Ir para conteúdo
Fórum Hipertrofia
  • Cadastre-se
Clique aqui
Entre para seguir isso  
y BlackStar z

Legalização Do Aborto No Brasil

Avalie este tópico:

Posts Recomendados

23 minutos atrás, Faabs disse:

ótimos argumentos contra o aborto,parabéns

 

Obrigado.

Vc devia assistir os vídeos que postei, eu já ví e conheço TODOS os argumentos a favor do aborto ( eu JÁ FUI A FAVOR do aborto na minha época de adolescente ignorante assim como vc ) e mudei meu modo de pensar depois de ler...estudar e me informar grandemente  acerca do assunto pelas mais diversas fontes de informação médica...psicológica ... após ver relatos de mulheres que abortaram...relatos de médicos que tinham clínicas de aborto... e outras.

Não seja ignorante ao ponto de enxergar só aquilo que quer e aceitar só aquilo que concorda com seu preconceito, porque vc não assiste aos vídeos que postei ???

Seu ego e orgulho é tão grande que lhe impede sequer de se informar com medo de que aquela fonte seja imparcial e que vá contra seu pensamento lhe convencendo que vc estava totalmente errado???

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Conteúdo continua após a publicidade.

Em 21/01/2016 at 12:09, enebt disse:

E nem discutam com o Faabs, é o velho pombo enxadrista. Quantos outros debates em outros tópicos ele aparece, se acha o dono da verdade e faz uma postagem, é refutado e quando se vê que não tem como achar argumentos para contra-refutar, toma chá de sumiço. hahahaha

 

Já passou da hora de você tomar seu chá de sumiço faabs, única coisa que tu fez aqui foi ad hominem, espantalho e colar textos de outras pessoas. Tu não escreveu uma linha sequer refutando algo.

 

Só "debati" com pombo enxadrista pq tava no tédio mesmo, obrigado, você cumpriu com sua função hahaha

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Não li as ultimas páginas, então não sei se já falaram isso, mas vejo um grande problema em relação aos gastos públicos caso o aborto seja legalizado. Imagina se o governo passa a permitir o aborto através do sus, o quanto se iria gastar com a quantidade de grávidas que chegariam para abortar todos os dias, seria algo surreal. Seria muito mais eficiente e barato gastar com campanha de conscientização e distribuição de preservativo. E não adianta dizer que não vão querer colocar o aborto no sus. O próprio discurso de quem é a favor do aborto fala que quem mais sofre com isso são as mulheres pobres, portanto, que frequentam o sus. É, em grande parte, o mesmo pessoal que defende que o Estado também tem que cobrir a cirurgia de mudança de sexo em travestis.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
9 horas atrás, Danilo Z disse:

 

Obrigado.

Vc devia assistir os vídeos que postei, eu já ví e conheço TODOS os argumentos a favor do aborto ( eu JÁ FUI A FAVOR do aborto na minha época de adolescente ignorante assim como vc ) e mudei meu modo de pensar depois de ler...estudar e me informar grandemente  acerca do assunto pelas mais diversas fontes de informação médica...psicológica ... após ver relatos de mulheres que abortaram...relatos de médicos que tinham clínicas de aborto... e outras.

Não seja ignorante ao ponto de enxergar só aquilo que quer e aceitar só aquilo que concorda com seu preconceito, porque vc não assiste aos vídeos que postei ???

Seu ego e orgulho é tão grande que lhe impede sequer de se informar com medo de que aquela fonte seja imparcial e que vá contra seu pensamento lhe convencendo que vc estava totalmente errado???

 

Não,eu não assisto pois não tenho tempo pra isso.
Vi apenas 2 vídeos,infelizmente não da pra ver mais,quem sabe um dia.E eu não tenho medo de mudar de opinião,se um dia eu for contra o aborto,eu faço questão de vir aqui nesse tópico e pedir desculpas pela minha ignorância.Porém,o fato de que vc ja apoiou o aborto no passado,e mudou de opinião sobre isso não faz isso necessariamente ser a melhor opção. ("ah mas aborto é assassinatzzZZzzZZz")

 

"Nós frequentemente mudamos de ideia – geralmente sobre coisas triviais como os planos para o jantar de hoje à noite, mas às vezes sobre ideias de grande importância para nós. Por exemplo, uma pacifista pode descobrir que ela concorda com o envolvimento de seu país em uma guerra em particular e isso pode, por sua vez, levá-la a uma visão mais geral sobre as circunstâncias pelas quais ir para a guerra é justificado. Um soldado de carreira pode se tornar um pacifista, talvez após experimentar o terror e o sofrimento da guerra em primeira mão.

Por que mudamos de ideia sobre questões importantes? Podem haver várias razões. Frequentemente, nossas ideias parecem desenvolver-se naturalmente. À medida que amadurecemos, vemos mais do mundo e começamos a encontrar nosso lugar nele. Ao longo do tempo, um ponto de vista que se formou a partir de nossa base anterior de conhecimento e experiência de mundo pode parecer ingênuo. Em outros casos, uma mudança de ideia pode ser mais súbita, talvez. provocada por uma experiência emocionalmente carregada ou um novo item de informação vital. Para algumas pessoas, a mudança de ideia pode vir de se imaginar uma perspectiva diferente ao ler um romance vividamente elaborado ou assistir a um filme fascinante.

Quando mudamos de ideia sobre questões importantes,  tendemos a acreditar que tivemos um progresso intelectual ou moral. Isto é, nós pensamos que nossas novas visões são mais próximas da verdade do que as antigas. Infelizmente, não se pode garantir isso. Uma preocupação é que as outras pessoas podem estar mudando de ideia em uma direção completamente oposta a nossa. De pacifista, talvez. você tenha passado a pensar que algumas guerras são moralmente justificadas; porém, você vê outra pessoa – alguém que parece inteligente, bem-informada e sensível às complexidades da vida – tornar-se uma pacifista que rejeita qualquer justificativa para a guerra. Vocês dois podem ter desenvolvido posições e argumentos mais sofisticados, o que é, indiscutivelmente, um tipo de progresso, mas é improvável que ambos estejam mais próximos da verdade.

Do ponto de vista de outra pessoa, o mero fato de que eu tinha uma posição diferente da atual é só uma fraca evidência de que a minha posição atual seja verdadeira, ou mesmo de que ela esteja mais próxima da verdade do que aquela na qual eu anteriormente acreditava. Se quero convencer-lhe a mudar de ideia na mesma direção que eu, é melhor que eu ofereça uma crítica racional de minhas crenças antigas e alguma justificação para as novas.

A menos que eu lhe conte muito mais sobre o processo, você pode imaginar se eu mudei de ideia por razões intelectualmente fracas. Talvez eu tenha mudado para crenças que eram mais reconfortantes do que as antigas em uma época de minha vida na qual eu estava afligido por fracasso e perda. Ou talvez eu tenha rejeitado uma posição defensável por raiva de algum de seus proponentes. Ou talvez eu tenha balançado por causa da posição de uma carismática celebridade.

 

Nada disso significa que você não pode mudar de ideia sobre questões de importância intelectual ou moral. Ao contrário, nós todos tendemos a nos agarrar a quaisquer visões que tínhamos de início, recebendo bem as evidências que as favorecem enquanto alegremente racionalizamos para longe as evidências em contrário. Esse é o bem conhecido viés de confirmação, um dos diversos vieses cognitivos e atalhos mentais potencialmente enganadores estudados por psicólogos. O viés é mais forte quando nossas visões iniciais são emocionalmente importantes para nós ou são parte da concepção que temos de nós mesmos. Nós deveríamos estar abertos a mudar de ideia, e precisamos enfrentar os efeitos do viés de confirmação, mas as maneiras mais efetivas de nos fazer mudar frequentemente apelam mais a nossas emoções do que a nossas faculdades de raciocínio.

Como ocorre com a maior parte das coisas sobre as quais vale a pena pensar a respeito, há algumas complicações. Mesmo más razões para se mudar de ideia podem não ser sempre completamente ruins! Se eu mudo de ideia para ser mais parecido com alguém que eu admiro, essa é uma razão intelectualmente fraca. O que acontece, contudo, se a surpresa de descobrir que alguém que eu admiro defende uma posição particular que eu rejeito – pacifismo, por exemplo – me fizer sentir mais aberto para explorar as reais evidências? Isto é, isso pode me ajudar a superar o meu viés de confirmação e tratar as evidências contrárias à minha posição com mais justiça. Parece bom, contanto que sejam as evidências e os argumentos que me influenciem.

Caso eu leia a história detalhada de alguém que passou das minhas ideias atuais para ideias que eu rejeito, isso, novamente, pode se opor ao meu viés de confirmação. Qualquer coisa que possa nos ajudar a abrir nossas mentes para evidências e argumentos contrários a nossas ideias atuais – e, talvez, em favor de ideias que nos tirem de nossa zona de conforto – é potencialmente útil. O progresso – tanto intelectual quanto moral – é possível, e há várias maneiras de desafiar os nossos vieses cognitivos e os dos outros. No entanto, pode haver uma linha fina entre algumas dessas táticas e a propaganda baseada em manipulação emocional.

Quer você esteja defendendo suas ideias atuais ou considerando novas ideias, um bom teste é tentar imaginar como as evidências e a lógica dos argumentos o afetariam se você fosse um observador racional que ainda não as aceita, mas que não é resistente a elas meramente por causa do viés de confirmação ou do desconforto emocional. Esta é uma versão dooutsider test, do cético de religiões americano John W. Loftus. Se uma ideia passa neste teste, pode valer a pena seguir com ela ou adotá-la."

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Bom vou dar minha opinião aqui como mulher consciente sobre o meu corpo . Concordo com @Torf sobre tudo que ele disse em relação a seres vivos . É bom dá uma revisada em : Embriologia galera. 
DIU,pilula do dia seguinte são abortivos SIM. 
Camisinha e anticoncepcional são barragens e muita das vezes falhas para uma não concepção . Aos pró vida a igreja condena os dois citados nesta linha,então abraço . Não use e siga a tabelinha pra ver no que vai dar.
Outro ponto falho vejo 99% homens comentando sobre o assunto,maioria atacando mulheres de serem BURRAS,caro amigo mulher nenhuma abre as pernas sozinha e quem concede a proeza da vida são vocês tambem,ou seja, a RESPONSABILIDADE POR UMA CONCEPÇÃO é 100% de AMBOS e não somente de mulheres,não vamos ser hipocritas e achar que os problemas giram em torno disso.

Feministas apoiam o aborto,essa imagem postada não revela a opinião delas,sem mais.

Convido à todos a uma leitura sociopsicoeconomica sobre o assunto do aborto onde não inclui somente fatores de prevenção(onde nosso governo é falho sobre isso não é como nosso amigo cita que está a disposição pilulas e camisinhas existe algo chamado CONSCIENTIZAÇÃO e isso é comprovado que nem todos tem),limitar a isso é hipocrisia.
 Vanessa mas porque você é favor do aborto ? Apesar dos meus preceitos de moralidade se a mulher é uma criminosa,eu,como futura enfermeira não devo interferir nas escolhas que a fizeram chegar nessa conclusão , eu sendo CONTRA OU NÃO,concordando ou não o aborto é uma questão de SAÚDE PÚBLICA .
Você encorajaria uma mulher a fazer aborto ? Obviamente que não,. 
Você faria aborto em uma mulher se fosse legalizado? Sim,após uma longa discussão , educação em saúde ,ensino de técnicas de prevenção e alertas sobre os riscos . (Onde isso é feito nos paíser desenvolvidos ,"DESENVOLVIDOS") 
Você está sendo CONTRA O DIREITO DA VIDA. Querido ,todos nos mascaramos essa luta pró-vida mas nos esquecemos que no nosso mundo moderno viramos a cara para MILHÕES de coisas erradas ,violência doméstica, estupro ,pedofilia,crimes,corrupção,testes em animais,justiça com as próprias mãos,drogadição na infancia e adolescência .


A PNA indica que o aborto é tão comum no Brasil que, ao completar quarenta anos, mais de uma em cada cinco mulheres já fez aborto.
[...] . Refletindo a composição religiosa do país, a maioria dos abortos foi feita por católicas, seguidas de protestantes e evangélicas e, finalmente, por mulheres de outras religiões ou sem religião [...]
Os níveis de internação pós-aborto são elevados e colocam o aborto como um problema de saúde pública no Brasil .(DINIZ,et al)

 

http://www.scielosp.org/pdf/csc/v15s1/002.pdf?hc_location=ufi
http://www.scielosp.org/pdf/rsp/v30n1/5038.pdf


Tem uma infinidades de artigos para leitura,procurem para ler antes de fechar a cabeça .

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
14 horas atrás, van.ssoares disse:

 

Aborto é um questão de saúde pública? Imagina os gastos abusivos que o governo teria ao financiar o aborto de dezenas (ou centenas) de mulheres todos os dias, enquanto tem gente realmente necessitada morrendo no UTI do SUS por falta de recursos. Gravidez indesejada se combate com anticoncepcionais e propaganda pra conscientização, e não com aborto.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
17 minutos atrás, Phinx disse:

Aborto é um questão de saúde pública? Imagina os gastos abusivos que o governo teria ao financiar o aborto de dezenas (ou centenas) de mulheres todos os dias, enquanto tem gente realmente necessitada morrendo no UTI do SUS por falta de recursos. Gravidez indesejada se combate com anticoncepcionais e propaganda pra conscientização, e não com aborto.

E quando o casal consciente se protege e o método contraceptivo falha?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
21 minutos atrás, Torf disse:

E quando o casal consciente se protege e o método contraceptivo falha?

O risco é pequeno, tão pequeno...

Se falhar e eles não quiserem o filho que deixem em um orfanato.  

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
5 minutos atrás, NewbieTrack disse:

O risco é pequeno, tão pequeno...

Se falhar e eles não quiserem o filho que deixem em um orfanato.  

E os 9 meses que o embriäo e o feto ficam na barriga da mäe? E o tanto que a mulher vai ter que abrir mäo? E se ela for fumante, vai ter que parar de fumar? Vai ser obrigada a parar de beber? Vai ser obrigada a mudar sua rotina e sua alimentacäo? Vai ter que sair da academia? Vai ter que interromper o ciclo?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa

Você pode postar agora e se cadastrar mais tarde. Se você tem uma conta, faça o login para postar com sua conta.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.

Entre para seguir isso  

  • Quem Está Navegando   0 membros estão online

    Nenhum usuário registrado visualizando esta página.

×
×
  • Criar Novo...