Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Clique aqui

Pesquisar na Comunidade

Mostrando resultados para as tags ''medicina''.



Mais opções de pesquisa

  • Pesquisar por Tags

    Digite tags separadas por vírgulas
  • Pesquisar por Autor

Tipo de Conteúdo


Fóruns

  • Hipertrofia
    • Venda de Suplementos
    • Nutrição e Suplementação
    • Treinamento
    • Esteróides Anabolizantes
    • Geral
    • Diário de Treino
    • Saúde e Qualidade de Vida
    • Academia em Casa
    • Área Feminina
    • Assuntos Acadêmicos
    • Entrevistas
    • Arquivo
  • Assuntos gerais
    • Off-Topic
    • Mixed Martial Arts
    • Fisiculturismo, Powerlifting e Outros
  • Fisiculturismo
  • Multimídia
    • Vídeos de Fisiculturismo e Strongman
    • Fotos Fisiculturismo
    • Fotos de Usuários
  • Fórum
    • Críticas, Sugestões e Suporte ao Fórum
    • Lixeira
  • Off-Topic

Encontrar resultados em...

Encontrar resultados que contenham...


Data de Criação

  • Início

    FIM


Data de Atualização

  • Início

    FIM


Filtrar pelo número de...

Data de Registro

  • Início

    FIM


Grupo


AIM


MSN


Website URL


ICQ


Yahoo


Jabber


Skype


Localização


Peso


Altura


Idade

Conteúdo continua após a publicidade.

Encontrado 3 registros

  1. Meu relato sobre a cirurgia da Frenuloplastia; Olá a todos, decidi fazer esse tópico para somar informações para quem procura sobre a frenuloplastia. Nesse mesmo portal, li um relato de um rapaz, o que me ajudou entender um pouco e não ficar com tanto medo de fazer a cirurgia. Portanto espero contribuir também. Tenho 23 anos, com cerca de 18 anos comecei a encostar na glande e a me preocupar com a sensibilidade. Antes apenas imaginava ter algum problema, pois a grande não conseguia ser exposta totalmente quando ereto, somente normal. Por muito tempo pensei ser fimose, pois quando ereto quase não passava da metade. Ao longo dos anos a pele foi esticando, passei a pomada postec por 3 semanas o que senti uma grande ajuda, a pele esticou mais, e conseguia expor, com pequena dificuldade, totalmente a glande, mas quase não passava. Depois de um tempo, percebi que deveria fazer alguma cirurgia, e provavelmente seria da circuncisão. Na minha ida ao médico, ele achou que eu não precisaria fazer circuncisão, pois conseguia expor normalmente quando normal a glande, porém meu freio limitava o movimento fazendo com que a glande fosse puxada para baixo, aí verifiquei que na verdade tinha freio curto. Vamos tirar o freio ? (o médico disse) eu falei: vamo lá! Cirurgia: Hoje dia 20/02/2019, fiz a cirurgia da frenuloplastia e irei falar rapidamente como foi e nos dias seguintes irei falar sobre a recuperação. As 10h cheguei no consultório, fiz particular (valor de R$ 600,00, moro no Paraná), esperei meia hora e fui chamado, me mandaram por um roupão que cobria a parte da frente, deitei na cama, e muiiito nervoso fiquei falando para terem cuidado e pedindo se ia doer demais. Colocaram um pano na minha frente para não ver nada, a enfermeira disse que iria doer um pouco a anestesia, que foi local apenas na região do frênulo, senti uma pequena dor, uma agulhada normal, onde é totalmente suportável, até brinquei dizendo que ia cobrar o que o médico disse de ser apenas dois segundos a dor. Em todo o momento fiquei muito tenso, com medo que algo doesse. A anestesia mais me preocupava, depois disso não cheguei a contar, mas parece q foi muito mais rápido do que pensava, o médico disse que já estava fazendo os pontos, sentia alguns pequenos puxões, mas realmente não senti nada de dor ou algo do tipo. O procedimento deve ter durado uns 15 minutos no máximo, foi quando me mostraram o resultado... fiquei um pouco assustado, parecia que meu pênis tinha ganhado um "moicano" por causa dos pontos que ficavam um pouco salientes, (foram cerca de 7 pontos) e estava ainda sangrando um pouco, NÃO houve curativo, apenas puxaram meu prepúcio novamente no lugar e disseram que entre 3 dias e uma semana eles cairiam. Pós operatório - primeiras horas: Dá um certo receio de ficar puxando, sinto uma leve pressão nos pontos como se fosse uma picadinha que logo some de vez enquanto, o sangramento parou a princípio, estou na maior parte do tempo parado e tomando atibióticos, o médico também receitou uma pomada para passar no lugar, que irei mais tarde. Obs: O médico me disse que se haver ereção involuntária, não é para doer muito, (como se fosse a postectomia), mesmo assim estou tomando muito pouca água e ainda não urinei, receio de arder algo... Conclusão (dessa parte): Me surpreendi com a simplicidade da cirurgia, e a recuperação está sendo tranquila, aconselho a todos que precisarem fazer, façam logo, ela é muito mais de boa que a postectomia. 2º dia: Bom dia mundo! Ontem (primeiro dia) no meio da tarde quando fui tomar banho, no meio, a visão começou ficar turva como se a pressão baixasse, tentei acabar rapidamente, não consegui quase me secar e corri para o quarto deitar, acho que cochilei uns 10 minutos e acordei um pouco normal. CUIDADO, já sofri isso outra vez depois de uma cirurgia, é quando vc esta muito tempo deitado e levanta rapidamente, inclusive das duas vezes foi depois de urinar. Sobre a cirurgia, a tarde durante esse banho, a cirurgia ainda estava sangrando, talvez tenha sentido um mal estar olhando para meu amiguinho, mas td bem, (tudo ajuda), depois do banho o sangramento foi parando até a noite estar tranquilo. Dormi tranquilamente, apenas com medo de ter uma ereção, tentei tomar pouca água, mas mesmo assim pela manhã tive uma ereção média, E NÃO SENTI NADA, fui no banheiro e molhei os pulsos (dizem que ajuda a voltar ao normal) e ajudou mesmo a voltar ao normal, urinei (para quem não sabe, nosso penis fica ereto de madrugada para segurar a urina, assim não fazemos xixi na cama). Fiquei em casa pela manhã, o aspecto da cirurgia está bem melhor, sem nenhuma mancha de sangue ou coisa parecida. Não sinto e nem senti até agora nenhuma dor, apenas ardência ao lavar, mas isso vou aos poucos. Conclusão até agora é que a recuperação é uma moleza, só ter uns cuidadinhos básicos e já melhora-se logo.
  2. Pretendo iniciar um ciclo e gostaria de ter acompanhamento.. até por conta das receitas tambem. Duvida: qual profissional é mais indicado? e quais receitam e acompanham com mais facilidade? - Nutrólogo, medico do esporte, endocrinologista?
  3. Pessoal queria tirar uma duvida com vcs. Observo que na internet e ate mesmo no forum as pessoas quando vão mostrar ou passar exemplos de protocolos de algumas drogas orais e vão dizer as dosagens questão usando, alguns mostrram dessa forma (Exemplo: oxandrolona 80mg/dia), e em outros casos vejo pessoas recomendando tomar de acordo com a meia vida da droga (Exemplo: oxandrolona 80mg a cada 8 horas) sendo que se for tomar de acordo com a meia vida da droga a pessoa tera que tomar mais vezes durante o dia sendo assim o gasto será maior. Afinal qual forma esta certa? Tomar apenas uma dose por dia alteraria nos efeitos?
×
×
  • Criar Novo...