita.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

8 minutos atrás, Staffen disse:

Tu já deverias saber que essa determinação bilateral de direita e esquerda não funciona.

 

O mais correto é o Diagrama de Nolan

 

images?q=tbn:ANd9GcQhrPFaK4dY6pupi_cbq7r

 

A Le Pen tá mais pra estatista do que de direita.

Concordo consigo. Quem falou que ela é de direita foi o autor do tópico. Eu citei que ela era de direita justamente sendo sarcástico e depois mostrando que ela, de direita, näo tem nada, assim como Hitler e Mussolini

 

Tenho pena da Franca caso ela venca. Já Putin, que financia extremistas separatistas sem se importar com ideologia, sejam eles de direita, esquerda, centro o diabo, vai comemorar bastante afinal de contas quanto menor e mais fraca for a Uniäo Europeia maior será a influência da Rússia.

 

O curioso é que praticamente todos os países do finado pacto de varsóvia se distanciaram da Rússia ou entraram para a OTAN ou estäo em processo de distanciamento. Acho que o único aliado que a Rússia ainda tem na Europa é a Bielorrussia. Se é täo bom ser aliado da Rússia e täo ruim fazer parte da Uniäo Europeia, por que a UE só cresce e a Rússia só diminui?

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

14 minutos atrás, NewbieTrack disse:

Role a página e leia de novo, quem falou que ela era de direita foi a GLOBO! As informações são da GLOBO!

Ok, desculpe, você apenas reproduziu, usando seu perfil, as palavras da Globo, dando a entender que era o que você pensava. Desculpa.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

AO VIVO | Eleições na França: Emmanuel Macron e Marine Le Pen disputarão segundo turno

 

Como falei anteriormente...aconteceu o esperado.

Emmanuel Macron...futuro presidente da França.

Editado por Born4Run
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 2 semanas depois...

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
  • Quem Está Navegando   0 membros estão online

    • Nenhum usuário registrado visualizando esta página.
×
×
  • Criar Novo...