Clique aqui

Pesquisar na Comunidade

Mostrando resultados para as tags ''livros''.



Mais opções de pesquisa

  • Pesquisar por Tags

    Digite tags separadas por vírgulas
  • Pesquisar por Autor

Tipo de Conteúdo


Fóruns

  • Hipertrofia
    • Guia do Jejum Intermitente
    • Venda de Suplementos
    • Nutrição e Suplementação
    • Treinamento
    • Esteróides Anabolizantes
    • Geral
    • Diário de Treino
    • Saúde e Qualidade de Vida
    • Academia em Casa
    • Área Feminina
    • Assuntos Acadêmicos
    • Entrevistas
  • Assuntos gerais
    • Off-Topic
    • Mixed Martial Arts
    • Fisiculturismo, Powerlifting e Outros
  • Fisiculturismo
  • Multimídia
    • Vídeos de Fisiculturismo e Strongman
    • Fotos Fisiculturismo
    • Fotos de Usuários
  • Fórum
    • Críticas, Sugestões e Suporte ao Fórum
    • Lixeira
  • Off-Topic
  • PowerLifting's Tópicos
  • PowerLifting's Artigos Sobre Treino
  • Hipertrofia Portugal's Eventos em Portugal - 2017/2018
  • Hipertrofia Portugal's Atleta do Mês

Encontrado 12 registros

  1. Preciso de indicações de livros

    Olá a todos os usuários, sou novo aqui no fórum e preciso da ajuda de vocês (fico muito grato a quem ajudar) Pratico musculação a quase 5 anos e tive bons resultados, apesar da falta de conhecimento na área. No entanto, busco melhorar meu corpo e expandir meu conhecimento para poder evoluir ainda mais. O problema é que não tenho tempo nem condição financeira para contratar algum nutricionista esportivo e/ou educador físico para me ajudar nos ganhos e a evoluir na musculação. Por isso venho aqui pedir a vocês indicações de LIVROS, seja em português, inglês ou o que for, que me ajude a montar uma base forte sobre nutrição e treino. Nunca fiz dieta somente me alimento da forma mais correta que consigo e sigo os treinos que o instrutor passa na academia. Contudo isso não é o suficiente para ter bons resultados, por isso busco mais informações sobre dieta, como montar a minha própria dieta e treino, etc... Já procurei e perguntei isso para várias pessoas, porém o que encontro é sempre alguém tentando vender informações ou que simplesmente não entende do assunto. Espero que possa contar com a ajuda de vocês. Obrigado.
  2. Meu pífio conhecimento sobre exercícios físicos e alimentação se fundamente basicamente em matérias avulsas que li na internet através desses portais/sites/blogs sobre saúde de um modo geral e também por intermédio do que eu assisti no YouTube. Existem muitos canais de bodybuilders, nutricionistas, profissionais da área, etc., que compartilham seu conhecimento e experiências lá. Mas, e você? Já leu algum livro sobre o assunto? Se sim, quais recomenda? No que se baseia o seu conhecimento?
  3. Livros sobre treinamento?

    Bom pessoal, a leitura é fundamental na criação do conhecimento. Alguém poderia me indicar algumas obras básicas (ou autores) a respeito de treino com pesos(desenvolvimento de força)? Tenho um tratado de fisiologia do guyton e hall, ainda não li, é um bom começo ler ele? Não tenho a minima referencia nessa área, não sei nem por onde começar. Pode ser em inglês.
  4. Bom galera, gostaria de um conhecimento ligado diretamente de um profissional e gostaria de ler um livro sobre hipertrofia e principalmente sobre jejum intermitente, se alguém conhecer algum e poder me indicar pra ta baixando o e-book do mesmo agradeço. Artigos do tipo TCC com pesquisas comprovadas também ajudaria, pratico esportes da área e algum conhecimento como a maioria mas queria aprofundar um pouco começando pelo básico através de materiais de pessoas renomadas.
  5. Eae galera, tudo beleza? Sempre vejo uma galera indicando e falando de livros que leram então resolvi criar o tópico para trocarmos figurinhas. Eu não sou muito de ler, lia muitos gibis da turma da mônica quando era menor mas depois de mais velho nunca me interessei muito. Cerca de 1~2 anos eu comecei a me interessar um pouco. Eu estou lendo "As crônicas de gelo e fogo" e atualmente estou no 3º livro e faz um tempinho que não leio, também tenho o "Não nascemos prontos" do Mario Sergio Cortella que também não terminei a leitura e ainda o livro do Flávio Augusto do Geração de Valor que não iniciei a leitura. Já tentei ler o livro "A arte de mentir" mas não consegui a linguagem é bem complicada pra mim. Enfim, estou gostando dos livros do George R. R. Martin (As crônicas de gelo e fogo), só acho um exagero as descrições que ele faz das roupas dos personagens kkkkkk. Pelo que li do livro do Cortella também gostei. Agora é com vocês
  6. [Falta de Pesquisa]Livros sobre musculação

    Fala galera! Seguinte, dei uma pesquisada sobre o assunto e não achei nada por aqui, por isso: Listem todos os livros relacionados a musculação que vocês já leram e recomendam, deixando detalhes sobre eles (breve resumo sobre, quantidade de páginas e etc). Aos poucos vou organizando no tópico as sugestões. É isso, valeuuu!
  7. Bom dia moderação, GOstaria de saber se os tópicos de livros de nutrição e o de treinos, que o matheus tinha criado foram apagados?
  8. Uma coisa que eu mais tenho percebido é que existe muitos livros sobre fisiculturismo, treinos de "resistência", dieta para o objetivo, utilização de técnicas, etc...etc... São bons são....mas não são os melhores, HOJE, no que diz repeito ao que eu vejo como estudante de Ed. Física e também na forma como que eles mostram a realidade da profissão. Temos bons autores, temos, informações que agregam, temos, porém o lê-los eu vejo sempre o mais do mesmo. ESTÉTICA, ESTÉTICA, ÉSTETICA Quero propor com esse tópico troca de informações, seja de treino ou dieta, ligados ao aumento de desempenho em atletas em esportes de alto desempenho com base nesses livros, deixando um pouco de lado artigos científicos que todos aqui tanto debatemos e utilizamos como base de reforço para as nossas afirmações nas discuções. Vou listar alguns que eu venho lendo e gostando muito de como esses autores enxergam e aplicam essas estratégias, técnicas, periodizações e afins. Lidos e aprovados: 1 - "Powerlifting"- Dan Austin/Brian Mann 2 - "Starting Strenght" - Rippetoe/Mark 3 - "Pratical Programming for Strenght Training" - Rippetoe/Kilgore/Pendly Livros que ainda lerei: 1 - "Maximum Muscle": The Science of Intelligent Physique Training - Matthew Perryman 2 - "The Vault" - Dave Date 3 - "Supertraining" - Mel C Siff PhD 4 - "Science and Practice of Strength Training" - V. Zatsiorsky, W. Kraemer ( esse é ossinho pra se achar) 5 - "Developing Agility and Quickness" - Jay Daves/Mark Roozen
  9. Livros Básicos Para Concursos !

    Fala galera.. Preciso muito da ajuda de vcs. Sei que muitos compartilham comigo o sonho de passar em concursos públicos. Estabilidade, boa remuneração, benefícios, etc.. Bom, eu ainda não estou focado em um concurso específico (isto dificulta as coisas rsrs), mas eu sei que no geral caem algumas matérias recorrentes nos concursos, como: Administração pública, Gramática e língua portuguesa, informática básica, raciocínio lógico, matemática, direito, e por aí vai... Tudo depende do edital do concurso, eu sei, mas geralmente essas matérias aí não faltam né... Minhas perguntas são as seguintes: 1) Quais são as matérias básicas para um concurso público ? 2) Em meio a tantos livros, quais vcs me indicam (nome e autor) sobre as matérias citadas (ou outras matérias tbm) ? 3) Em relação a direito, qual costuma cair em concursos ? (lembrando que não sou formado em direito, então não vou prestar concurso tão específico para a área) Bom, seria isso....caso vcs conheça sites, canais no youtube, fóruns sobre concursos eu agradeço ! Valeu !!!
  10. Motivação Em Cutt

    Dificuldade *** enorme *** em manter o cutt. Estou perdendo todo o trabalho ao sabotar-me quando chega o fim de semana. Pessoal tem alguma dica pra passar? Vídeos, frases/fotos pra por na carteira/celular, enfim... Colegas que são cristãos poderiam citar algumas passagens boas pra serem lidas e lembradas durante o dia? Toda a ajuda será bem-vinda. Abraços
  11. Alguém já leu algum dos dois? Estou pensando em comprar algum mas não sei qual vale mais a pena, dei uma olhada no Nutrição: Entendedo os Nutrientes e parece ter uma linguagem muito boa, só precisa pesquisar algumas coisas, já o Nutrição para Atletas de Força vi o dudu Haluch indicando. Alguém pode me falar algo sobre esses livros? Indicações? Muito obrigado, abraços. Os preços são respectivamente 160 e 103reias.
  12. Bom pessoal, é comum vermos aqui no fórum pessoas com dúvidas fáceis de serem resolvidas, porém existem algumas que realmente necessitam de uma base teórica melhor. A grande "desculpa" que eu vejo para os usuários não buscarem informações antes de abrirem um tópico, é de que a maioria das infos está em estudos com outra língua. Vou criar este tópico para traduzir algumas literaturas que acho de suma importância pra quem visa iniciar nos esteróides, e peço a ajuda de quem puder pra fazer o mesmo. Vou começar com um livro que acho muito interessante e bem fácil de ser entendido. Aos poucos vou traduzindo ele e dividindo e spoilers. Quem for traduzindo também, faço o mesmo e coloco os créditos. Vamos à primeira parte: Sobre testosterona. dia 07/04/2014 Na medida do possível vou postando mais coisas do livro. Reparem que tem algumas coisas difíceis de se entender, mas é pq meu inglês não é perfeito, então usei o google tradutor. Lembrando, quem tiver outros textos e quiser compartilhar, manda p cá q eu coloco um spoiler com os devidos créditos. Abraços! Dia 07/04/2014 Exames de rotina by: Pedrosilva96 LISTA (MÍNIMO) EXAMES DURANTE O CICLO LISTA (MÍNIMO) EXAMES PÓS-CICLO LISTA (MÍNIMO) TESTES DE SANGUE POR CATEGORIA LIPÍDEOS (CARDIOVASCULAR) ESTEROIDES (MASCULINO) FAIXA DE REFERÊNCIA TESTOSTERONA TOTAL 241-827 ng/dL TESTOSTERONA LIVRE 8,7-25,1 pg/mL ESTRADIOL 10-53 pg/mL LH/FSH FAIXA DE REFERÊNCIA LH 2,5-9,8 ng/dL FSH 1,2-5,0 pg/mL TIREÓIDE FAIXA DE REFERÊNCIA TSH .35-5.5 ng/dL TIROXINA (T4) 4.5-12.0 pg/mL T3 ABSORÇÃO 24-39 pg/mL ÍNDICE DE TIROXINA LIVRE Esteroides: Este conjunto de testes deve observar, testosterona total e livre. O anterior é medida mais utilizada pelos médicos para identificar o grau de androgênio e determinar se há uma necessidade de terapia. A última medida representa, na realidade a facção de testosterona biodisponível (testosterona ativa) no corpo, e é, consequentemente, considerado como mais importante para avaliar o estado atual da androgenicidade. Estradiol é o princípio ativo de estrogênio no corpo, e tem papéis tanto nos efeitos colaterais (ginecomastia, retenção de água / gordura) e equilíbrio hormonal. Este é o marcador de estrogênio mais frequentemente analisado no perfil hormonal. LH / FSH: Hormônio luteinizante (LH) e Hormônio Folículo Estimulante (FSH), são responsáveis ​​por estimular a produção de testosterona e espermatogênese nos testículos. Estas medidas são mais relevantes quando se avalia a causa e as opções de tratamento potenciais para hipogonadismo, e não o impacto sobre a saúde a curto prazo, pelo uso de esteroides anabolizantes. A supressão a curto prazo, de LH / FSH, é esperado com o uso de esteroides anabolizantes. Tireoide: É considerada importante obter uma medida de referência da atividade da tireoide normalmente uma vez por ano. Acompanhamento de testes durante e após o uso de esteroides pode ser uma despesa, vista por alguns, como desnecessária. O uso de esteroides é improvável afetar permanentemente a função da tireoide, mas pode elevar um pouco os níveis da tireoide durante o uso. Um erro no diagnóstico de hipertireoidismo (tireoide hiperativa) é feita as vezes, em função destes números elevados. O efeito do uso de esteroides nos níveis da tireoide, deve ser levado em conta, antes do tratamento para hipertireoidismo ser ordenado. Exames Hepáticos TRIGLICERÍDEOS 0-149 mg/dL COLESTEROL TOTAL 100-199 mg/Dl HDL COLESTEROL >40 mg/dL VLDL COLESTEROL 5-40 mg/dL LDL COLESTEROL <100 mg/dL LDL/HDL RELAÇÃO <3.6 mg/dL RISCO DE RELAÇÃO LDL/HDL HOMEM MULHER ½ MÉDIA DE RISCO 1.0 1.5 MÉDIA DE RISCO 3.6 3.2 2X MÉDIA DE RISCO 6.3 5.0 3X MÉDIA DE RISCO 8.0 6.1 TESTES ADICIONAIS VALORES DE REFERÊNCIA PROTEINA C-REATIVA <5 mg/dL HOMOCISTEINA (0-30 ANOS) 4.6-8.1 umol/L HOMEM (30-59 ANOS) 6.3-11.2 umol/L MULHERES (30-59 ANOS) 4.5-7.9 umol/L >59 ANOS 5.8-11.9 umol/L RELAÇÃ APOLIPOPROTEINAS HOMEM MULHER apoB/apoA-l-Relação <.9 <.8 RISCO DE RELAÇÃO APO HOMEM MULHER BAIXO RISCO <.7 <.6 MÉDIO RISCO .7-9 .6-.8 ALTO RISCO >.9 >.8 Modelo Padrão Determinado: Este é um exame completo padrão do perfil lipídico. Idealmente, todos os valores devem ser mantidos dentro da normalidade em todos os momentos durante o tratamento com esteroides. Note-se que a razão LDL / HDL é considerada a medida mais importante dos testes de lipídios no sangue, uma vez que reflete o equilíbrio entre o acumulo contínuo de (LDL) e de remoção (HDL) nas artérias. A relação LDL / HDL é usado para avaliar mais de perto o risco de doença cardíaca em indivíduos que têm elevadas taxas de LDL ou colesterol total. Testes Adicionais: Proteína C-reativa e homocisteína são dois marcadores adicionais que são importantes para examinar a saúde cardiovascular. Proteína C-reativa é um indicador-chave da inflamação no corpo, e homocisteína está envolvida na coagulação do sangue e oxidação do colesterol LDL. Também é aconselhável incluir estas duas variáveis ​​no seu cronograma de testes cardiovascular. Relação Apo: Exames de Relação de Apolipoproteinas também é recomendado. Embora não seja comumente usado em medicina geral, o teste de apolipoproteina é cada vez mais considerado como um indicador mais preciso do risco de doença cardiovascular do que o teste de colesterol. Exames de Relação B (apoB) é encontrada em todas as partículas de LDL, e é responsável por fixar estas lipoproteínas às paredes das artérias. Exames de Relação AI (apo-1) é encontrada principalmente em partículas de HDL, e é responsável por iniciar o transporte reverso do colesterol benéfico. ApoA-1 permite que as partículas de HDL puxe o colesterol das paredes das artérias e transportá-los de volta para o fígado. A proporção de apoB para apo AI, portanto, parece refletir uma medida muito mais exata do saldo de partículas potencialmente aterogênicas e antiaterogênicas no sangue. Uma relação acima de 0,9 é geralmente considerado como indicativo de um aumento do risco de doença cardiovascular. Proporções menores refletem redução nas avaliações de risco de doença cardiovascular. SANGUE VELORES DE REFERÊNCIA ALBUMINA 3.5-5.5 g/dL GLOBULINA 1.5-4.5 g/dL PROTEINA TOTAL 6.0-8.5 g/dL BILIRRUBINA 0.1-1.2 mg/dL GGT (GAMA GT) <50 IU/L ALO (FOSFATASE ALCALINA) 25-150 IU/L AST (SGOT) 0-40 IU/L ALT (SGPT) 0-55 IU/L Um perfil hepático completo é importante para avaliar a agressão hepática. Os dois marcadores de agressão do fígado mais frequentemente elevados, pelo abuso de esteroides são as enzimas alanina amino-transferase (ALT) e aspartato aminotransferase (AST). ALT e AST são necessários para o metabolismo do ácido aminado no fígado, e irá vazar para a corrente sanguínea, devido a inflamação do fígado. Estas duas enzimas são geralmente considerados como principais indicadores de toxicidade hepática precoce, causada por esteroides. Houve casos em que os danos substanciais ao fígado ocorreram, sem elevações substanciais na ALT e AST, no entanto, uma análise mais detalhada dos valores das enzimas hepáticas é sempre aconselhável. A fosfatase alcalina (ALP) e gamaglutamiltranspeptidase (GGT) são conhecidas como enzimas colestaticas do fígado, o que significa que eles diminuem ou interrompem o fluxo de bílis (um líquido esverdeado que auxilia a digestão e é produzido no fígado). ALP e GGT são marcadores importantes da saúde do fígado durante o uso de esteroides, e deve ser incluído no exame de sangue regularmente. Elevações da ALP e GGT pode indicar obstrução das vias biliares (colestase intra-hepática), que refere-se a uma condição em que o fígado não pode mais adequadamente transportar e metabolizar bile. Colestase intra-hepática é uma manifestação potencialmente muito séria de toxicidade hepática induzida por esteroides, então elevações da ALP e GGT não devem ser desconsideradas. Leves alterações de ALT e AST podem ser causadas por danos musculares (exercício) e toxicidade do fígado não induzida por esteroides. Uma comparação com os níveis dos valores de base será importante para determinar a causa. Se o único fator que mudou foi a adição de um esteroide anabolizante hepatotóxico (exercício é outra forma estável), a droga é provavelmente a culpada. É importante lembrar que a ALP e GGT não são sempre elevadas com agressão direta ao fígado. Portanto, a elevação de quaisquer marcadores hepáticos acima do intervalo de referência (mesmo que apenas ALT e AST) pode indicar toxicidade hepática, e deve ser motivo de descontinuar o uso dos esteroides e reavaliar o risco. [/spolier] ENZIMA MUSCULAR (CREATINA QUINASE) Creatina Quinase 38-174 u/L A enzima creatina-quinase (CQ) é utilizada como um marcador da degradação muscular, lesões nos rins, e de danos no coração. Altos níveis geralmente indicam ataque cardíaco ou outro trauma nos órgãos. Esta enzima também pode se tornar elevada com o exercício, que quebra o tecido muscular, especialmente de intensa duração ou treinamento de resistência. Os níveis de CQ elevados causados ​​pelo treinamento de alta intensidade são muitas vezes confundidos com lesões de órgãos. É importante continuar a analisar outros marcadores de saúde de rim e coração antes de tal determinação ser feita. Note-se que os níveis de creatina quinase também pode ser útil para determinar se agressões ao fígado ou treinamento pesado é a causa de pequenas elevações nas enzimas hepáticas ALT e AST. Pequenos aumentos na ALT e AST causada por danos musculares geralmente coincidirá com CQ elevada e níveis de ALP e GGT normais. RINS WBC 4-11 RBC 81-103 CONTAGEM DE PLAQUETAS 130-400 HEMOGLOBINA 13-17 HEMATÓCRITO 40.7-50.3 (HOMEM) 36.1-44.3 (MULHER) Um hemograma completo é um dos exames de sangue mais comumente executado, e pode dar-lhe um bom retrato da saúde em geral, em muitos aspectos. Um teste de células do sangue completo vai lhe dar uma medida de contagem de células brancas (responsáveis ​​por combater a infecção), contagem de plaquetas (vital para a coagulação do sangue e cura) e contagem de células vermelhas do sangue (responsável pelo transporte de oxigênio). Contagem de células vermelhas e brancas, são subdivididos em várias medições individuais, muitas vezes referida como uma contagem de células diferenciada. A hemoglobina é o portador específico de gases em células vermelhas, e hematócrito é uma medida da porcentagem de células vermelhas do sangue no volume de sangue total. Devido aos seus efeitos sobre a eritropoiese, os esteroides anabólicos tendem a aumentar a contagem de células vermelhas no sangue, hematócrito, e as concentrações de hemoglobina. Enquanto isso pode aumentar a capacidade (aeróbico) de transporte de oxigênio, como a concentração de células vermelhas do sangue aumenta o mesmo acontece com a espessura do sangue. Hematócrito elevado pode aumentar o risco de ataque cardíaco ou acidente vascular cerebral. ELETRÓLITOS, MINERAIS E GLICOSE ÁCIDO ÚRICO 3.0-7.0 mg/dL CREATININA .5-1.5 mg/dL UREIA 5-26 mg/dL RELAÇÃO UREIA/CREATININA 8-27 Este painel de testes analisa três resíduos de produtos primários filtrados e excretados através dos rins, ureia, ácido úrico e creatina. Problemas aqui, pode indicar graves problemas renais que podem desenvolver. Nota-se que ureia é frequentemente elevado com excesso de consumo de proteína, e é usado por muitos médicos como um indicador de que muita proteína está sendo consumido pelo metabolismo. O elevado consumo de carne ou de creatina também pode elevar os níveis de creatinina, diminuindo o valor do teste de creatinina no sangue, como um marcador de saúde do rim. Eletrólito, minerais, e teste de glicose em jejum é importante para avaliar melhor a saúde dos rins, e é aconselhável, para além dos marcadores de rim acima. Uma análise rápida da urina para avaliar o PH, gravidade específica, e a presença de açúcar, sangue e cetonas também é pedido pela maioria dos médicos, e é geralmente recomendado ao lado do trabalho de sangue sempre que possível. PRÓSTATA SÓDIO 136-146 mEq/L POTÁSSIO 3.6-5.2 mEq/L CLORATO 98-109 mEq/L BICARBONATO (DIÓXIDO DE CARBONO) 21-30 mEq/L FÓSFORO 2.5-4.5 mg/dL CÁLCIO 8.5-10.5 mg/dL FERRO 35-185 mcg/dL GLICOSE (RÁPIDA) 35-185 mcg/dL Os níveis de eletrólitos são examinados para ajudar a detectar problemas com o fluido e equilíbrio eletrolítico. Valores anormais podem refletir algo tão pequeno como sódio ou deficiência de potássio, quanto uma doença mais grave, como doenças renais. Uma variedade de outros problemas de saúde também podem tornar-se evidentes, olhando para ambos os níveis de eletrólitos e minerais, dando-lhes um pouco de amplo valor prognóstico. A glicemia em jejum também é examinada para determinar se o indivíduo pode ter hipoglicemia (baixo nível de açúcar no sangue) ou hiperglicemia (açúcar elevado no sangue). Problemas com glicemia em jejum pode refletir condições de saúde, potencialmente graves, incluindo síndromes metabólicas, diabetes, doenças do pâncreas, doenças hepáticas, insuficiência renal, ou estresse agudo. PSA (ANTÍGENO PROSTÁTICO ESPECÍFICO) 0.0-4.0 ng/mL Antígeno Prostático Específico (PSA) é uma proteína produzida pelas células da glândula da próstata. Seus níveis podem tornar-se elevados em casos de hipertrofia benigna da próstata ou câncer de próstata. Apesar de ainda ser desconhecido, o nível de andrógenos aumentados pelos esteroides, pode aumentar o risco de câncer de próstata, sabe-se que esta doença pode ser progredida pelos níveis elevados de andrógenos dos hormônios (e estrogênio). O teste de PSA é considerado como uma importante ferramenta de diagnóstico para a triagem de risco câncer de próstata individual. Se os níveis de PSA estão elevados, a maioria vai aconselhar o não uso de esteroides. O Eixo HPTA Dessensibilização Testicular O papel dos IAâs Gonadotrofina coriônica humana (HCG) Finalizando o Programa Exemplo de Plano de Pós-ciclo: Para encerrar Artigo Original Dia 10/04/2014 Entendendo a tpc By: Pedrosilva96