Ir para conteúdo
Fórum Hipertrofia
  • Cadastre-se
Clique aqui
Entre para seguir isso  
RodrigZ

Escolha que fiz na vida profissão nutricionista - depressão Ajuda!!

Avalie este tópico:

Posts Recomendados

21 horas atrás, RodrigZ disse:

 

Sim irmão infelizmente estou passando, por uma Depressão devido a essses acontecimentos na minha vida, não ta sendo nada fácil, e agora me encontro nessa refletindo e pensando muito no meu futuro, dificil decisão, já comecei a frequentar psicóloga e até fui no psiquiatra ( q me diagnosticou com depressão e passou um anti depressivo pra eu me sentir melhor e ir retirando aos poucos).

 

Obrigado pelo comentário é bom nesse momento ver que tem uma saida, quero poder ter a chance de ganhar e ser bem remunerado pra conquistar as coisas que quero pra mim um dia.

 

Fala RodrigZ,

Velho em primeiro lugar, PARABÉNS pela decisão de compartilhar sua angústia (muita gente sofre e tenta esconder o sofrimento, o que só piora as coisas).

Em segundo lugar, PARABÉNS por ter procurado ajuda profissional (já identificou o problema e já partiu pra solução... Basta CONSISTÊNCIA que as coisas vão começar a acontecer POSITIVAMENTE na sua vida).

Em terceiro lugar, compartilho uma particularidade da minha vida contigo:

Sou personal trainer, formado em educação física no ano de 2005 na puc de campinas.

Me mudei pra sao paulo já com registro no cref, experiência profissional, mais de 20 cursos de certificação extra e cursando minha primeira pós graduação, em 2007.

Procurei trampo por SEIS MESES incessantemente... Disparando currículos, pedindo para os brothers ajudarem na divulgação, etc...

Me sustentava a base de trampos com recreação em hotéis, acampamentos, parques de diversão, mas já estava focado e determinado a trilhar a carreira de personal trainer (que parecia promissora aqui em sampa).

A única academia que me convidou para um processo seletivo me "escolheu" e a única oportunidade que me apareceu foi fazer o treinamento de 3 meses sem ajuda de custo, na esperança de abrir alguma vaga nesse tempo.

A única vaga que surgiu foi para dar aula de natação (detalhe: eu mal conseguia me manter vivo num rio ou num mar e passei na matéria de natação na facul na base do esforço... Não sentia a menor confiança em assumir aula dessa modalidade).

Passaram os 3 meses, não surgiu minha "sonhada" vaga na sala de musculação, voltei a procurar trampo por mais um mês.

Só consegui vaga pra trabalhar de madrugada na rua augusta (alguns devem conhecer a fama dessa rua nas madrugadas) e quando já tinha topado trocar o dia pela noite em troca da entrada numa sala de musculação, descobri que teria que trampar nos finais de semana (o que mataria minha pós graduação).

Quando bateu forte o sentimento de "vou pra cima e nada me segura", aceitei dar um passo pra tras, aceitar uma vaga de ESTÁGIO (lembrando, já tinha cref e tava no meio da primeira pós graduação) em natação, ganhando ajuda de custo de 100 (CEM REAIS POR MÊS)!

Mas foi aí que tudo mudou, no segundo mês passei a receber 300 reais por mês (mixaria, mas sinal de evolução), no terceiro mês fui então aceito como professor (outra mixaria 5 reais POR AULA, me matando dentro duma piscina) e no quarto mês fui indicado por um coordenador para um amigo que era dono de uma academia pequena, para assumir a musculação e receber salário mensal de 500 reais.

Aí vc pode dizer, "porra o cara já perto dos 25 anos, se matando, pulando de trampo em trampo, pegando busão lotado, sem carro, fudido de grana, ganhando menos que MIL por mês, TÁ FUDIDO"...

Não tiro a razão, mas aí que entra a CONSISTÊNCIA e se hoje tenho condições de cobrar 500 reais por aluno para uma aula por semana e 1.000 reais para duas aulas por semana (próximo de 125 reais por aula... muito pra alguns e pouco pra outros, depende do patamar que o cara atingiu, mas o foco aqui não é dizer que sou ou não referência de mercado) e tenho uma carteira de clientes ativos e satisfeitos, é pq VIM LÁ DE TRÁS, dei passos pra trás, agi com humildade mas persistência e já havia cravado dentro da minha alma que:

 

"O único lugar que sucesso vem antes do TRABALHO é no dicionário" (frasezinha clichê, mas pura verdade)

 

Como um incentivo extra, deixo aqui o link de um nutricionista que conheço pessoalmente: http://www.encorpus.com.br/historia-pessoal-leandro-kuroda/

Dá uma busca pela internet pra ver que nível que o muleke tá atingindo (programas de televisão e tudo mais).

Falar de salário dos outros é delicado, mas te garanto que o cara fatura muitas vezes mais que os valores que vc vem divulgando aí...

De qualquer maneira, PARABÉNS pela coragem até aqui... Pratique essa CORAGEM DIARIAMENTE e volte aqui daqui alguns anos pra inspirar outros com seu relato!!

 

Tamo Junto,

Abraço

"Cabrera"

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Conteúdo continua após a publicidade.

Qualquer consulta tu tira pelo menos 200 conto. com 10 clientes já tira 2000 reais. Soma isso com teu salário e tem 4000. Com o aumento de clientela aumente os preços e tenha sempre um diferencial da concorrência. Com o tempo 20 clientes mensais e 400 a consulta tu já tem 8000 no banco somado com teu salário (isso se ainda for assalariado a esse patamar).

Tudo vai depender do TEU marketing pessoal. Corpo vai ajudar, mas carisma e contatos muito mais. Tenha bastante amigos e o dinheiro aparece.

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
12 minutos atrás, antigoargos disse:

Acredite no que eu digo... ciência da computação precisa saber cálculo... SI precisa gostar de matemática sim.

No mínimo tem que ter afinidade com :

Lógica - Qualquer Controle que TODO sistema tem.

Conjuntos - Banco de dados, que 99,99% dos sistemas utilizam.

Estatística - Testes do SI, cálculo de complexidade ciclomática, tunning
Dentre outros conceitos que teria de aprofundar demais técnicamente... isso em um modo geral, mas, se for específico para alguma área, pode ser necessário ainda mais aprofundamento... nunca esqueça que quem inventou os computadores, foram os matemáticos, então... não dá pra fujir muito das origens...
Lamento te dizer, mas,  "quem faz sistemas precisa saber utilizar a ferramenta" ... é como dizer que pra ser piloto, é preciso saber dirigir... isso é verdade... mas você quer ser taxista? caminhoneiro? ou piloto de F1? acredite... não vai ganhar 5k/mês com SI só sabendo utilizar a ferramenta.
O Fato é.. que se for bom, você consegue investir 2k em um notebook e pronto.. o resto é intelectual, já pode entrar em um site e fazer qualquer freelancer, programar pra android.. ter uma idéia genial como youtube... ou qualquer coisa assim... que não precisa de muito mais do que 1 computador pessoal.

Outra dica legal... EU prego que: reprovou programação 1, sai da faculdade... simples assim.

Se sua faculdade é de Gestão de Projetos, eu penso que todo gestor de TI que não é de TI, é um péssimo gestor de TI... então... pra gestão de projetos, é verdade que precisa saber bem menos dos conceitos citados, mas, ai não é mais Sistema de Informação.

Olha matemática no meu ver é muito diferente de tudo que você citou, Vou dar um exemplo do que é saber utilizar a ferramenta, se você conhece tem o jquery uma excelente ferramenta quem faz SI não precisa saber como ele funciona internamente e sim saber utilizar o que ele lhe proporciona, quem precisa saber como ele funciona internamente é pro pessoal de ciências e derivados, Isso também não quer dizer que o pessoal de SI precisa ser leigo no assunto porem dificilmente a pessoa vai usar esse conhecimento técnico em algum projeto sendo um analista ou gerente de projeto ate mesmo o programador. Um piloto não precisa saber como a roda gira ou como a aerodinâmica funciona tecnicamente e sim os efeitos e os resultados que ela pode proporcionar.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ficar chorando por salário sem nem ao menos terminar o curso. que Bad em cara.

 

 Eu viraria escritor com essa depressão sua, olha que o salário está bom heim.

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Opa cara beleza

Eu vejo três coisas ai.

Primeiro: Se a cada curso que vc for entrar pensando no salário amigão, vc vai se inscrever em uns 10.

Segundo: As aréas que você falo ganham bem, mas são super difíceis de se destacar. Meu cunhado é engenheiro e só conseguiu estagio no ultimo ano. O pessoal que se forma em direito nem se fale, além dos estagios que não pagam muito bem. Eles têm que enfrentarem a prova da OAB. o médico literalmente da o sangue de tanto estudar, e se fizer qualquer erro ta fudido.

Tenta fazer um questionário para ver qual profissão para seu perfil é uma boa alternativa.

 

Pense assim toda pessoa que está fazendo facudade não quer no final do curso trabalhando no Mac, isso já aconteceu na minha sala. Sou formado em ADM, e dos 25 alunos 9 estão na área, e com essa crise a maioria está desempregada.

 

Mas vamos lá:

Hoje em dia quase todo mundo está conseguindo fazer faculdade cara, e aquela média de salário kkkkk, é só uma média não leve em consideração. O que você têm que pensar é qual vai ser seu diferencial? ou vc vai ser só mais um que se formou?

 

Exemplo: Eu cursei  ADM, com prouni / depois de formado para ter melhor destaque, fiz inglês sozinho, e estou pagando um MBA para melhorar meu curriculo.

 

Mas você pode vir e falar a mais eu não tenho grana pra isso, não têm problema. Tente se especializar em algo dentro da sua area estude aquilo mesmo ainda não formado.

 

Se fosse eu faria assim:

Gosto de esporte eu me especializaria em nutricionista esportivo, a procura é boa e têm pouca gente na aréa boa, vejo em minha cidade existe 4 em Sorocaba, eu pago 120,00 para me atender com direito a um retorno.

Mas o cara manja de suplemento, alimentação monta toda a tabela. é uma pessoa que sempre está na radio dando dicas, escrevendo artigos. O grande diferencial seria também você escrever sobre a aréa dando dicas e etc, mas o problema que para tal artigo em um simples blog a credibilidade é maior quando formado.

Mas se vc ja tiver uma base boa, vc vai levar na moral a sua area.

 

http://guiadoestudante.abril.com.br/blogs/pordentrodasprofissoes/nove-fatos-sobre-o-curso-e-a-carreira-de-nutricao/

 

Abraço, e sucesso ai cara.

OU toca um foda-se em tudo, vai presta concurso publico. Mas lembre que parece que no ano que vem os concursos serão mais difíceis de sair.

 

E referente a um salario de 2500 amigão, pense assim você não será pai solteiro e não vai querer casar com uma pessoa que não trabalhe. Então se a outra ganhar 2500 tbm ja são 5000 =D

 

E te falo uma coisa existe pessoas que cuidam de 6 filhos com 1000 reais, e vive bem melhor que muita gente.

 

O dinheiro rende bem na mão de quem administra bem.

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 hora atrás, antigoargos disse:

EU prego que: reprovou programação 1, sai da faculdade... simples assim.

 

 

Dito e feito (obs: reprovei duas vezes em programação de computadores 1) KKKKKKKKKK

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

discordo antigoargos

 

nao precisa saber muito de matematica nao, tem que ter uma noção apenas, alias se tu focar em ser um genio da matematica nao vai ser bom como profissional de TI nunca, porque misturar as coisas nao é bom, quer ser bom em matematica vai cursar e focar so em matematica , essas materias que tem na grade como probabilidade e estatista, matemática discreta por exemplo, nao servem pra praticamente nada na carreira . 

 

resumindo, tem que dá 100% no que tu faz e focar so nisso, ficar em 80% numa coisa e 20% em outras por exemplo, nao vai pra frente

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Faça um concurso público que irá ganhar bem, tem muitas vagas que só exigem o Ensino Superior, independente do curso. Polícia Federal é um exemplo.

No Exército tem vaga para quem é formado em Nutrição também para o Quadro Complementar de Oficiais.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
3 horas atrás, HumildadePersonalTrainer disse:

 

Fala RodrigZ,

Velho em primeiro lugar, PARABÉNS pela decisão de compartilhar sua angústia (muita gente sofre e tenta esconder o sofrimento, o que só piora as coisas).

Em segundo lugar, PARABÉNS por ter procurado ajuda profissional (já identificou o problema e já partiu pra solução... Basta CONSISTÊNCIA que as coisas vão começar a acontecer POSITIVAMENTE na sua vida).

Em terceiro lugar, compartilho uma particularidade da minha vida contigo:

Sou personal trainer, formado em educação física no ano de 2005 na puc de campinas.

Me mudei pra sao paulo já com registro no cref, experiência profissional, mais de 20 cursos de certificação extra e cursando minha primeira pós graduação, em 2007.

Procurei trampo por SEIS MESES incessantemente... Disparando currículos, pedindo para os brothers ajudarem na divulgação, etc...

Me sustentava a base de trampos com recreação em hotéis, acampamentos, parques de diversão, mas já estava focado e determinado a trilhar a carreira de personal trainer (que parecia promissora aqui em sampa).

A única academia que me convidou para um processo seletivo me "escolheu" e a única oportunidade que me apareceu foi fazer o treinamento de 3 meses sem ajuda de custo, na esperança de abrir alguma vaga nesse tempo.

A única vaga que surgiu foi para dar aula de natação (detalhe: eu mal conseguia me manter vivo num rio ou num mar e passei na matéria de natação na facul na base do esforço... Não sentia a menor confiança em assumir aula dessa modalidade).

Passaram os 3 meses, não surgiu minha "sonhada" vaga na sala de musculação, voltei a procurar trampo por mais um mês.

Só consegui vaga pra trabalhar de madrugada na rua augusta (alguns devem conhecer a fama dessa rua nas madrugadas) e quando já tinha topado trocar o dia pela noite em troca da entrada numa sala de musculação, descobri que teria que trampar nos finais de semana (o que mataria minha pós graduação).

Quando bateu forte o sentimento de "vou pra cima e nada me segura", aceitei dar um passo pra tras, aceitar uma vaga de ESTÁGIO (lembrando, já tinha cref e tava no meio da primeira pós graduação) em natação, ganhando ajuda de custo de 100 (CEM REAIS POR MÊS)!

Mas foi aí que tudo mudou, no segundo mês passei a receber 300 reais por mês (mixaria, mas sinal de evolução), no terceiro mês fui então aceito como professor (outra mixaria 5 reais POR AULA, me matando dentro duma piscina) e no quarto mês fui indicado por um coordenador para um amigo que era dono de uma academia pequena, para assumir a musculação e receber salário mensal de 500 reais.

Aí vc pode dizer, "porra o cara já perto dos 25 anos, se matando, pulando de trampo em trampo, pegando busão lotado, sem carro, fudido de grana, ganhando menos que MIL por mês, TÁ FUDIDO"...

Não tiro a razão, mas aí que entra a CONSISTÊNCIA e se hoje tenho condições de cobrar 500 reais por aluno para uma aula por semana e 1.000 reais para duas aulas por semana (próximo de 125 reais por aula... muito pra alguns e pouco pra outros, depende do patamar que o cara atingiu, mas o foco aqui não é dizer que sou ou não referência de mercado) e tenho uma carteira de clientes ativos e satisfeitos, é pq VIM LÁ DE TRÁS, dei passos pra trás, agi com humildade mas persistência e já havia cravado dentro da minha alma que:

 

"O único lugar que sucesso vem antes do TRABALHO é no dicionário" (frasezinha clichê, mas pura verdade)

 

Como um incentivo extra, deixo aqui o link de um nutricionista que conheço pessoalmente: http://www.encorpus.com.br/historia-pessoal-leandro-kuroda/

Dá uma busca pela internet pra ver que nível que o muleke tá atingindo (programas de televisão e tudo mais).

Falar de salário dos outros é delicado, mas te garanto que o cara fatura muitas vezes mais que os valores que vc vem divulgando aí...

De qualquer maneira, PARABÉNS pela coragem até aqui... Pratique essa CORAGEM DIARIAMENTE e volte aqui daqui alguns anos pra inspirar outros com seu relato!!

 

Tamo Junto,

Abraço

"Cabrera"

 

Obrigado irmão, vlw pela força!

2 horas atrás, olavo69 disse:

Opa cara beleza

Eu vejo três coisas ai.

Primeiro: Se a cada curso que vc for entrar pensando no salário amigão, vc vai se inscrever em uns 10.

Segundo: As aréas que você falo ganham bem, mas são super difíceis de se destacar. Meu cunhado é engenheiro e só conseguiu estagio no ultimo ano. O pessoal que se forma em direito nem se fale, além dos estagios que não pagam muito bem. Eles têm que enfrentarem a prova da OAB. o médico literalmente da o sangue de tanto estudar, e se fizer qualquer erro ta fudido.

Tenta fazer um questionário para ver qual profissão para seu perfil é uma boa alternativa.

 

Pense assim toda pessoa que está fazendo facudade não quer no final do curso trabalhando no Mac, isso já aconteceu na minha sala. Sou formado em ADM, e dos 25 alunos 9 estão na área, e com essa crise a maioria está desempregada.

 

Mas vamos lá:

Hoje em dia quase todo mundo está conseguindo fazer faculdade cara, e aquela média de salário kkkkk, é só uma média não leve em consideração. O que você têm que pensar é qual vai ser seu diferencial? ou vc vai ser só mais um que se formou?

 

Exemplo: Eu cursei  ADM, com prouni / depois de formado para ter melhor destaque, fiz inglês sozinho, e estou pagando um MBA para melhorar meu curriculo.

 

Mas você pode vir e falar a mais eu não tenho grana pra isso, não têm problema. Tente se especializar em algo dentro da sua area estude aquilo mesmo ainda não formado.

 

Se fosse eu faria assim:

Gosto de esporte eu me especializaria em nutricionista esportivo, a procura é boa e têm pouca gente na aréa boa, vejo em minha cidade existe 4 em Sorocaba, eu pago 120,00 para me atender com direito a um retorno.

Mas o cara manja de suplemento, alimentação monta toda a tabela. é uma pessoa que sempre está na radio dando dicas, escrevendo artigos. O grande diferencial seria também você escrever sobre a aréa dando dicas e etc, mas o problema que para tal artigo em um simples blog a credibilidade é maior quando formado.

Mas se vc ja tiver uma base boa, vc vai levar na moral a sua area.

 

http://guiadoestudante.abril.com.br/blogs/pordentrodasprofissoes/nove-fatos-sobre-o-curso-e-a-carreira-de-nutricao/

 

Abraço, e sucesso ai cara.

OU toca um foda-se em tudo, vai presta concurso publico. Mas lembre que parece que no ano que vem os concursos serão mais difíceis de sair.

 

E referente a um salario de 2500 amigão, pense assim você não será pai solteiro e não vai querer casar com uma pessoa que não trabalhe. Então se a outra ganhar 2500 tbm ja são 5000 =D

 

E te falo uma coisa existe pessoas que cuidam de 6 filhos com 1000 reais, e vive bem melhor que muita gente.

 

O dinheiro rende bem na mão de quem administra bem.

 

 

Obrigado irmão, de coração mesmo!

 

Nesse momento em que me vejo perdido na vida,depressivo e com medo do meu futuro na area que escolhi ler essas coisas me alivia.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa

Você pode postar agora e se cadastrar mais tarde. Se você tem uma conta, faça o login para postar com sua conta.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.

Entre para seguir isso  

  • Quem Está Navegando   0 membros estão online

    Nenhum usuário registrado visualizando esta página.

×
×
  • Criar Novo...