Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Creatinina sérica e função renal


RafaelCorrea

Posts Recomendados

Boa tard

e, galera! Acredito que alguns aqui tenham conhecimento nessa área e gostaria de saber a opinião de vocês. Fiquei sem treinar (devido à uma pneumonia) do início de outubro de 2016 até janeiro de 2017, em novembro minha creatinina sérica deu 1.33mg/dL (valores de referência: 0.7 a 1.3mg/dL). Voltei a treinar mês passado e refiz os exames dia 15 de fevereiro, a creatinina subiu um pouco, para 1.43mg/dL (aumentou possivelmente pelo ganho de mm, na minha visão) e CPK (valores de referência: até 192U/L) deu 672U/L (ao meu ver normal para quem treina com uma boa intensidade 6x na semana). Segundo o endocrinologista (por sinal caro pra caralho) que eu fui, se eu continuar nesse ritmo terei falência renal em 10, 15 anos. Depois que ele falou isso, comecei a ler muito sobre o assunto e não me parece ser um valor anormal de creatinina em indivíduos que realizam atividade física intensa e tem uma quantidade de mm considerável. Encontrei uma fórmula bastante utilizada para estimar a taxa de filtração glomerular através da creatinina sérica, sexo, idade (22 anos) e peso (87kg) (fórmula de Cockcroft-Gault) . O valor encontrado foi 99,71mL/min/1,73m² (valores de referência: de 75 a 115mL/min/1,73m²). O médico me passou um exame de clearance de creatinina para avaliar minha função renal, esse exame analisa a taxa de filtração glomerular. 

Obs: Não uso nenhum tipo de esteróide anabolizante há quase 5 meses. Apenas suplementando com vit C, vit D3.

Pessoal aqui do fórum que é médico ou que tenha conhecimento sobre o assunto, o que acham?

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Publicidade

1 hora atrás, CrowleyFX disse:

Se o médico falou, tá falado. 

Mesmo falando bosta, ta falado amigo.

E QUE BOSTA.

Função renal e hepática tem de ser analisado por médicos que avaliam atletas. Se observar exames de atletas fisiculturistas alguns chegam a ter 2,0 de creatinina e enzimas TGO TGP mais que dobradas e ambas funções dentro da normalidade.

Já se perguntou de onde vem esses números bases utilizados pelos laboratórios?

Ao amigo do post não estou dizendo que você esta saudável, não há motivos para desespero, faça o exame de clearence e terá todo respaldo sobre sua função renal.

CPK altera TGO TGP.

Creatina é produzida em alguns orgãos e armazenada o músculo, o mesmo em atividade gera quebra de creatina em creatinina... Logo maior quantidade de massa muscular induz a números mais elevados de creatinina com função renal preservada.

Att

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

4 minutos atrás, FGenasculi disse:

Mesmo falando bosta, ta falado amigo.

E QUE BOSTA.

Função renal e hepática tem de ser analisado por médicos que avaliam atletas. Se observar exames de atletas fisiculturistas alguns chegam a ter 2,0 de creatinina e enzimas TGO TGP mais que dobradas e ambas funções dentro da normalidade.

Já se perguntou de onde vem esses números bases utilizados pelos laboratórios?

Ao amigo do post não estou dizendo que você esta saudável, não há motivos para desespero, faça o exame de clearence e terá todo respaldo sobre sua função renal.

CPK altera TGO TGP.

Creatina é produzida em alguns orgãos e armazenada o músculo, o mesmo em atividade gera quebra de creatina em creatinina... Logo maior quantidade de massa muscular induz a números mais elevados de creatinina com função renal preservada.

Att

Opinião é igual bunda né.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Em 2/26/2017 at 13:34, RafaelCorrea disse:

Apenas suplementando com vit C, vit D3.

Do que vc falou só posso alertar sobre isso.

 

Suplementar apenas a vitamina D3 de forma oral, pode ser bem problemático. A ingestão desse nutriente só será realmente eficaz se também estiver ingerindo uma quantidade suficiente de vitamina K2.

Na verdade, esse é um ponto crucial que não foi enfatizado suficientemente no passado. Se você optar por suplementar a vitamina D de forma oral, você precisa consumir também a vitamina K2, seja por suplementação ou em sua dieta.

Deixe-me explicar o porquê.

Quando você ingere a vitamina D seu corpo cria mais proteínas dependentes de vitamina K2. E as proteínas são as responsáveis pela mobilização do cálcio. Se elas não forem ativadas, o cálcio não será distribuído adequadamente no seu corpo podendo levar ao enfraquecimento dos seus ossos e ao endurecimento das artérias. Em resumo, a vitamina K2 garante que o cálcio seja depositado e removido para as áreas apropriadas. Ingerindo a vitamina D, você estará criando um aumento de demanda pela vitamina K2. Ambas agem juntas para fortalecer seus ossos e melhorar a sua saúde cardíaca.

Mais detalhes :

http://www.drrondo.com/se-voce-esta-tomando-vitamina-d-tenha-a-certeza-de-que-tambem-esta-ingerindo-vitamina-k2/

https://www.nutralimentosaude.com.br/calcio-com-magnesio-vitamina-d3-e-k2-por-que-devemos-usar-juntos/

https://riordanclinic.org/2013/10/vitamins-d3-and-k2-the-dynamic-duo/

E vitamina C é facilmente obtido pela ingestão de frutas. 

Editado por OverLane
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Em 01/03/2017 at 00:40, OverLane disse:

Do que vc falou só posso alertar sobre isso.

 

Suplementar apenas a vitamina D3 de forma oral, pode ser bem problemático. A ingestão desse nutriente só será realmente eficaz se também estiver ingerindo uma quantidade suficiente de vitamina K2.

Na verdade, esse é um ponto crucial que não foi enfatizado suficientemente no passado. Se você optar por suplementar a vitamina D de forma oral, você precisa consumir também a vitamina K2, seja por suplementação ou em sua dieta.

Deixe-me explicar o porquê.

Quando você ingere a vitamina D seu corpo cria mais proteínas dependentes de vitamina K2. E as proteínas são as responsáveis pela mobilização do cálcio. Se elas não forem ativadas, o cálcio não será distribuído adequadamente no seu corpo podendo levar ao enfraquecimento dos seus ossos e ao endurecimento das artérias. Em resumo, a vitamina K2 garante que o cálcio seja depositado e removido para as áreas apropriadas. Ingerindo a vitamina D, você estará criando um aumento de demanda pela vitamina K2. Ambas agem juntas para fortalecer seus ossos e melhorar a sua saúde cardíaca.

Mais detalhes :

http://www.drrondo.com/se-voce-esta-tomando-vitamina-d-tenha-a-certeza-de-que-tambem-esta-ingerindo-vitamina-k2/

https://www.nutralimentosaude.com.br/calcio-com-magnesio-vitamina-d3-e-k2-por-que-devemos-usar-juntos/

https://riordanclinic.org/2013/10/vitamins-d3-and-k2-the-dynamic-duo/

E vitamina C é facilmente obtido pela ingestão de frutas. 

Obrigado pela ajuda, mano. Vou estudar sobre isso que você falou,!

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Em 2/26/2017 at 20:54, FGenasculi disse:


Função renal e hepática tem de ser analisado por médicos que avaliam atletas. Se observar exames de atletas fisiculturistas alguns chegam a ter 2,0 de creatinina e enzimas TGO TGP mais que dobradas e ambas funções dentro da normalidade.

 

É claro, até porque fisiculturistas são exemplos de saúde.

E também, porque não apresentar sintomas significa que o sujeito é perfeitamente saudável...

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
  • Quem Está Navegando   0 membros estão online

    • Nenhum usuário registrado visualizando esta página.
×
×
  • Criar Novo...