Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Clique aqui

Pesquisar na Comunidade

Mostrando resultados para as tags ''enobosarm''.



Mais opções de pesquisa

  • Pesquisar por Tags

    Digite tags separadas por vírgulas
  • Pesquisar por Autor

Tipo de Conteúdo


Fóruns

  • Hipertrofia
    • Venda de Suplementos
    • Nutrição e Suplementação
    • Treinamento
    • Esteróides Anabolizantes
    • Geral
    • Diário de Treino
    • Saúde e Qualidade de Vida
    • Academia em Casa
    • Área Feminina
    • Assuntos Acadêmicos
    • Entrevistas
    • Arquivo
  • Assuntos gerais
    • Off-Topic
    • Mixed Martial Arts
    • Fisiculturismo, Powerlifting e Outros
  • Fisiculturismo
  • Multimídia
    • Vídeos de Fisiculturismo e Strongman
    • Fotos Fisiculturismo
    • Fotos de Usuários
  • Fórum
    • Críticas, Sugestões e Suporte ao Fórum
    • Lixeira
  • Off-Topic

Encontrar resultados em...

Encontrar resultados que contenham...


Data de Criação

  • Início

    FIM


Data de Atualização

  • Início

    FIM


Filtrar pelo número de...

Data de Registro

  • Início

    FIM


Grupo


AIM


MSN


Website URL


ICQ


Yahoo


Jabber


Skype


Localização


Peso


Altura


Idade

Conteúdo continua após a publicidade.

Encontrado 1 registro

  1. Prezados, Me senti inclinado a escrever esse tópico em razão da ampla difusão da ostarina (MK-2866) na mídia (com promessas milagrosas) e no comércio (inclusive em farmácias de manipulação), sem, todavia, existir quantidade significativa de estudos científicos acerca dos efeitos anabólicos e possíveis colaterais. A intenção não é promover a substância, tampouco criticá-la ou incentivar o seu consumo. Em verdade, minha pretensão é agregar neste tópico as poucas informações difundidas que existem sobre a substância, visando compreendê-la melhor. Para tanto, conto com a colaboração de vocês! A primeira observação que merece ser feita, desde logo, é a seguinte: nem todo produto vendido como ostarina, é ostarina. Justamente por isso, existem inúmeros relatos divergentes quanto aos respectivos resultados e colaterais, visto que uns, de fato, estavam utilizando ostarina, enquanto outros, sem saber, utilizavam um produto contendo outra substância (por má-fé do fabricante ou por ser um produto falso). Fiz uma breve pesquisa aqui no fórum e encontrei 2 relatos (com exames) bastante similares. Ambos relataram ganhos reais, embora não muito significativos. Quanto aos exames pós-ciclo, em ambos os casos, houve uma redução significativa das taxas de Testosterona Livre e DHT, sem, contudo, afetar significativamente os níveis de LH e FSH. Com base nisso, partiremos para as suposições e consequentes questionamentos: 1. Creio ser questionável o "mito" de que a ostarina cause calvice: como poderia ter esse efeito colateral, se ela reduz os níveis de DHT? Provavelmente as pessoas que tiveram esse efeito colateral estavam consumindo outra substancia, imaginando tratar-se do MK-2866. 2. Também possuo dúvidas (e, aqui, conto com a opinião de vocês para debatermos) quanto à necessidade de TPC. Ora, se os níveis de LH e FSH não foram afetados, qual seria o sentido de consumir tamoxifeno ou clomifeno? 3. No tocante à aromatização e risco de ginecomastia, não encontrei nenhuma pesquisa ou relato que mencionasse tal efeito. Isso também não faria sentido se levarmos em consideração o mecanismo de ação da substância. Por outro lado, se pararmos para fazer uma analogia com a oxandrolona (apesar de ser uma substância completamente diferente), veremos que, no início, todos acreditavam que não havia risco de ginecomastia (alguns, ainda hoje, defendem isso), mas essa opinião está longe de ser pacífica atualmente. 4. Relativamente à ação lipolítica: em termos de AEs, sabe-se que a oxandrolona, seguida da testosterona, possuem comprovados efeitos lipolíticos. No que diz respeito aos SARMS (como é o caso da ostarina), não encontrei nenhuma pesquisa científica ou relato significativo que comprovasse essa característica. Apenas as velhas propagandas midiáticas com promessas milagrosas. Se alguém possuir conhecimento dessa propriedade, favor agregar a este tópico. 4. Em relação aos valores: na minha cidade, 60 cápsulas de 25mg de ostarina manipulada (em farmácia confiável) custa em torno de R$360. Por certo, com esse valor seria possível fazer de um ciclo básico de testosterona que, naturalmente, daria muito mais resultados. Por outro lado, temos que considerar que o público alvo dos SARMS não é o mesmo público da maioria dos AEs. A industria dos SARMS tem em mira justamente o público que busca algo mais "leve", como a oxandrolona, por exemplo. Você deve estar pensando: ainda assim, a oxandrolona é melhor. Sim, concordo. Mas existem dois fatores que também devem ser considerados: a) nem todos tem acesso à oxandrolona (de procedência garantida); b) um ciclo de oxandrolona sairia mais caro do que um ciclo de ostarina (apesar de 25mg de oxandrolona ser mais barato do que 25mg de ostarina, deve-se levar em conta que a oxandrolona é consumida em maior dosagem, razão pela qual acaba tornando-se mais cara). No mais, agradeço por quaisquer críticas e opiniões que possam agregar conhecimento ao tópico. Abraços!
×
×
  • Criar Novo...