Clique aqui

niel89

Membro
  • Total de itens

    299
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

3 Neutra

Sobre niel89

  • Rank
    Assíduo

Contact Methods

Profile Information

  • Objetivo
    Manutenção da saúde
  • Localização
    Fortaleza
  • Peso
    86
  • Altura
    1.80

Últimos Visitantes

4.202 visualizações
  1. Pão Branco? “Integral? Ou light? Quase sempre na minha conduta oriento o consumo de pão integral, particularmente gosto muito do produto, a resolução fala que o primeiro ingrediente é o que deve ter em maior quantidade em sua fabricação. Percebe a primeira foto que o primeiro ingrediente é a farinha branca, então esse seria um “falso integral”. Aparentemente um pão integral igual a um pão carioquinha? Isso mesmo! No entanto, mesmo esse pão sendo “falso integral” ainda continua sendo melhor que o carioquinha. Fui me informar em uma grande panificadora aqui no estado do Ceará e a fabricação funciona assim, para fazer o pão branco a cada 50 kg de farinha branca coloca cerca de 4 kg de açúcar, para o pão “integral” eram 40 kg de farinha branca e 10kg de farinha integral e 1,5 kg de açúcar, dessa forma o pão “integral” ainda continua sendo melhor por ter ainda mais vitaminas e maiores quantidades de fibras e menor quantidade de açúcar. Afinal, como comprar o pão pelo rotulo? Embora muitas empresas do nosso Brasil não sejam serias e podem adulterar esse rotulo, a figura 2 nos mostra que o primeiro ingrediente é a farinha de trigo integral então talvez este seja verdadeiramente integral, já a figura 3 é o light que tem pelo menos 25% em redução de algum nutriente ou das “calorias” em comparação com os similares do mercado ou com uma outra versão do mesmo produto. Mas fique esperto, nem todo produto light é bom de verdade, pois culturamente falando para todos, o light é o saudável. Às vezes a versão “original” pode estar tão cheia de sódio, gordura, açúcar que a versão light nem apresenta uma redução tão grande do prejuízo. Resumo da ópera: se for difícil encontrar um pão integral de verdade ou um que seja light e saudável, podem comer ainda assim, porém com moderação, sempre olhando e comparando os rotulo pois esta é a única segurança. Se gostou curte e compartilha! Caso tenha alguma dúvida, crítica ou sugestão, deixa nos comentários que iremos atender. Até a próxima!
  2. Nutrition 102

    Tarefa de Casa Tia Mafalda– FARMACOLOGIA Conceitos em Farmacologia. Defina e conceitue Droga, Fármaco e Princípio ativo. Defina e conceitue Receptor. Explique o que você entende por terapêutica. Explique e diferencie Potência de Eficácia. Farmacocinética Explique como a polaridade da molécula de fármaco influencia sua absorção. Explique como o pH pode modular a absorção de drogas. Descreva as vantagens e desvantagens da administração de drogas via oral. Descreva as características da absorção de fármacos pelas vias: Bucal, Sublingual e Retal. Quais as características e diferenças entre as vias parenterais: Subcutânea, Intramuscular e Intravenosa. Explique o que é o metabolismo de primeira passagem e conceitue Pró-droga. Como se dá a distribuição de fármacos? Explique o mecanismo dos compartimentos. Explique o que é metabolismo de fase I. Quais as reações e enzimas envolvidas? Explique o que é metabolismo de fase II. Quais as reações e enzimas envolvidas? Explique como de dá a excreção por via renal. Explique como se dá a excreção por via biliar e o mecanismo do ciclo enterro-hepático. Farmacodinâmica Explique o que é uma droga Agonista, Agonista parcial e Agonista inverso. Explique o mecanismo das drogas Antagonistas reversível e irreversível. Explique o mecanismo de ativação do receptor tipo Canal Ionico. Explique o mecanismo de ativação do receptor ligado a proteína G Explique o que são segundos mensageiros e como eles atuam nas vias intracelulares. Explique o mecanismo de ativação dos receptores ligados a proteína-quinase. Explique o mecanismo de ativação dos receptores nucleares. http://www.fontouraeditora.com.br/periodico/vol-11/Vol11n2-2012/Vol11n2-2012-pag-159a166/Vol11n2-2012-pag-159a166.pdf Brinde !!! Depois vamos fazer fichamentos.... rsrsrs Bom Feriado!!
  3. Nutrition 102

    Hum, esta legal o topico ´pometir nao escreve + vamos la>< Amigo isto acontece pelo metabolismo de primeira passagem no caso da oral .A droga de via pariental (sub cutaneo,intra muscular) nao tem este metabolismo por isto sao menos toxica e necessita de "menor" principio ativo para o resultado alcansado . Para enterdemos melhor devemos falar um pouco de metabolismo e Excreçao as droga sao divididas em apolares que sao + absorvida e lipofilicas =atravesa a menbra e sao menos excretadas e polares -abosrvida =nao atravesa a menbrana e sao + excretadas . No mestabolismo a uma transofmaçao para o farmaco sem ficar com maior polaridade para Facilita a excreçao e inativa os Farmacos . Existe fase do metabolismo que e fase 1 e 2 que tem como funçao torna farmacos + polares para facilitar a excreçao .Existe diversas formas metabolismo para deixa voçes um pouco animados de uma olhada no Ciclo Entero Hepatico o figado sofre metabolismo na bile vai pro intestino e la tem bacteria que quebra a confugaçao e vai pro figado denovo e fica por um bom tempo neste ciclo e nao cair na celular assim um farmaco pode nao fazer a açao especifica. Mudando de assunto sobre lesao e anabolizante o aparelho locomotor ativo, composto por músculos, se adapta mais rápido a sobrecarga quando comparado às estruturas do aparelho locomotor passivo, composto por ossos, cartilagem hialina, discos intervertebrais, tendões e ligamentos WEINECK 1989, p.11. Os tecidos do aparelho locomotor passivo apresentam metabolismo braditrófico que se caracteriza pela pouca densidade de capilares sanguíneos presentes. Deste modo, necessitam de maior tempo para apresentar adaptação equivalente ao sistema muscular, que é bastante irrigado pelos vasos. Por tal motivo, estímulos intensos em tecido ósseo e cartilaginoso não devem ser aplicados durante a fase de recuperação. Tal procedimento causará esgotamento energético levando o indivíduo a uma adaptação bionegativa, que é prejudicial ao seu rendimento e principalmente a sua saúde WEINECK 1989, p.11. Resumindo estou com preguiça de escrever mais seguinte os músculos se desenvolve mais rápido que os tendões e cartilagem devido a droga seu anabolismo foi muito rápido e não deu tempo estes tendões se adaptarem e nem criar novos vasos para nutrir. Quem quizer ver tb este meu slide http://www.hipertrofia.org/forum/topic/23801-anabolizantes/
  4. Vídeo: Melhorando Os Músculos Fracos

    Ola, grande Leandro tudo bem? Não concordo com algumas coisa quando temos um musculo com deficiência e provável que ela tem maior numero de fibras de contração lentar pois Powers 2012 afirma que as fibras de contração rápida tem cerca de 20 a 25% mais volume que a contração lenta então este sujeito com deficiência deveria treinar primeiramente series com mais repetição visto que talvez ela tenha mais fibras de contração lenta no musculo alvo (Fleck 2010)
  5. Kettlebell E O Conceito De Super Rigidez

    Olha tenho que dizer e pesquise sobre cavidade glenoide os antigos soviéticos tem elas bem mais forte e profunda que as nossas , infelizmente somos “delicados” não aconselho a ninguém fazer estes treinamentos.
  6. Olá Craw69 legal seu poste, primeiramente e complicado o estudo sobre bcaa ou melhor qualquer estudo e complicado falando de suplementos principalmente visto que algumas marcas inverti e manipula resultado gostaria de saber sobre esses seu estudo qual o nível de revista, artigos que leu? Foi A1, A2, A3 pois se tratando disso acho muito complicado falar de Bcaa com artigos de baixo de nível, quero muito saber pois estar e uma discursão muita complexa a qual eu tenho muita curiosidade e estudo . Bem com isto vou fazer um comentário. Existe sim alguns artigos novos sobre Bcaa no MEdline e com rank muito bom, outro fato e você falar sobre EPOC NO treino aeróbico visto que Segundo Fleck 2010, Weineck 2004, Kramer 2012 , o Epoc so acontece no treinamento de força e este mesmo dura cerca de 2 a 3 horas após atividade e corresponde cerca de 10 a 15% a mais gasto calórico visto isso um exemplo se o sujeito gasta 100 kcal por hora ele vai gasta 20 a 30 calorias a mais então e desprezível hoje em muitas condutas não se utilizar e nem se conta mais se tiver algum artigo de bom respaldo peço que me mande por favor fiquei curioso já procurei na Bireme, Medline, Scielo e nada.. Agora vou falar um pouco de de uma citação sua 3) Aqui entra o problema. O unico estudo* feito com BODYBUILDERS naturais (nao com ciclistas e outros tipos de atletas, como é comum ver) e que comprova a eficacia do BCAA, nesse sentido, recomenda 0.44g/kg usado antes, durante e após o treino. Acho complicado uma afirmação deste artigo citar uma recomendação , pois depende muito da atividade ,objetivo visto que um ciclistas usam pois talvez acredita na hipótese da fadiga central bcaa x triptofano ou hoje já utilizando bebidas e gel mistos carbo mais aminoácidos na concentração de 1,5% . Bem desculpe qualquer coisa realmente as vezes pareço chato e porque vou ministra uma aula e uma especialização e tenho que ser direto e o mais cientifico possível vou falar um pouco tentando ser básico sobre metabolismo. Vamos la, leucina melhora a resposta a insulina pois e metabolizado na célula B aumentando o acetol-coa que faz a síntese do ATP . Atividade da leucina no pâncreas tem papel importante como fato estimulador de insulina, e estimula o metabolismo das célula beta , elevando o nível de Atp promovendo assim a liberação das vesícula com insulina (hoje utilizamos bcaa em diversas patologias com grandes sucesso) claro que em outras concertação e de forma compostos. E visto que induz varias rotas metabólicas dentro da célula aumenta os níveis de HMB . Este produto inibir a degradação da membra da células, reduz os nível de TNF-alfa diminuindo assim as resposta inflamatória e que induz indiretamente alguns gene que iniciar a síntese proteica . O HMB induz na célula o aumento do IGF que e uma substancia que induz anabolismo. O exercício físico aumenta a produção de espécie reativa de oxigênio (radicais livres) e já e certo que a suplementação de BCAA reduiz os danos de radicais livres. Bem, e isso ai me desculpe qualquer coisas (principalmente pelos erros de português heheh, to meio confuso depois dos cursos em Portugal) Abraços.
  7. Noções Básicas De Fisiologia Do Exercício

    Ah, um tempo atrás tentei deixar o fórum mais cientifico coloquei estes textos e slides meus olhem soh..
  8. Noções Básicas De Fisiologia Do Exercício

    Ola, legal galera tudo bem mais prefiro ser colocado na parede e perguntado do que me expressar , e meio complicado para min olhar pois curso Nutrição e sou mestrando e ainda sou professor substituto de uma faculdade , além de ser proprietário de uma academia meio sem time as vezes e outra me desculpe pelos erros de Português e por causa de alguns artigos do mestrado que visito em Portugal ai o português e meio misto rsrsrs.. Mais vamos para oque interessar vamos primeiro para o lourensini SEGUNDA DANTE PESSOAS COM PREDOMINCIAS DE FIBRAS DE FORÇA TENDEM ACUMULAR GORDURA MAIS FACILMENTE E TER DIFICULDADES PARA PERDER DEVIDO TER MENOS MITOCONDRIAS EM SUAS CELULAS E TER SEU METABOLISMO ANAEROBICO MAIS APURADO isto justificar sua gordura . Nosso outro amigo Taels conheço Kraemer, Dilmar P Guedes, e tb FLECK pessoalmente e troco informações diretamente com ele isso que falei sobre repetições foi ele que me disse quando questionei. Hum... vamos de novo segundo fleck a melhor forma de treinamento seria variações de carga pelo modelo ondulatório não vou me prender a tanto o sistema nervoso fisiomotricidade estas coisas rsrs ele fala que temos que fazer um treino para ativar as fibras de forma “separadas” tipo 5x de 1 a 6. 4x de 8 a10 3x 12-15 isto por semana ou treino ai faz assim quem tem “fibras de resistência” treina mais alternado a resistência e dar por diante. Já basta qualquer coisa me add no msn [email protected] .Ou vem conhecer minha academia aki no Ceara rsrsrs. OK!! VAMOS DISCUTIR!! QUERO SUGESTÕES DE ASSUNTOS
  9. Noções Básicas De Fisiologia Do Exercício

    Ai, ai , ai amigo faz tempo que não entro não tem como falar qual a melhor de hipertrofia 3x8 , 4x6 isso vai varia do tipo de fibras que possa ter quanto mais fibras de potencia mais forte vai treinar quem talvez tenha mais resistência faz series mais altas .No livro biologia do esporte fala que a distribuição de fibras e cefalo –podalica então quem tem extremidade grossa e provável que tenha mais fibras de força então provavelmente vai ter mais força já que no powers de 2011 ele fala que as fibras de força tem mais enzimas miosinas atapase e forma mais pontes cruzadas e tem volume de cerca de 20 a 25% a mais em outra literatura reforça mais ainda falando que a pressão exercidas nos vasos vao ser maiores devido esta enzima e com isso quem tem mais fibras de força transpira mais. Diante disso recomendo que estude A FISIOMOTRICIDADE O RECRUTAMENTO SELETIVO DE FIBRAS e o livro fundamento do treinamento de força a parte de periodização não linear ondulatória. Qualquer duvidas manda por email [email protected] Tenho 17 gb de texto e slides de minhas autorias e alguns artigos. Abraços.
  10. Anatomia - Sistemas Do Corpo.

    Copiei das minhas aulas sou Monitor de Fisiologia e bioquímica texto de minha autoria tenho todos os sistemas e muito , muito assunto.
  11. Bem não li tudo mais falar de hipertrofia muscular e complicado existem mais de 100 fatores que levam a hipertrofia (Fleck). Uma coisa que podemos dizer a distribuição de fibras sujeitos que tem maior quantidade de fibras de força tender ate maior volume muscular devido o próprio sistema energético e também por gerar mais pontes cruzadas (Força) elas ainda tem cerca de 25% mais volume e maior velocidade de contração . Existe algumas coisa para saber se somos dotados de fibras de força Segundo Dantes as fibras musculares de força aumenta muito a pressão nos vasos e fazem com que aja maior necessidade do sistema de resfriamento do corpo (geralmente essas pessoas transpirar com maior quantidade) Já WEINECK afirma que a distribuição de fibras musculares e cefalo –podalica (vem da cabeça aos pés) isso significa que quanto maior for a extremidade ex :mais grosso for o punho ou o antebraço e provalver que tenha maior quantidade de fibras de força. Uma curiosidade segundo Wilmore a capacidade de hipertrofia de ecto para meso pode chegar ate 3x.
  12. Anatomia - Sistemas Do Corpo.

    SISTEMA ENDÓCRINO Dá-se o nome de sistema endócrino ao conjunto de órgãos que apresentam como atividade característica a produção de secreções denominadas hormônios, que são lançados na corrente sangüínea e irão atuar em outra parte do organismo, controlando ou auxiliando o controle de sua função. Os órgãos que têm sua função controlada e/ou regulada pelos hormônios são denominados órgãos-alvo. Constituição dos órgãos do sistema endócrino Os tecidos epiteliais de secreção ou epitélios glandulares formam as glândulas, que podem ser uni ou pluricelulares. As glândulas pluricelulares não são apenas aglomerados de células que desempenham as mesmas funções básicas e têm a mesma morfologia geral e origem embrionária - o que caracteriza um tecido. São na verdade órgãos definidos com arquitetura ordenada. Elas estão envolvidas por uma cápsula conjuntiva que emite septos, dividindo-as em lobos. Vasos sangüíneos e nervos penetram nas glândulas, fornecendo alimento e estímulo nervoso para as suas funções. Os hormônios influenciam praticamente todas as funções dos demais sistemas corporais. Freqüentemente o sistema endócrino interage com o sistema nervoso, formando mecanismos reguladores bastante precisos. O sistema nervoso pode fornecer ao endócrino a informação sobre o meio externo, ao passo que o sistema endócrino regula a resposta interna do organismo a esta informação. Dessa forma, o sistema endócrino, juntamente com o sistema nervoso, atuam na coordenação e regulação das funções corporais. Alguns dos principais órgãos produtores de hormônios Alguns dos principais órgãos produtores de hormônios no homem são a hipófise, o hipotálamo, a tireóide, as paratireóides, as supra-renais, o pâncreas e as gônadas. Hipófise ou pituitária Situa-se na base do encéfalo, em uma cavidade do osso esfenóide chamada tela túrcica. Nos seres humanos tem o tamanho aproximado de um grão de ervilha e possui duas partes: o lobo anterior (ou adeno-hipófise) e o lobo posterior (ou neuro-hipófise). Imagem: AVANCINI & FAVARETTO. Biologia – Uma abordagem evolutiva e ecológica. Vol. 2. São Paulo, Ed. Moderna, 1997. Além de exercerem efeitos sobre órgãos não-endócrinos, alguns hormônios, produzidos pela hipófise são denominados trópicos (ou tróficos) porque atuam sobre outras glândulas endócrinas, comandando a secreção de outros hormônios. São eles: Tireotrópicos: atuam sobre a glândula endócrina tireóide. Adrenocorticotrópicos: atuam sobre o córtex da glândula endócrina adrenal (supra-renal) Gonadotrópicos: atuam sobre as gônadas masculinas e femininas. Somatotrófico: atua no crescimento, promovendo o alongamento dos ossos e estimulando a síntese de proteínas e o desenvolvimento da massa muscular. Também aumenta a utilização de gorduras e inibe a captação de glicose plasmática pelas células, aumentando a concentração de glicose no sangue (inibe a produção de insulina pelo pâncreas, predispondo ao diabetes). Imagem: CÉSAR & CEZAR. Biologia 2. São Paulo, Ed Saraiva, 2002 Hipotálamo Localizado no cérebro diretamente acima da hipófise, é conhecido por exercer controle sobre ela por meios de conexões neurais e substâncias semelhantes a hormônios chamados fatores desencadeadores (ou de liberação), o meio pelo qual o sistema nervoso controla o comportamento sexual via sistema endócrino. O hipotálamo estimula a glândula hipófise a liberar os hormônios gonadotróficos (FSH e LH), que atuam sobre as gônadas, estimulando a liberação de hormônios gonadais na corrente sanguínea. Na mulher a glândula-alvo do hormônio gonadotrófico é o ovário; no homem, são os testículos. Os hormônios gonadais são detectados pela pituitária e pelo hipotálamo, inibindo a liberação de mais hormônio pituitário, por feed-back. Como a hipófise secreta hormônios que controlam outras glândulas e está subordinada, por sua vez, ao sistema nervoso, pode-se dizer que o sistema endócrino é subordinado ao nervoso e que o hipotálamo é o mediador entre esses dois sistemas. Imagem: CÉSAR & CEZAR. Biologia 2. São Paulo, Ed Saraiva, 2002 O hipotálamo também produz outros fatores de liberação que atuam sobre a adeno-hipófise, estimulando ou inibindo suas secreções. Produz também os hormônios ocitocina e ADH (antidiurético), armazenados e secretados pela neuro-hipófise. Tireóide Localiza-se no pescoço, estando apoiada sobre as cartilagens da laringe e da traquéia. Seus dois hormônios, triiodotironina (T3) e tiroxina (T4), aumentam a velocidade dos processos de oxidação e de liberação de energia nas células do corpo, elevando a taxa metabólica e a geração de calor. Estimulam ainda a produção de RNA e a síntese de proteínas, estando relacionados ao crescimento, maturação e desenvolvimento. A calcitonina, outro hormônio secretado pela tireóide, participa do controle da concentração sangüínea de cálcio, inibindo a remoção do cálcio dos ossos e a saída dele para o plasma sangüíneo, estimulando sua incorporação pelos ossos. Paratireóides São pequenas glândulas, geralmente em número de quatro, localizadas na região posterior da tireóide. Secretam o paratormônio, que estimula a remoção de cálcio da matriz óssea (o qual passa para o plasma sangüíneo), a absorção de cálcio dos alimentos pelo intestino e a reabsorção de cálcio pelos túbulos renais, aumentando a concentração de cálcio no sangue. Neste contexto, o cálcio é importante na contração muscular, na coagulação sangüínea e na excitabilidade das células nervosas. As glândulas endócrinas e o cálcio Adrenais ou supra-renais São duas glândulas localizadas sobre os rins, divididas em duas partes independentes – medula e córtex - secretoras de hormônios diferentes, comportando-se como duas glândulas. O córtex secreta três tipos de hormônios: os glicocorticóides, os mineralocorticóides e os androgênicos. Pâncreas É uma glândula mista ou anfícrina – apresenta determinadas regiões endócrinas e determinadas regiões exócrinas (da porção secretora partem dutos que lançam as secreções para o interior da cavidade intestinal) ao mesmo tempo. As chamadas ilhotas de Langerhans são a porção endócrina, onde estão as células que secretam os dois hormônios: insulina e glucagon, que atuam no metabolismo da glicose. Imagem: AMABIS & MARTHO. Conceitos de Biologia Volume 2. São Paulo, Editora Moderna, 2001.
  13. Noções Básicas De Fisiologia Do Exercício

    Vamos lá gente temos varias rotas metabólicas dentro elas as mais importantes para a musculação seria anaeróbica lática e alatica cujos um dos produtos e o piruvato que quebarar em acido lático que perdera o íon de hidrogênio que será causador da acides muscular sobre o lactato e meio complicador ele acabar que como vocês já disseram ele vem do ciclo da glicólise “ quebra da glicose” pois o musculo esquelético não tem a enzima fosfatase responsável pela quebra de glicose porem ele faz um mecanismo chamado ciclo de Cori que pega a produção de glicose decorrente da quebra do glicogênio muscular onde através do metabolismos anaeróbico ocorre uma produção significativa de lactato . Este e conduzido pela circulação ao fígado e através da gliconeogenese (formação de glicogênio através de outro substrato) ocorre a formação de glicose , retornando esta glicose para circulação podendo ser utilizada pelo musculo na manutenção da glicemia ou via metabólica. Nosso fígado tem cera de 90 grama de glicogênio já os musculo 310 entao demorar um pouco para acabar as reservas. Galera da uma olhada nisso!! http://www.hipertrof...ercicio-fisico/ http://www.hipertrof...nabeta-alanina/