estimulantes apetite Estimulantes de apetite: qual o melhor ?

Uma das dúvidas mais comuns que podemos encontrar no Fórum Hipertrofia diz respeito aos populares remédios para engordar: existem muitos no mercado e cada um tem sua particularidade. Nesse artigo, vamos comparar três dos medicamentos mais comuns nesse ramo: o Profol, a Buclina e o Cobavital. Aprenda sobre as diferenças entre cada um deles, bem como vantagens e desvantagens, e fique bem informado!

Como os remédios para engordar funcionam?

Basicamente, remédios para ganhar peso agem principalmente como estimulantes do apetite. Portanto, não há nenhuma fórmula mágica para você engordar: é preciso sempre associar esses medicamentos com uma dieta adequada e, de preferência, fazendo acompanhamento com um bom nutricionista.

Além disso, é claro, praticar musculação para ganhar massa magra é essencial: se você aumentar o seu apetite e passar a comer mais sem praticar exercícios de sobrecarga, vai ganhar (como qualquer outra pessoa no planeta) acúmulo de gordura, especialmente no abdômen. E hoje sabemos que a gordura abdominal predispõe a doenças cardiovasculares e metabólicas como a Diabetes.

Vamos comparar os medicamentos?

Cobavital

Comecemos pelo Cobavital. Esse medicamento é uma associação de duas substâncias: a Cobamamida (considerada um anabolizante não-esteróide) e o Cloridrato de Ciproeptadina (que age como estimulante do apetite).

O principal efeito do medicamento é a estimulação do apetite, mas a presença da Cobamamida é um grande diferencial do Cobavital: os outros medicamentos que vamos comentar aqui não costumam ter um componente anabolizante em sua fórmula. A Cobamamida aumenta a eficácia do metabolismo protéico hepático e melhora a síntese de moléculas no corpo como um todo.

Além disso, pela Cobamamida não ser um anabolizante esteroidal, não traz nenhum dos efeitos indesejados destes, como a virilização, aumento de pilificação, espermatogênese prejudicada e assim por diante. Mas, é claro, não sabemos até que ponto esse componente é um anabolizante eficaz: pelo medicamento ser bastante barato, não espere nada absurdo, é apenas uma “forcinha”, algo bem baixo, para melhorar um pouco o seu metabolismo enquanto aumenta o seu apetite. Se fosse um anabolizante fantástico seria um produto muito mais caro, concorda?

Buclina

A Buclina traz como composto principal o Cloridrato de Buclizina. Esse composto tem vários efeitos em nosso corpo: ele é antiemético (evita o vômito e reduz enjôo ou náuseas), além de ser orexígeno (o contrário de anorexígeno, ou seja, estimula a sua fome) e anti-histamínico (antialérgico). Por sinal, medicamentos anti-histamínicos costumam ser a primeira escolha dos médicos para estimular o ganho de peso.

Segundo o produtor do medicamento, o Cloridrato de Buclizina ainda age como hipoglicemiante, ou seja, retira o açúcar do seu sangue. Isso, em nosso corpo, estimula nosso “centro da fome” no cérebro, fazendo com que nosso apetite aumente.

A Buclina não tem um componente anabolizante como o Cobavital e é um pouco mais barato que este, mais ou menos a metade do preço.

Profol

Já o Profol (não confunda com Propofol, um anestésico!) é “uma Buclina mais reforçada”: seu principal componente é o Cloridrato de Buclizina também, mas traz ainda Cloridrato de L-Lisina, L-Triptofano, Cloridrato de Piridoxina (Vitamina B6) e Cianocobalamina (Vitamina B12).

A Lisina é um dos aminoácidos essenciais (ou seja, aminoácidos que nosso corpo não consegue produzir por si só e devemos adquirir da dieta) usada para produzir todos os tipos de proteínas do nosso corpo. Ela é especialmente importante na absorção de cálcio, na construção da proteína dos músculos e na recuperação de cirurgias ou lesões esportivas. Hoje em dia é até pesquisada para o auxílio no tratamento do câncer.

O Triptofano, por sua vez, também é um dos aminoácidos essenciais. Ele é um dos componentes necessários para produzir a Serotonina no cérebro, hormônio esse que induz o bem-estar. A falta de triptofano e/ou serotonina está ligada com a depressão.

Esses componentes fazem do Profol um medicamento mais completo do que a Buclina, o que pode ser útil nos casos em que a Buclina não fez efeito.

E então, qual destes devo escolher?

Primeiro de tudo, é importantíssimo que você faça uma consulta com um bom médico (de preferência um Endocrinologista) antes de tomar qualquer medicamento buscando o ganho de peso. Só um médico especializado terá conhecimento suficiente para te indicar um ou outro desses remédios da melhor forma possível. Além disso, cada caso é um caso: existem vários fatores que podem pesar para escolha de um medicamento ao invés de outro e não é um artigo na internet que vai resolver todos os seus problemas!

Visto isso, imagino que o melhor medicamento para uma primeira abordagem é o Cobavital, por ser extremamente barato e trazer um componente anabolizante além do estimulante do apetite. Mais uma vez, repito que não sabemos até onde esse efeito vai, mas pode trazer uma taxa de sucesso melhor.

O Profol é o segundo mais indicado, por ser um pouco mais completo do que a Buclina e esta, em associação com polivitamínicos (o que é bastante comum vermos por aí), também pode ser extremamente útil.

Lembre-se sempre: o que funciona pra você pode não funcionar para outra pessoa e vice-versa! Por isso, nada melhor do que um bom nutricionista e um bom médico para lhe guiarem. Espero que esse artigo tenha lhe ajudado a esclarecer melhor como esses remédios funcionam. Um abraço e boa sorte na sua jornada para ganhar uns quilinhos a mais! :)

Sobre: o artigo foi escrito pela equipe do site ComoEngordar.org, que recebe atenção especializada de médicos e nutricionistas variados para compor seus artigos. Lá você encontra informações sobre medicamentos e outras dicas variadas e de altíssima qualidade para te ajudar na jornada de ganhar peso com saúde. Dá uma passadinha por lá!



Clique aqui!

Atenção: o site Hipertrofia.org não autoriza a cópia dos artigos em outros sites, mesmo dando os devidos créditos. O infrator, além de ser responsabilizado judicialmente, poderá sofrer a exclusão da página dos resultados do Google, devido a duplicidade de conteúdo.

Protected by Copyscape Originality Check